Edilmar Garcia, presidente do PSD e assessor do Gaúcho da Geral, destaca ações realizadas nos dois anos de mandato do deputado

(Divulgação)

O assessor parlamentar do deputado estadual Gaúcho da Geral e presidente do PSD de São Luiz Gonzaga, Edilmar Garcia, falou na sexta-feira, 27, sobre as principais ações realizadas pelo político ao longo dos dois primeiros anos de mandato e também sobre a situação do partido em âmbito local.

Conforme Edilmar, somente em emendas impositivas foram R$ 2 milhões para a área da saúde. O valor foi dividido em R$ 1 milhão para enfrentamento da covid-19 e R$ 1 milhão para melhorias nas estruturas hospitalares. A austeridade do político com o dinheiro público também foi referenciada por Edilmar, o qual informou economia de 94% em verba de gabinete, 95% com gastos em combustível e nenhuma diária recebida.

O assessor destacou ainda o posicionamento do deputado em votações importantes como o “plano de carreira e a valorização dos professores” e a “contrariedade ao novo código ambiental”.

Junto com os dois vereadores do PSD, segundo Edilmar, será definido para onde será encaminhado valor de uma emenda impositiva do deputado em benefício de São Luiz Gonzaga.

Enquanto presidente do partido, Edilmar destacou que o trabalho segue visando a consolidação no município. Ele destacou a atuação dos dois vereadores – João Iuri e Misael Porto – e disse que o PSD vai fazer política ao logo dos quatro anos e não só no período de eleições. Ele defendeu a aproximação da comunidade, especialmente dos jovens “para tirar o desgosto” que essa parcela da sociedade tem pela política.

A sede do partido fica na rua João Goulart, bairro da Gruta, nº 1801, e atende das 14h às 18h.

Fonte: Rádio São Luiz