3 de dezembro de 2017 às 09:30

Familiares e amigos de jovem morto em acidente protestam em Guarani das Missões

Kaká, como era conhecido, morreu aos 22 anos. Imagens: Tainara Ortiz

Ontem à tarde (2), por volta das 14h30min, uma grande passeata percorreu as ruas de Guarani das Missões em protesto pela trágica morte de Juliano Martins Brum, 22 anos, mais conhecido pelo apelido “Kaká”. Juliano tornou-se vítima depois que sua motocicleta, uma Honda Falcon, colidiu frontalmente com uma Amarok, de um morador do mesmo município.

O caso aconteceu na noite do dia 25 de novembro, na BR 392, e deixou a comunidade consternada. No trecho em que houve a colisão um redutor de velocidade indica que a velocidade máxima é de 50 km/h, mas a força do impacto – que amputou uma das pernas do jovem e arrancou uma das rodas da camionete – sugerem que este limite não foi respeitado. O caso está sob investigação da Polícia Civil.

Conforme os amigos, Kaká era um garoto amado por todos e possuía boas relações na comunidade. Dezenas foram às ruas com cartazes, camisetas com a inscrição “queremos justiça” e balões brancos. Muitos de seus amigos também percorreram o trajeto de moto, veículo que também era uma das paixões do jovem.

Assista ao vídeo

Fonte: Rádio São Luiz