Ícone do site Rádio São Luiz FM 100.9

Moradores bloqueiam entrada do Parque de Máquinas em protesto contra votação do aditivo da Corsan

(Foto: Alcides Figueiredo/Rádio São Luiz)

Desde o início da manhã desta sexta-feira, 1°, a entrada do Parque de Máquinas de São Luiz Gonzaga, no Bairro Loureiro, está bloqueada por moradores que são contrários à assinatura do aditivo com a Corsan.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Conforme a moradora Salete Silva, o grupo não quer que a gestão da água do bairro, que hoje é feito pelo município, passe para a estatal. Ela alega que muitos dos moradores não têm condições de pagar. “Nossa comunidade é pobre, carente, trabalha na reciclagem, não tem nem condição de comprar uma carne para comer o suficiente, não temos condições”, afirmou.

Salete ainda duvidou da “promessa da Corsan” de que esta fará obras de esgotamento, pois, segundo ela, a companhia não realizou nem o que já estava previsto. “A Corsan não faz nem o que deve (antes) e vai fazer agora”, questionou.

A moradora ainda disse que a água da comunidade é de poço e que não precisa de tratamento.

O movimento, segundo as pessoas que estão no local, seguirá “de forma ordeira”, até que a votação na Câmara de Vereadores, marcada para a tarde de hoje, 1°, ocorra.

O vice-prefeito Piti Werle, em entrevista para a reportagem, pediu compreensão dos moradores para que o serviço prestado pela secretaria não seja interrompido. Ele alegou que existem obras em andamento que necessitam do maquinário, inclusive obras emergenciais. Ele informou que irá ao local negociar com os moradores uma solução pacífica.

Por Kelvin Morais

Fonte: Rádio São Luiz

Sair da versão mobile