14 de agosto de 2017 às 10:10

São Luiz celebra 13ª edição do Dia Nacional do Campo Limpo na sexta

O Sistema Campo Limpo (logística reversa de embalagens vazias de defensivos agrícolas) tem resultados expressivos a comemorar. São mais de 420 mil toneladas de embalagens corretamente destinadas desde 2002, quando o programa entrou em operação. Ao retirar dos campos 94% das embalagens plásticas primárias comercializadas, o Brasil se mantém como líder mundial em destinação adequada desse material. Essas conquistas serão celebradas em 18 de agosto, Dia Nacional do Campo Limpo.

O evento deve acontecer em mais de 100 unidades de recebimento de 22 estados do país. Para festejar, a central de recebimento de embalagens vazias de defensivos agrícolas de São Luiz Gonzaga, gerenciada pela Armissões (Associação das Revendas de Defensivos Agrícolas de SLG e Região), promoverá o DNCL na Escola, concurso onde as escolas do entorno inscrevem ações organizadas por seus professores, com o objetivo de promover a conscientização ambiental junto aos alunos, e concorrem a prêmios; e o DNCL Ação com Agricultor, evento responsável pela difusão de novas tecnologias e soluções sustentáveis entre agricultores.

Modalidade DNCL Ação com Agricultor

Data: 18 de agosto
Horário: 14h30
Local: Auditório da Coopatrigo
Público: 150 participantes esperados
Entrada franca

Sobre o Dia Nacional do Campo Limpo

O Dia Nacional do Campo Limpo foi instituído no calendário brasileiro em 18 de agosto, por meio da Lei Federal 11.657 de 16 de abril de 2008. Mais de um milhão de pessoas, de todo o país, já participaram das comemorações; em 2016 foram mais 70 mil participantes. A celebração da data é realizada pelas centrais de recebimento de embalagens vazias, com apoio do inpEV, seus associados fabricantes de defensivos agrícolas, entidades representativas do setor (Abag, Aenda, Andav, Andef, Aprosoja, CNA, OCB e Sindiveg), organizações públicas (governo municipal e estadual) e privadas, além de outros apoiadores locais.

Sobre o inpEV

Há 15 anos, o inpEV (Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias) atua como núcleo de inteligência do Sistema Campo Limpo nas atividades de destinação de embalagens vazias de defensivos agrícolas e promove ações de conscientização e educação ambiental sobre o tema, conforme previsto em legislação. É uma instituição sem fins lucrativos formada por mais de 100 empresas e nove entidades representativas da indústria do setor, distribuidores e agricultores.

Sobre o Sistema Campo Limpo

O Sistema Campo Limpo tem como base o princípio das responsabilidades compartilhadas entre todos os elos da cadeia produtiva (agricultores, fabricantes e canais de distribuição, com apoio do poder público) para realizar a logística reversa de embalagens vazias de defensivos agrícolas. O Brasil é referência mundial na destinação ambientalmente correta do material, encaminhando 94% de embalagens plásticas primárias para reciclagem ou incineração. Mais informações sobre o inpEV e o Sistema Campo Limpo estão disponíveis no site www.inpev.org.br, no Facebook, Youtube e Instagram.

Por Daniela Mesquita/Analu Oliveira

Foto em destaque: divulgação internet