Coronavírus – Municípios Missioneiros e as ações a partir do novo decreto estadual

(Imagem/divulgação/AMM)

Diante da coletiva de imprensa do governador do Estado, Eduardo Leite, na tarde da última quarta-feira, dia 15 de abril, os prefeitos missioneiros se manifestaram sobre o assunto, demonstrando como será feita essa flexibilização para retomada das atividades do comércio e serviços nos municípios da região das Missões.

O presidente da AMM, Prefeito de Santo Antônio das Missões Puranci Barcelos, enviou áudio com a seguinte manifestação: “Após acompanhar a fala do governador do estado e conversar com alguns colegas prefeitos por telefone, sabendo que vamos trabalhar na publicação de novos decretos de flexibilização para abertura do comércio em nossos municípios, pois temos essa possibilidade de flexibilização que será positivo para as administrações municipais, para o setor do comércio e comunidades. Porém com atenção e sempre mantendo o que está deixando esse vírus longe de nossa região. Manter os cuidados com a saúde é indispensável, restrições de atendimento evitando que tenhamos que novamente passar por situação parecida como essa da última quinzena, que motivou muita insegurança para os empreendedores de nossa região. Que todos possamos buscar parceria com o comercio local, pedir que as pessoas usem máscaras para circular em todos os municípios, continuar evitando aglomerações, manter a recomendação de que as pessoas fiquem em casa, só saiam se necessário, principalmente idosos e grupos de risco, que o comércio tenha cautela e cuidados no atendimento, principalmente quanto ao número de pessoas dentro dos estabelecimentos e funcionem com todos os cuidados de higiene”.

(Imagem/divulgação/AMM)

Assim foram as manifestações de inúmeros chefes de executivos missioneiros, que após a publicação do decreto estadual, estarão reforçando as medidas de prevenção ao novo coronavírus:

Prefeito Amauri Pires da Silva de Caibaté – A prefeitura avaliando a continuação em turno único, servidores com uso de máscaras, evitando aglomeração no atendimento.

Prefeita Noeli Maria Ruwer de São Paulo das Missões – Prefeitura em turno único, uso de máscaras obrigatório para todos que transitarem no município. Muita atitude de fé e determinação, coragem e continuar tomando decisões em conjunto. A prefeitura está doando máscaras para todos, também faz uso do termômetro digital infravermelho que mede febre a distância, que tem se tornado uma ferramenta importante durante a realização das barreiras sanitárias nos acessos ao município

Prefeito Ricardo Klein de São Nicolau – Prefeitura continua com atendimento em turno único, mantendo todos os cuidados sanitários recomendados no atendimento ao público, continuará com as restrições de aglomeração e estará recomendando o uso de máscara por toda a comunidade.

Prefeito Brasil Sartori de Entre-Ijuís – Uso de máscaras será obrigatório na cidade, pois é uma excelente ação para prevenção, porém será observado um prazo para a população se adequar. Vamos adquirir termômetros digitais que medem a febre a distância, para usarmos em barreiras sanitárias na cidade, já que nosso município é o corredor, é acesso para várias cidades da região.  Aproveitar o momento que a flexibilização está nas mãos dos gestores municipais, frisando que é importante tomar posição e exigir que os cuidados necessários sejam cumpridos com fiscalização. Verificação de sinais de indicativo da doença, como por exemplo a febre. Continuar suspendendo as festas e regras mais rígidas para academias.

Prefeito João Scotto de Garruchos – É importante focar no indivíduo, os prefeitos estão todos preocupados com sua população, porém é importante que nesta fase de transição para a flexibilização continuem conscientizando a comunidade da importância de tomar todos os cuidados com a saúde e com as recomendações técnicas. Aproximar o grupo todo e trocar experiências é que está fazendo a diferença neste momento em nossa região, grupo de gestores trabalhando com inteligência e responsabilidade.

Prefeito Hilário Casarin de São Miguel das Missões – Todas as precauções necessárias estão sendo tomadas para que essa flexibilização possa acontecer, máscaras estão sendo confeccionadas para ser distribuídas a população. As barreiras na entrada da cidade são importantes para prevenção. Outras preocupações que temos que dar atenção neste momento são o aumento dos focos de dengue e a estiagem que diminuiu muito nossa produção agrícola. É importante termos fé, que tudo isso vai passar, coragem para enfrentar esse momento, e compartilhar ações para que possamos após esse período de isolamento voltar a receber os turistas e procurar visualizar que tudo voltará a normalidade em alguns meses.

Prefeito Valter Spies de Cerro Largo – Os detalhes das restrições ainda obrigatórias serão após a apresentação das diretrizes estaduais, mas ainda recomenda-se a restrição de circulação de pessoas, restringindo-se as que necessitem adotar providências relativas à subsistência própria e de suas famílias, para consumo de bens ou serviços autorizados a funcionamento,  que as pessoas utilizem equipamentos de proteção individuais, conforme o grau de exposição de suas atividades, especialmente o uso de máscaras para a circulação em vias públicas, que as pessoas enquadradas nos grupos que apresentam mais riscos ao desenvolvimento da doença e/ou àquelas que podem, potencialmente, apresentar um quadro mais grave, como idosos e pessoas com doenças crônicas e/ou que apresentem outras condições específicas devam permanecer em isolamento social, que sejam evitadas viagens desnecessárias e a recepção de visitantes de pessoas residentes em outras localidades, a fim de impedir a disseminação do vírus na comunidade local.

Prefeito José Moacir Dutra de Bossoroca – É importante abrir o comércio com restrições de aglomeração de pessoas e reforçar a recomendação para o uso de máscaras, podendo ser as caseiras, dando um prazo para que as comunidades possam se organizar, pois já tem muitas pessoas na comunidade confeccionando máscaras. Vamos procurar estimular essa produção nos municípios.

Prefeito Daniel Gorski, de Salvador das Missões – Abrir o comércio com todos os cuidados de higiene, distanciamento entre pessoas e não aglomeração e nada de festas, bailes, casamentos. Idosos e grupo de risco manter-se em casa.

Prefeito Vilmar Kaiser de Porto Xavier – Após a publicação do Decreto Estadual, um novo Decreto Municipal será publicado com o detalhamento das ações necessárias para mantermos o comércio em funcionamento. Recomendamos ainda que as pessoas pertencentes ao grupo de risco (mais de 60 anos; gestantes e portadores de doenças crônicas) permaneçam em casa, que as pessoas que precisam sair de casa, utilizem equipamentos de proteção individual, como máscaras, que sejam evitadas viagens e recebimento de pessoas de outros municípios, a fim de evitar a disseminação do coronavírus.

Prefeito Jacques Barbosa de Santo Ângelo – A orientação é de que podem abrir já nesta quinta-feira, com as normas de higienização e sem aglomeração, e as demais que estarão especificadas no decreto. Em Santo Ângelo não há registros de casos da doença. Todas as nossas decisões são celebradas de acordo com a legalidade, levando em consideração a preservação da vida e a responsabilidade em gerir um município da grandeza de Santo Ângelo, uma cidade empreendedora e com uma economia pujante. Recomendamos ainda a higienização constante dos espaços ocupados pelos clientes, o distanciamento de, no mínimo, dois metros entre as pessoas, e a limitação de atendimento ao público de acordo com o previsto no Plano de Prevenção e Combate a Incêndio do estabelecimento, em percentual que evite aglomerações.

Neste momento todas as manifestações pontuam sobre a necessidade de serem cumpridas, desde já, as normas e medidas contidas na determinação estadual e órgão técnicos de saúde, porém observando a possibilidade de flexibilização que foi atribuída aos prefeitos do interior do estado.

Fonte: Associação dos Municípios das Missões