Destaques Principais

Vagas de estacionamento: Presidente da Câmara diz que edital foi publicado erroneamente

Presidente disse que edital foi publicado erroneamente. Fotos: Genaro Caetano/Rádio São Luiz

Edital publicado em A Notícia na edição de sábado, 16

As redes sociais foram palco de intenso debate no final de semana, principalmente devido a postagens que tratavam de iniciativa da Câmara de Vereadores em aumentar espaço de estacionamento da Casa Rural, utilizada como sede pelo Legislativo. Publicado no Jornal A Notícia, edital destacava locação de 10 vagas de garagem, no valor de R$ 3,6mil por 12 meses.

Em entrevista no programa Olho Vivo desta segunda-feira (18) o presidente da Câmara, Reni Rodrigues Lopes (PMDB), falou sobre o ocorrido. Em primeiro lugar, o vereador disse que a publicação do edital não havia sido autorizada por ele, sendo publicada erroneamente por parte da diretora geral da Câmara. Porém, explicou que existe a possibilidade de que sejam disponibilizadas as referidas, vagas.

Como o Sindicato Rural de São Luiz Gonzaga, proprietário da Casa Rural, mudou sua sede para o Parque de Exposições, a Câmara recebeu proposta de locação do restante do imóvel (30% do espaço total), que antes era ocupado pela equipe do Sindicato. Isso inclui tanto o espaço interno como as vagas de estacionamento.

Reunião

Reni, que estava em Porto Alegre durante a semana, disse ter ficado sabendo da publicação do edital apenas no sábado (16), data da edição de A Notícia onde o mesmo foi publicado. Ele disse que haverá uma reunião entre os vereadores na manhã desta segunda-feira, por volta das 10h, onde este assunto, que ainda está em estudo, será debatido, com todos os seus detalhes, incluindo valor a ser pago.

Ele também lamentou o fato de pessoas terem tratado essa questão de forma pejorativa nas redes sociais, criticando a falta de iniciativa das mesmas, que, segundo o Presidente, sabem apenas criticar o trabalho do Legislativo. Alguns dos comentários mais frequentes nas redes sociais criticavam os vereadores por estarem “aumentando” suas vagas de estacionamento enquanto a população paga o rotativo.

Fonte: Rádio São Luiz

Compartilhe: