Ícone do site Rádio São Luiz FM 100.9

Rubens Figueiredo Vargas, vereador de São Nicolau, divulga ações de seu mandato e a programação da 11ª Cavalgada da Trilha dos Santos Mártires

(Foto: Osmar Werner/Rádio São Luiz)

O vereador Rubens Figueiredo Vargas, do Progressistas, falou ontem, 27, sobre três assuntos de relevância para a comunidade são-nicolauense. O primeiro foi a aprovação de seu projeto de lei, encaminhado em conjunto com a vereadora Cristina Zilli, do Progressistas, o qual teve reconhecimento e aprovação na Assembleia Legislativa do Café de Cambona como de “Relevante Interesse Cultural do Rio Grande do Sul”.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

A proposição foi encaminhada por meio do assessor do deputado estadual Sergio Turra, André Cunha, que é natural de São Nicolau. Rubens comentou que o projeto agora vai à sanção do governador do estado. Uma vez aprovado, uma comitiva do município vai ao Galpão Crioulo do Palácio Piratini para servir o Café de Cambona. Há expectativa que todo o trâmite esteja concluído até o dia 29 de maio, que é quando ocorre o evento em São Nicolau. Neste dia, o município deve receber do deputado proponente uma placa comemorativa.

O segundo assunto abordado pelo vereador Rubens foi a destinação de mais R$ 100 mil do deputado federal Jerônimo Goergen. Com este aporte, o vereador trouxe neste mandato a quantia de R$ 650 mil em emendas para o município. Sua meta e conseguir até R$ 1,5 milhão. Deste valor já obtido, R$ 400 mil foram para a atenção básica e infraestrutura da saúde, os outros R$ 250 mil para obras de calçamento com passeio.

Por fim, Rubens destacou a 11ª Cavalgada da Trilha dos Santos Mártires. A concentração inicia no sábado, dia 30, com pernoite no Acampamento do Maninho, em Santo Isidro. No domingo, às 8h30min, a Alvorada Festiva terá ato de abertura com presença de autoridades, após o almoço na comunidade Monte Alegre e à tarde visita aos pontos turísticos da cidade. À noite o pernoite será no CTG, com tertúlia livre e apresentações artísticas.

Na segunda, inicia o roteiro de cavalgada por outros municípios. A saída será para São Sebastião, passando por Pirapó, Roque Gonzales, São Pedro do Butiá, Rolador, Mato Queimado, Caibaté, culminando no Caaró no dia 8 de maio.

Rubens lembra que a cavalgada é cultural e religiosa e que os participantes precisam estar em dia com exames dos equinos. Haverá fiscalização da Inspetoria Veterinária.

Fonte: Rádio São Luiz

Sair da versão mobile