João Iuri fala sobre criação do banco de armação de óculos e transparência alcançada com o “vacinômetro”

(Foto: Emerson Scheis/Assessoria de Imprensa)

O vereador João Iuri de Oliveira (PSD) falou hoje, 20, sobre projeto elaborado em parceria com o vereador Valmir Silveira (MDB), com o intuito de criar um banco de armação de óculos no município de São Luiz Gonzaga. A proposta foi sancionada no dia 6 de julho e ontem, 19, ocorreu uma reunião com as secretarias de Ação Social, Educação e Saúde para debater e regulamentar as atividades.

No momento, as pessoas interessadas em fazer a doação destas armações podem entregar o objeto na Secretaria de Ação Social, na Câmara de Vereadores e ainda na Associação Comercial e Industrial. Será criada uma arte para ampliar a divulgação dos locais que estão aptos a receber as doações.

O objetivo é atender as pessoas que precisam do item e não têm condições de comprar. A armação é a parte de maior valor do assessório. Após esta primeira etapa, João Iuri diz que buscará parcerias com a inciativa privada com intuito de conseguir a doação de algumas lentes também.

Vacinômetro

Na oportunidade, o vereador falou ainda sobre a 6ª edição do Vacinômetro, boletim com informações sobre os números de aplicações de vacina contra a Covid-19 no município. A ideia foi uma proposição do seu gabinete para dar maior transparência ao processo de imunização em São Luiz Gonzaga.

Além disso, destaca o parlamentar, com a medida tornou-se possível estimar o quantitativo de pessoas já vacinadas. Ele acredita que do público-alvo, ou seja, das pessoas aptas a receberem o imunizante, o município já tenha alcançado pelo menos 70% com uma dose.

Fonte: Rádio São Luiz