Subestação Missões da Eletrosul completa 11 anos

Subestação Missões – CGT Eletrosul. (Foto: Luciano Bordin)

Nesta quarta-feira, 21, a Subestação Missões comemora 11 anos de operação comercial. A data marca a conclusão da primeira fase de sua ampliação “A”, quando foram instalados e energizados o transformador 2 (50 MVA) e módulos de conexão associados. Houve, ainda, outras duas etapas, finalizadas em maio e junho de 2010. Adquirida pela CGT Eletrosul, a unidade pertencia à RGE. As referidas obras visaram adequá-la aos procedimentos de rede do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS).

Situado no município de São Luiz Gonzaga, na Região das Missões, o empreendimento possui três transformadores, que somam 150 MVA de potência instalada. Por ele, passam duas linhas de 230 kV (Santo Ângelo e São Borja 2, ambas da CEEE), que fazem conexões com o Sistema Interligado Nacional (SIN). Além disso, há quatro linhas no setor de 69 kV, comunicando a subestação com cidades do entorno – Roque Gonzales 1 e 2, São Luiz Gonzaga (RGE) e Santo Antônio das Missões (Cermissões). A unidade é responsável por direcionar toda a geração da Hidrelétrica Passo São João (77 MW) ao SIN.

O empreendimento é telecontrolado pelo Centro Regional de Operação de Areia, que fica no Paraná, e seus serviços são executados pelo Centro Regional de Manutenção e Apoio à Operação de Santo Ângelo, ambas unidades da CGT Eletrosul. Está em andamento sua ampliação “C”, conforme Contrato de Conexão ao Sistema de Transmissão (CCT) firmado com a RGE Sul que objetiva implantar um módulo de entrada de linha de 69 kV, arranjo barra principal e transferência, viabilizando a instalação da LI São Luiz Gonzaga – Missões, circuito 2, pertencente à RGE Sul.

Fonte: Assessoria de Comunicação