Mico Gonzatto fala sobre período como presidente da AMM e adianta que vai articular candidatura a deputado federal

(Divulgação)

Ex-prefeito de Dezesseis e ex-presidente da AMM, Mico terá praticamente dois anos para alcançar objetivo

Ademir Gonzatto deixou a presidência da AMM na sexta-feira passada. Hoje, 1.º, ele falou sobre a transição, destacando que a escolha de Ricardo Klein como novo presidente se deu de forma unânime entre os progressistas, apesar de haver interesse do prefeito de Santo Ângelo, Jacques Barbosa. Segundo Mico, ano que vem a presidência ficará com o PDT, depois MDB e, no último ano, com representante dos partidos com menor representação nas prefeituras.

O ex-presidente avaliou seu mandato como um período de muitas dificuldades por causa da pandemia. Segundo Mico, a preocupação maior foi manter a economia andando junto com as restrições que visavam à proteção e a saúde das pessoas. Por outro lado, comentou avanços nos andamentos dados às obras na ponte de Porto Xavier e do acesso asfáltico aso sítios arqueológicos.

Projetando seu futuro político, Mico diz que agora está preocupado em dar maior atenção à sua família, mas que já articula uma futura candidatura para deputado federal. “A região tem 250 mil votos e não temos um deputado federal da nossa região, que conheça o que precisamos. É um sonho que vamos dar andamento”, afirmou o político.

Fonte: Rádio São Luiz