14 de outubro de 2017 às 10:29

Reunião na segunda-feira pode encerrar suspensão da importação de leite uruguaio

Desde a terça-feira (10), quando o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, anunciou a suspensão das licenças de importação do leite uruguaio, a notícia vem sendo saudada pelos produtores no Brasil.

Uma das reclamações da organização que representa a classe – cuja pressão acabou gerando essa medida, é que o Uruguai estaria exportando leite que não é produzido lá, pois a produção do país seria insuficiente para atender a quantidade que tem chegado ao Brasil. Além disso, o preço mais barato do produto uruguaio inviabiliza a competição e tem causado prejuízos aos produtores brasileiros.

O governo do Uruguai nega e ontem a noite (13), conforme a Secretaria de Comunicação da Presidência, o presidente Michel Temer conversou por telefone sobre o assunto com o presidente uruguaio, Tabaré Vázquez. Os dois acordaram que uma missão brasileira vá ao país vizinho na segunda-feira (16) para resolver o impasse e isso pode resultar na retomada das importações.

Imagem destaque: divulgação/internet

*Com informações das agências nacionais