Morre o sargento Mendonça, bombeiro que lutava contra a covid-19

(Foto: Arquivo/Rádio São Luiz)

Morreu na madrugada deste domingo, 14, o sargento do Corpo de Bombeiros Militar Aroldo Heinen Mendonça, aos 51 anos. Mendonça estava internado há pouco mais de uma semana na ala covid do Hospital São Luiz Gonzaga lutando contra a doença.

Na sexta-feira, 12, colegas do 2º Pelotão de Bombeiros Militar, liderados pelo tenente Vandré Reolon, comandante da unidade, realizaram homenagem a ele, com um desfile de viaturas até o hospital. Mendonça, com auxílio dos profissionais de saúde, conseguiu ir até a janela receber o cumprimento dos amigos.

Ele era natural de Santiago. Seu corpo foi transladado para o município com a escolta de viaturas e do comandante regional, capitão Silvano. Ainda em São Luiz Gonzaga, em frente ao Pelotão, os colegas entregaram para a família o capacete que Mendonça usava em serviço. Veja a homenagem:

https://www.facebook.com/radiosaoluiz/videos/441442893735339

Fonte: Rádio São Luiz