“Se alguém ainda não acredita eu imploro que levem a sério”, diz interventora do Hospital São Luiz Gonzaga

(Arquivo/Prefeitura de São Luiz Gonzaga)

A interventora do Hospital São Luiz Gonzaga, Iria Diedrich, falou nesta quinta-feira, 4, sobre a situação crítica que vive a casa de saúde. “É bem mais séria do que imaginávamos”, afirmou.

Iria revelou um quadro bastante preocupante devido ao aumento significativo de internações de pessoas com sintomas ou com diagnóstico de covid-19. A ala destinada a esses pacientes hoje, até às 10h40min, registrava 26 internados, um recorde. A ampliação para 31 leitos foi realizada, “mas a situação muda a cada hora” e pode ser necessária nova ampliação.

“Como a lotação é geral, temos mais a preocupação por não ter para onde mandar pacientes que precisam de UTI. Atualmente três aguardam transferência”. Iria também informou que uma pessoa da ala morreu nas últimas 24h.

“As pessoas não tem ideia. Muitos não estão acreditando, mas a situação é seríssima”, desabafou. A interventora também explicou que mesmo que o hospital esteja estudando onde colocar mais paciente, “não tem profissional e insumos para tudo isso”. Hoje o número de internados em toda casa de saúde oscila entre 62 e 65 pacientes, sendo que a ala de saúde mental também está lotada. “Se alguém ainda não acredita eu imploro que levem a sério”, disse Iria.

Fonte: Rádio São Luiz