Segundo decreto do governo estadual, 15 municípios da Região Missioneira podem flexibilizar as restrições da bandeira vermelha

Mapa da 12ª Coordenadoria Regional de Saúde. (Imagem: divulgação)

Nestes municípios, prefeitos poderão adotar restrições impostas pela bandeira laranja

Conforme consta no site do modelo de distanciamento controlado do governo do estado, “os municípios em região de bandeira vermelha que não tenham registro de hospitalização e óbito por Covid-19 (considerado o município de residência) nos 14 dias anteriores as apurações das bandeiras poderão adotar, através de regulamento próprio, protocolos previstos na bandeira laranja, mantendo atualizados os sistemas de informações oficiais”.

Com base neste novo decreto, permitindo que sejam adotados protocolos da classificação laranja, 15 municípios da Região Missioneira podem afrouxar as regras. São eles:

> Caibaté

> Cerro Largo

> Dezesseis de Novembro

> Garruchos

> Mato Queimado

> Pirapó

> Porto Xavier

> Rolador

> Salvador das Missões

> Santo Antônio das Missões

> São Nicolau

> São Pedro do Butiá

> Sete de Setembro

> Ubiretama

>Vitória das Missões

Conforme observado na relação divulgada pelo governo (que pode ser acessada AQUI), mais da metade dos municípios da 12ª Coordenadoria Regional de Saúde se encaixam na flexibilização. É preciso observar, no entanto, que pode haver um erro, uma vez que Dezesseis de Novembro – que aparece na lista – registrou internações nesta semana.

Outro ponto a ser destacado é que neste modelo anunciado o número de hospitalizações ou óbitos será contado por município de origem, ou seja, mesmo que o paciente esteja hospitalizado em São Luiz Gonzaga, se ele for de uma localidade vizinha, o caso contará para a localidade e não para São Luiz Gonzaga.

Cabe aos prefeitos municipais flexibilizarem as normas, desde que estejam dentro das condições impostas na bandeira laranja. Saiba mais no site distanciamentocontrolado.rs.gov.br

Fonte: Rádio São Luiz