Município de São Luiz Gonzaga não vê inconsistências nos dados e medidas da bandeira vermelha passam a valer a partir de terça-feira (30)

(Imagem: arquivo/Assessoria de Imprensa da Prefeitura de São Luiz Gonzaga)

Brondani frisou que dessa vez, ao contrário da semana do dia 13/06, o município vive o aumento de casos, internações e confirmação de óbito pela Covid-19

O prefeito de São Luiz Gonzaga, Sidney Brondani, disse hoje (27) que o município não encontrou argumentos que pudessem levar à contestação dos dados apresentados ontem pelo governo do estado no modelo de distanciamento controlado. O mesmo foi observado, segundo Brondani, pelo prefeito de Santo Ângelo, Jacques Barbosa, com quem ele conversou pela manhã.

Nossa reportagem não conseguiu contato com o prefeito de São Borja, Eduardo Bonotto, mas fontes ligadas ao gestor indicam que ele também deve aceitar a decisão. Desta forma, a partir de terça-feira (30), os três municípios com hospitais referência na região passam a adotar as medidas impostas pela bandeira vermelha, que vão valer por uma semana.

Ressalta-se que dentro da região de bandeira vermelha, os municípios de Caibaté, Cerro Largo, Dezesseis de Novembro, Garruchos, Mato Queimado, Pirapó, Porto Xavier, Rolador, Salvador das Missões, Santo Antônio das Missões, São Nicolau, São Pedro do Butiá, Sete de Setembro, Ubiretama e Vitória das Missões, conforme o governo do estado, poderão, caso os prefeitos queiram, adotar medidas estabelecidas na bandeira laranja. Isso foi flexibilizado pois, nestes locais, nos 14 dias anteriores à apuração das bandeiras, não houve registro de hospitalizações e óbitos por Covid-19.

Cabe lembrar que na segunda-feira (22), o governador Eduardo Leite anunciou mudanças no modelo de distanciamento controlado e no protocolo de operação da bandeira vermelha. As medidas foram flexibilizadas para missas e cultos; academias e clubes esportivos; serviços de higiene pessoal (cabeleireiro e barbearia); serviços de contabilidade e outros; e indústrias.

Além disso, permite que municípios com classificação vermelha possam adotar protocolos próprios para setores pré-determinados: administração pública, transporte coletivo urbano e bancos e lotéricas.

Acesse o protocolo com o detalhamento de todos os setores neste link (AQUI)

Fonte: Rádio São Luiz com informações do Governo do Estado RS