22 de janeiro de 2018 às 11:44

Agentes de combate a endemias visitaram mais de 26 mil imóveis em seis meses

Parte da equipe de agentes de combate a endemias que atuam no município. Foto: divulgaão Assessoria

A Vigilância Ambiental segue promovendo um trabalho intensivo para combater o mosquito Aedes aegypti. Entre julho e dezembro de 2017, os agentes de combate a endemias do município visitaram 26.850 imóveis (como residências, comércios, terrenos baldios, escolas, entre outros). O trabalho de campo possibilitou ao setor identificar o Bairro Presidente Vargas como o local com maior índice de proliferação de larvas do mosquito no último ano.

Atualmente, graças a um trabalho rigoroso de controle e prevenção, o índice de proliferação do Aedes aegypti no município está controlado. “No último ano, dois casos suspeitos de dengue e um de chikungunya foram notificados, os quais apresentaram resultados negativos para as doenças. Gostaria de destacar a dedicação da nossa equipe de combate a endemias e agradecer a colaboração da comunidade são-luizense. Esperamos continuar contando com esse apoio da população também em 2018, para mais um ano livre das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti”, ressalta o coordenador da equipe de combate a endemias de São Luiz Gonzaga, Milton Fagundes.

Milton destaca também a importância da colaboração de todos para evitar a proliferação do vetor, realizando periodicamente a revisão dos pátios, não deixando recipientes que possam acumular água ao ar livre e recebendo os agentes de combate a endemias para as visitas. Além do trabalho diário de campo com orientações aos moradores, a equipe também visita os denominados Pontos Estratégicos, são eles: sucatas, borracharias e o Cemitério Municipal.

No último ano, os agentes também realizam o atendimento de denúncias da população e integraram o Programa Saúde na Escola, ministrando palestras nos educandários da rede municipal e estadual de ensino. Nos meses de outubro e novembro, os agentes de combate a endemias participaram de uma capacitação promovida pela 12ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS) em parceria com o Centro Estadual Vigilância em Saúde (CEVS), visando aprimorar o serviço realizado no município.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de São Luiz Gonzaga