Ícone do site Rádio São Luiz FM 100.9

Hospital de São Borja relaciona onda de calor com “considerável aumento de óbitos da população idosa” do município

(Divulgação/Hospital Ivan Goulart)

São Borja – O Hospital Ivan Goulart, por intermédio desta nota de esclarecimento, vem a público prestar informações de caráter institucional em retorno aos anseios da comunidade são-borjense no que concerne ao aumento no número de óbitos ocorridos nos últimos dias.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp 

Segundo levantamento realizado pela equipe técnica da instituição e com base na elevação dos atendimentos, tanto no PS – Pronto Socorro, quanto na internação de pacientes, constatou-se que nos últimos dias houve um aumento considerável no índice de mortalidade da população idosa do município, isto é, especificamente, acima dos 70 anos de idade.

Diante dessa circunstância, os profissionais médicos, juntamente com a equipe assistencial e administrativa do hospital, logo que tomaram conhecimento do fato, ainda na semana anterior, buscaram analisar esses óbitos para entender as razões dessa elevação abrupta em um curto período de tempo. Logo, constatou-se, que a forte onda de calor que assola o Estado impactou nestes dados, considerando o conjunto de sintomas apresentados pelos pacientes.

Acrescenta-se ainda, que das pessoas idosas que somam essas mortes, a maioria delas possuía comorbidades, como por exemplo, hipertensão, diabetes, problemas renais e respiratórios. Neste sentido, todas as precauções são necessárias e, sob essa linha de raciocínio, o monitoramento dos idosos possui um papel fundamental de prevenção, pois fatores como a desidratação aguda e a temperatura corporal excessiva pioram a condição clínica.

Por último, o Hospital Ivan Goulart ressalta seu compromisso para com a comunidade e, deste modo, afirma que sua atuação é alicerçada com base nos princípios éticos em prol de toda a população.

Abaixo, elencamos dicas de proteção diante dessa forte onda de calor e ar seco:

Mantenha-se hidratado;

Evite exposição solar, principalmente entre às 10 e 16h;

Use roupas leves, chapéus, óculos e, evidentemente, não esqueça da proteção solar;

Opte por alimentos saudáveis e consuma bastante frutas;

Permaneça em ambientes frescos e ventilados;

Não pratique exercícios quando o sol estiver a pino;

Recorra a equipamentos tecnológicos como o ventilador e o ar-condicionado;

Mantenha as cortinas fechadas em horários de temperaturas elevadas.

Observação: Nenhum desses casos teve relação com a Covid-19.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Hospital Ivan Goulart

Sair da versão mobile