11 de outubro de 2017 às 17:42

Em novembro se inicia mais uma etapa de vacinação contra a Febre Aftosa

O Estado do Rio Grande do Sul se prepara visando mais uma etapa da vacinação contra a Febre Aftosa. De 1º a 30 de novembro ocorre a tradicional segunda etapa da vacinação, onde devem ser imunizados bovinos e búfalos de 0 a 2 anos de idade.

Um dos pontos que a Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Irrigação (SEAPI) segue enfatizando é a importância de todos os produtores comprarem suas doses de vacina, uma vez que o Governo não realiza mais a doação de doses, mesmo para aqueles que possuem um rebanho de poucas cabeças.

Em São Luiz Gonzaga há quatro agropecuárias cadastradas para vender as doses de vacina contra aftosa: Agropecuária Moura, Agropecuária Torres e Praxedes, Barraca Missões e Coopatrigo.

Mudanças

Vale ressaltar que essa rotina poderá mudar em breve, pois, durante a Expo São Luiz 2017, em reunião da SEAPI realizada no Parque de Exposições, o titular da pasta, Ernani Polo, acenou com a possibilidade de o RS se tornar zona livre de aftosa sem vacinação no ano de 2019, caso auditoria do Ministério da Agricultura confirme que nosso estado encontra-se em condições de ostentar tal status.

Contato

Mais informações sobre a campanha em nível regional podem ser obetidas com a equipe da 17ª Supervisão Agropecuária, com sede em São Luiz Gonzaga, pelo fone (55)-3352-1790.

Por Genaro Caetano/Rádio São Luiz

Foto em destaque: divulgação internet