Ícone do site Rádio São Luiz FM 100.9

História e Informação: Dia Mundial do Rádio é comemorado nesta segunda-feira

foto colorida de microfone de rádio

Rádio começou a crescer nos anos 30 no Brasil – Foto: Pexels

Nesta segunda-feira, 13 de fevereiro, é celebrado o Dia Mundial do Rádio, a data foi escolhida pelas Nações Unidas, em referência a criação de sua rádio em 1946. Um meio de comunicação popular e abrangente, o rádio possui uma história marcante para a memória do povo brasileiro.

No país, a primeira transmissão radiofônica foi realizada em 1922 e foi um discurso do então Presidente da República, Epitácio Pessoa. Já a fundação da primeira emissora, a  “Rádio Sociedade do Rio de Janeiro” aconteceu em 20 de abril de 1923, idealizada pelo antropólogo e educador Edgard Roquette-Pinto, conhecido como o pai da radiodifusão no Brasil. 

A partir da década de 1930, o rádio começou a se expandir e atingiu sua “época de ouro” durante os anos 1950. Atualmente, a radiodifusão passou por muitas transformações que alteraram o modo como são feitas as transmissões e a relação com os ouvintes. No entanto, o meio continua presente no cotidiano de diversas pessoas, levando entretenimento, músicas e informações para diversos rincões do Brasil e Rio Grande do Sul.

A Rádio São Luiz

Criada em 1° de outubro de 1949, a Rádio São Luiz foi um dos veículos pioneiros na radiodifusão na região. A iniciativa para sua fundação surgiu a partir do trabalho de Elias Possab, responsável pela obtenção da licença para transmissão e implementação da emissora na cidade. Na época, por determinação de lei, o nome precisava identificar o município de São Luiz Gonzaga, que então contava com os distritos de Santo Antônio das Missões, Caibaté, Bossoroca, Cerro Largo, Pirapó, São Nicolau, Dezesseis de Novembro, Mato Queimado e Rolador, hoje já emancipados.

Em entrevista para o documentário “Rádio: Paixão e História – Rádio São Luiz”, Elias Possab comenta sobre a dificuldade técnica e logística nos primeiros anos da emissora. Muito diferente dos dias atuais, a produção era feita por meio de discos e as linhas eram instáveis. Em seus mais de 70 anos de história, a Rádio São Luiz transmitiu momentos históricos, como a morte de Getúlio Vargas. “Eu fui a São Borja com uma comitiva para a chegada do avião e o cortejo do aeroporto até a prefeitura e depois até o cemitério”, relata Possab.

Radionovelas, programas de auditórios, cartas e dedicatórias dos ouvintes, tudo isso fez parte da história da emissora. Atualmente, a programação é variada, com quadros musicais, entrevistas e espaços de jornalismo. O gerente administrativo e apresentador, Luiz Oneide, ressalta a importância da modernização no cotidiano da Rádio São Luiz. “Montamos uma estrutura diferenciada e hoje a Rádio é um exemplo de informatização”, destaca. Em 2023, a Rádio São Luiz vai completar 74 anos de história e tradição local e regional.

Fonte: Rádio São Luiz

Por Micael dos Santos Olegário

Sair da versão mobile