27 de janeiro de 2018 às 15:09

Giruá sediou abertura oficial da colheita estadual do milho 2017/2018

Prefeitos da AMM participaram do evento, que exaltou as potencialidades agrícolas missioneiras. Imagens/divulgação

Em 2017 a produção de milho em Giruá, região das Missões, foi de 36.210 toneladas, 0,7% da produção gaúcha, em 4.330 hectares e uma produtividade de 7.500 quilos por hectare. Anualmente, uma cidade e uma propriedade são escolhidas para sediar a abertura oficial deste evento, que tem o uso das tecnologias como critério de escolha.

Por esse motivo, na sexta-feira (26) foi realizada no interior do município de Giruá, na Fazenda Agropecuária Ouro Verde, da família Beutinger, a 7ª edição da abertura oficial da colheita estadual do milho, com a presença do governador do Estado, José Ivo Sartori.

Apromilho – Associação dos Produtores de Milho do Rio Grande do Sul, Abramilho – Associação Brasileira dos Produtores de Milho, em parceria com a Prefeitura Municipal de Giruá e Agropecuária Ouro Verde, foram os organizadores do evento.

Capital da produtividade
Prefeito anfitrião, Rubem Weimer salientou a relevância da cerimônia de abertura, que integra as festividades alusivas ao aniversário de 63 anos de emancipação político-administrativa de Giruá, comemorado no domingo (28). “Estamos muito contentes em sediar um evento desta grandiosidade, tão importante para os nossos agricultores”, destacou Weimer.

Ele acrescentou que, além do município sediar o ato solene de abertura da colheita, a presença do governador Sartori, secretários de Estado, deputados federais e estaduais, presidentes da Apromilho e Abramilho, vereadores, prefeitos da Associação dos Municípios das Missões (AMM) e da Associação dos Municípios da Grande Santa Rosa (AMGSR), empresários, imprensa e agricultores, é uma demonstração de que Giruá faz jus ao título reconhecido através de lei estadual. “Nosso município é considerado a Capital da Produtividade. Por isso, somos gratos pela oportunidade de exaltarmos o potencial giruanse”, comemorou Weimer, expressando gratidão à família Beutinger, proprietária da Fazenda Agropecuária Ouro Verde.

Agricultura familiar
Diretor do Detur e prefeito de São Nicolau, Ricardo Klein representou o presidente da AMM/Funmissões, Brasil Antonio Sartori, que por motivo de saúde não pode comparecer. Klein evidenciou que “por ser um evento de caráter estadual, a abertura da colheita foi um momento significativo para o município de Giruá e para toda a região das Missões, integrada por 26 municípios. É um reconhecimento ao trabalho dos produtores rurais, pois muitos deles tem o milho entre os principais alimentos da agricultura familiar”.

Para o prefeito de Caibaté, Amauri Pires, “poder contar com a participação da Promilho e Abramilho na região, em Girua, fortaleceu ainda mais todos os agricultores missioneiros”. De maneira igualitária, o prefeito de Santo Antônio das Missões, Puranci Barcellos dos Santos, avaliou que “a 7ª edição da abertura oficial da colheita do milho, assim como outros eventos de grande porte realizados nos municípios da AMM, exaltou a representatividade da região das Missões, que é referência estadual na produção de grãos”.

Produção de milho
De acordo com o governador gaúcho, José Ivo Sartori, “o Rio Grande do Sul é um dos melhores produtores de sementes do Brasil e deve produzir 33 milhões de toneladas de grãos nesta safra”. Já o secretário estadual de Agricultura, pecuária e Irrigação, Ernani Polo, afirmou que a cultura do milho é de grande relevância para o desenvolvimento do Rio Grande do Sul, pois desempenha função significativa no processo de melhoramento do solo.

A região Noroeste do Estado, com ênfase para a região das Missões e do Planalto Médio, é a que mais se destaca na produção do grão para a venda comercial. O Brasil ocupa a terceira posição mundial, perdendo apenas para os Estados Unidos e a China.

Também participaram da cerimônia o secretário dos Transportes, Pedro Westphalen; os deputados estaduais Aloísio Classman, Edson Brum, Eduardo Loureiro, Gabriel Souza e Zilá Breintebach; o deputado federal Luiz Carlos Heinze, entre outras autoridades locais, regionais, estaduais e federais.

 

Fonte: Assessoria de imprensa da AMM