Ícone do site Rádio São Luiz FM 100.9

ACOPAN de São Luiz Gonzaga recebe anúncio de destinação de recursos

A ACOPAN – Associação de Colaboradores e Protetores dos Animais “Late & Mia” de São Luiz Gonzaga recebeu nesta semana a visita da assessoria do deputado federal Paulo Pimenta (PT), a qual informou que o recurso solicitado pela associação de R$ 250 mil destinado ao controle de zoonoses será anunciado oficialmente até o mês de outubro, para sua utilização já no início do próximo ano.

Segundo informações, o valor poderá ser usado para reestruturação/ampliação do canil municipal, visando a adequação e o aperfeiçoamento das ações de controle de zoonoses. Além dessa verba, a entidade recebeu a sinalização positiva da assessoria do deputado Lucas Redecker (PSDB) quanto à destinação de emenda para aquisição de um castramóvel equipado.

A diretoria da ACOPAN recebeu com satisfação o anúncio dos recursos e pontuou como vitorioso o primeiro mês de trabalho da “Late e Mia”. “A confiança e respaldo na destinação dos recursos, atesta a seriedade e comprometimento do trabalho exercido pela Acopan”, frisou a presidente, Marlei Serafini.

Ainda conforme a diretoria, os recursos proporcionarão um trabalho mais efetivo no controle do crescimento populacional de cães e gatos no município, além de uma parceria mas consolidada com o poder público.

RESPONSABILIDADES – Além do envolvimento das entidades de proteção e do Poder Público, a ACOPAN destaca a responsabilidade e o compromisso dos tutores (donos) para com seus animais, alertando a população sobre os cuidados e deveres para com seus animais de estimação.  “Os animais são seres vivos e possuem seus direitos previstos na legislação, sendo, portanto, não só os tutores, mas toda a sociedade de uma maneira geral, passíveis de responsabilização cível e criminal”, destaca a associação.

FISCALIZAÇÃO DE MAUS TRATOS – Além dos trabalhos que estão sendo realizados pela Acopan, na busca pela captação de recursos e estruturação da entidade, está a prioridade na fiscalização dos cuidados com os animais. Para tanto, alerta à comunidade que denuncie casos de maus tratos e abandono. “Somente com a ajuda de todos, conseguiremos amenizar o sofrimento dos pequenos abandonados e os que sofrem maus tratos”, salientaram os protetores.

Na reunião desta quarta-feira, também foi lançada a campanha “Seja um colaborador da Acopan”, através da qual os interessados podem se associar à entidade, colaborando mensalmente com o valor mínimo de R$ 10,00. Os contatos podem ser feitos pela página oficial, no Facebook.

Fonte: Claudia Lago/Assessoria de Comunicação da ACOPAN

 

 

 

Sair da versão mobile