24 de janeiro de 2018 às 15:12

Inundações: problema não começa com a chuva, mas sim com a população

Marcelo (D) orientou sobre ações de prevenção à enxurradas. Foto: Genaro Caetano/Rádio São Luiz

Ainda na terça (23), após a forte chuva que desabou sobre São Luiz Gonzaga, voluntários do Projeto Cidade Limpa e equipe do Setor de Limpeza da Prefeitura fizeram contato para debater formas de amenizar o problema de enchentes nos bairros de São Luiz Gonzaga.

O trabalho até teve início na manhã desta quarta, porém, não foi possível dar sequência, já que a chuva teve continuidade. Em participação no programa Expressão Livre desta quarta, o voluntário Marcelo Gamarra, do Projeto Cidade Limpa, falou a respeito dos danos observados na cidade.

Galhos, pneus, peças de carro entre outros itens são facilmente encontrados entupindo bocas de lobo, valos e afins. A tubulação, feita sem considerar o crescimento da cidade, é um problema crônico, mas a atitude da população também ajuda a causar problemas como esses.

Conscientização

Durante a entrevista, Marcelo chegou a dizer que, certa vez, lhe informaram que até uma bicicleta foi encontrada dentro de uma boca de lobo. O acúmulo de resíduos e o ato de jogar lixo pela cidade é um problema cujas consequências a população deve conhecer.

Em sua participação, Marcelo orientou que, apesar da situação da estrutura do Município, os moradores também devem fazer a sua parte. Ações simples, como limpar o entorno de bueiros e bocas de lobo próximas às residências já é algo que ajuda muito, retirando-se não apenas os resíduos, mas também a vegetação em excesso.

O Projeto Voluntário Cidade Limpa, assim como o Setor de Limpeza da Prefeitura, deve retomar as atividades assim que a chuva cessar.

Por Genaro Caetano/Rádio São Luiz