URI-SLG e UERGS somam forças no combate ao Coronavírus e lançam a Campanha “Sabão é Bom”

Nos últimos dias, uma das maiores preocupações da humanidade é o controle da doença COVID – 19, causada pelo Novo Coronavírus. Então nos perguntamos: Como podemos evitar a proliferação do Coronavírus? A nossa resposta é com informação de qualidade e conhecimento científico.

O Novo Coronavírus, assim como muitos outros vírus, é um ser vivo de tamanho extremamente reduzido, cerca de 0,000002 milímetros. Mesmo com esta dimensão tão  pequena, como consegue causar tantos prejuízos à saúde dos humanos?

Os vírus são formados por um envelope de proteínas e gorduras que guardam no interior material genético (DNA/RNA), no caso do Coronavírus: RNA, este material genético tem a receita para a produção das proteínas virais, necessárias para a formação de novos vírus. No lado externo, do envelope protéico, existem algumas estruturas que se assemelham a coroas, espinhos ou chaves (dependendo da sua imaginação), como pode ser visto nas diversas imagens do Coronavírus que estão circulando pelas redes sociais e noticiários nas últimas semanas. Essas estruturas externas contribuem para que o vírus reconheça e se prenda nas nossas células, especialmente as do sistema respiratório. No momento, em que se fixa nas nossas células, o Coronavírus insere o material genético nas mesmas e coloca em prática sua receita para a produção de proteínas virais que constituirão novos vírus. Assim, continuará dando continuidade a um grande ciclo de contágio, adoecimento e liberação de mais vírus pela saliva, a qual se espalha no ambiente por meio da fala, tosse e espirros, principalmente.

Entrega na Secretaria de Ação Social

O Coronavírus está aí, como podemos conter a reprodução desses vírus? Com medicamentos? Não, pois a ciência ainda não desenvolveu uma medicação capaz de eliminar o vírus. Com vacina? Também não, os pesquisadores ainda não conseguiram desenvolver uma vacina que ensine o nosso sistema imunológico a combater o vírus. Então, o que sabemos, até o momento, que pode nos ajudar a combater o Coronavírus? Se o vírus é transmitido e se espalha no ambiente por gotículas de saliva, e sobrevive por horas, até dias, em diversas superfícies, o isolamento das pessoas é uma medida eficiente para que o vírus não se espalhe, já que algumas pessoas podem estar com o vírus no organismo e ainda não saber disso.

Além de evitarmos o contato com as pessoas, faz-se necessário mantermos bons hábitos de higiene! Lavar as mãos com frequência ajuda muito! Mas não apenas com água, é importante utilizar sabão/sabonete/detergente. O sabão consegue destruir as moléculas de gordura que formam o envelope responsável por guardar o material genético do vírus. Ao destruir este envelope o vírus morre e o material genético se torna rapidamente inutilizado, assim, a proliferação e novos casos de contágio são evitados.

Pensando nisso, duas Universidades de São Luiz Gonzaga, a URI e a UERGS, estão unidas na fabricação de barras sabão, seguindo as orientações da Anvisa, as quais estão sendo distribuídas para a comunidade são-luizense.  Além de contribuir com a saúde da população, a ação desenvolvida tem caráter sustentável, ou seja, não agride o meio ambiente e, melhor do que isso, dá destinação adequada a diversos litros de óleo usado de cozinha que são utilizados como matéria-prima na produção do sabão.

Continue colaborando, você também, no controle do Novo Coronavírus!

Lave bem as mãos, com sabão, que é bom!

Fonte: URI – São Luiz Gonzaga