Presidente da Apae São Luiz expõe dificuldade financeira e pede apoio da comunidade

 

(Foto: divulgação)

O presidente da Apae de São Luiz Gonzaga, Valdomiro Oliveira, falou nesta quinta-feira (14) sobre as dificuldades que a instituição vem enfrentando diante da pandemia de coronavírus. Conforme o gestor, a média do déficit mensal da entidade gira próximo de quatro a cinco mil reais, que geralmente é contornado com apoio da comunidade.

Contudo, agora, como não é possível realizar os tradicionais eventos de arrecadação e os convênios pararam de enviar recursos ou os enviam com redução, a situação ficou crítica. Como exemplo, Valdomiro citou um dos repasses que teve redução de 30%, o que significou um déficit de seis mil reais.

A direção e o corpo jurídico aventaram a possibilidade de realizar um galeto, mas a ideia foi desaconselhada em virtude da pandemia. “A cada dia o cenário muda e podemos mudar de bandeira (sistema adotado pelo governo estadual para definir as ações em uma determinada região) e com isso ter o evento vetado e um prejuízo ainda maior”, comentou o presidente.

Assim, o grupo gestor optou por publicizar as dificuldades e pedir apoio da comunidade. “Pedimos encarecidamente o apoio da comunidade. A ajuda precisa ser financeira. Precisamos pagar a folha dos funcionários do mês de maio e ainda não temos saldo”, justificou Valdomiro.

O presidente ressaltou que ninguém está autorizado a pedir dinheiro na rua para a Apae. A ressalva é importante para não deixar dúvidas, uma vez que em outra ocasião alguém circulou pela cidade pedindo dinheiro em nome da entidade sem autorização.

Assim, quem puder colaborar pode fazer a doação diretamente na sede da Apae, das 8h às 11h e das 13h30min às 16h30min. Outra opção é o depósito bancário nas agências:

Sicredi – Agência: 0307 / Conta: 15002-5

Banrisul – Agência: 0412 / Conta: 06021159.0.4

Banco do Brasil – Agência: 437/5 / Conta: 3246-8

Quem depositar pode enviar uma foto do comprovante de depósito pelo WhatsApp 9 8442-6882. Mais informações pelo número 3352-3377.

Fonte: Rádio São Luiz