Juca Dutra, prefeito de Bossoroca, pede que comunidade não abandone as medidas de prevenção ao coronavírus

(Arquivo/Rádio São Luiz)

O prefeito José Moacir Fabrício Dutra falou nesta semana sobre a preocupação com o avanço da Covid-19 nesta que parece ser uma segunda onda da doença no país. O chefe do executivo de Bossoroca frisou que a situação é preocupante, pois os leitos de UTI estão lotados e as pessoas, aparentemente, “parecem não estar mais sentindo o perigo do vírus”.

O gestor reforçou o alerta para a comunidade e pediu que cada um faça a sua parte, usando máscara, higienizando as mãos e evitando aglomerações. “Sabemos que isso precisa ser feito dentro dos limites individuais, pois as pessoas precisam trabalhar e viver, mas aquilo que for dispensável precisa ser observado. Num grupo de dez pessoas, por exemplo, a doença tem um comportamento diferente em cada um”, destacou.

Juca Dutra acrescentou que é preciso zelar também pelo trabalho dos profissionais de saúde, os quais estão lutando para salvar vidas, sinalizando que é uma forma de respeito pela atuação destas equipes.

O próprio prefeito, que tinha agenda em Brasília para tentar mais recursos para o município, afirmou que cancelou sua viagem. Partiu também do próprio Congresso a recomendação para que sejam evitadas viagens neste período até que sejam diminuídos os casos de contágio.

Fonte: Rádio São Luiz