Educação

Mobilização resulta em soluções ao drama das empresas do transporte escolar

Profissionais estão parados em virtude da pandemia do coronavírus. (Foto: Divulgação)

A mobilização de deputados da Comissão de Economia da Assembleia Legislativa para salvar da falência dezenas de transportadores escolares gaúchos, responsáveis por empregar mais de 5 mil pessoas, resultou em duas ações que permitirão a retomada do pagamento mensal dos contratos que as empresas possuem com o Estado e municípios, mesmo diante da suspensão das aulas em virtude da pandemia.

Esse é o resultado na reunião virtual ocorrida na manhã desta quarta-feira, dia 5, entre os deputados da Comissão de Economia com o procurador-geral do Estado, Eduardo Cunha da Costa e representantes do Tribunal de Contas, Ministério Público e Famurs. Para o deputado Eduardo Loureiro, que atuou fortemente nesta questão nas últimas semanas, o que precisa ocorrer agora é a celeridade na efetivação destas duas medidas.

Uma delas é um projeto de lei que deverá ser enviado emergencialmente pelo governo do Estado, dando respaldo legal e jurídico à Secretaria Estadual de Educação e prefeituras para que possam seguir fazendo os pagamentos, que hoje estão suspensos pela PGE e TCE. “Existem custos fixos que essas empresas precisam fazer todos os meses, mesmo sem estar transportando os alunos. São custos como taxas de vistorias, manutenção, pagamento de salários dos funcionários, entre outros, que precisam ser levados em conta”, explica Loureiro. A segunda medida será a Nota Técnica a ser emitida pelo TCE que, respaldada no texto do projeto de lei, vai dar segurança jurídica para que os gestores possam seguir pagando sem correr risco de apontamentos pelo órgão de controle.​

Fonte: Assessoria de Comunicação

Retorno das aulas presenciais na rede municipal ainda é realidade distante

(Foto: Divulgação)

Setor foi um dos primeiros a ter atividades presenciais interrompidas

A data de retorno das aulas presenciais na rede municipal de ensino de São Luiz Gonzaga ainda é uma grande incógnita. Conforme a secretária de educação, Rosângela Vidoto, tudo sinaliza que o ensino superior, por exemplo, retorne – em etapas – a partir de setembro, mas para as crianças o cenário ainda é muito complicado.

Rosângela comenta que através dos centros de operações de emergências (COEs), as escolas já previram protocolos para distanciamento, higienização, uso de máscara, retorno escalonado; mas destaca que ainda é muito difícil “enxergar todos os jovens juntos”. São preocupações dos gestores, por exemplo, os contatos no transporte escolar e em locais de uso coletivo como os banheiros.

Atualmente, as atividades têm ocorrido de forma on-line e com a utilização de várias ferramentas que permitem a manutenção do ano letivo. Contudo, apesar da migração para um ensino digital, a secretária entende que no ano que vem será necessário partir “praticamente do zero”. “Nada substitui um professor na sala de aula. Mesmo com todo o esforço, as plataformas, nada é como ter o professor em sala de aula”, observou.

Outra observação levantada pela educadora é que o ensino presencial só pode voltar em um cenário de bandeira amarela no modelo de distanciamento social controlado, algo que ainda parece longe da realidade local que oscila entre vermelha e laranja.

Comemorações da Independência serão virtuais

A aproximação do Desfile da Independência também foi lembrada na entrevista. Segundo Rosângela, há um entendimento do próprio comando do 4º Regimento de Cavalaria Blindado – copromotor do evento – que sem as crianças não será possível realizar as homenagens no modelo presencial. A solução pensada até o momento é homenagear a Pátria com atividades virtuais. “A maior homenagem será respeitar o distanciamento e primar pela segurança”, finalizou.

Fonte: Rádio São Luiz

Inscrições para concurso público para nível superior do Exército Brasileiro encerram na próxima quarta-feira

(Imagem: Divulgação/EsFECEx

A Escola de Formação Complementar e a Escola de Saúde, do Exército Brasileiro, lançaram, recentemente, edital de abertura de um novo concurso público no Diário Oficial da União (DOU). O objetivo é admissão no curso de formação de oficiais do quadro complementar e a formação de capelães militares 2021.

As 41 chances são de nível superior para as áreas de Administração, Ciências Contábeis, Direito, Estatística, Informática, Biologia, Espanhol, Física, Geografia, História, Inglês, Matemática, Português, Química, Pedagogia, Psicologia, Enfermagem, Veterinária, Padre Católico e Pastor Evangélico.

No Rio Grande do Sul, haverá aplicação dos exames intelectuais em Porto Alegre e Santa Maria. As inscrições poderão ser feitas até 5 de agosto pelo site www.esfcex.eb.mil.br

Fonte: Escola de Formação Complementar do Exército

Retorno das aulas na Unopar – Polo São Luiz Gonzaga será no dia 10 de agosto e de forma on-line

(Imagem: Divulgação/Unopar)

Diretora Neiva Mairesse alerta os veteranos que ainda não fizeram a rematrícula para ficarem atentos ao início do segundo semestre

A Unopar – Polo de São Luiz Gonzaga, com 16 anos de serviços no ensino a distância, adaptou-se rapidamente às restrições impostas pela pandemia. Conforme a diretora, professora Neiva Mairesse da Silva, “todos trabalharam para dar o suporte necessário para que o semestre pudesse ser concluído sem problemas”.  Como a característica da instituição é oferecer o ensino online, a “adaptação foi tranquila”.

Agora, as equipes já trabalham para o retorno das aulas, que estão previstas para iniciarem dia 10 de agosto. No primeiro momento, mesmo os cursos semipresenciais ficarão exclusivamente no formato on-line. Há uma expectativa que até o fim do ano os protocolos permitam os encontros presenciais.

Neiva destacou que o vestibular para ingressar na instituição também é inteiramente on-line e que quem fizer a inscrição e a prova até o dia 10 pode iniciar as aulas na mesma data. Para aqueles que se inscreverem depois, não haverá prejuízo de conteúdo, pois as aulas ficam disponíveis, mas, conforme frisou a diretora, o ideal é que o candidato procure fazer o processo com antecedência.

A Unopar oferece dezenas de cursos nas áreas de licenciaturas, tecnólogos e também na pós-graduação. Uma das novidades é o de licenciatura em Educação Especial, uma área que atende pessoas com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades ou superdotação. Neiva frisa que para se candidatar a um dos cursos de licenciatura ou tecnólogo, basta ter concluído o Ensino Médio.

Para saber mais sobre os cursos da Unopar – Polo de São Luiz Gonzaga ligue para o (55) 3352-4445 ou mande mensagem para o WhatsApp (55) 9 9616-4445. Você também acessar o site https://www.unopar.com.br/unidade/sao-luiz-gonzagars-i3201u/

Fonte: Rádio São Luiz

1º Drive Thru Solidário da Escola Básica da URI foi um sucesso

Evento arrecadou alimentos e artigos de inverno

Foi realizado ontem (17/7), o 1º Drive Thru Solidário da Escola de Educação Básica da URI-SLG. O evento ocorreu em substituição ao Baú da Solidariedade, tradicional campanha de arrecadação de alimentos e agasalhos, que já ocorre há 11 anos.

Neste ano, em virtude da pandemia de coronavírus, a Escola adaptou a campanha e aderiu ao modelo que permite as doações sem contato físico. Funcionou da seguinte forma: as famílias passaram com seu veículo no ponto de coleta e entregaram as doações para as professoras da escola.

A ocasião oportunizou também o reencontro presencial, ainda que sem contato físico, dos alunos com os educadores. Em uma demonstração de carinho, teve entrega de cartinhas e lembranças.

Agora, as doações serão contabilizadas e separadas para posterior doação. A entidade a ser beneficiada ainda será definida.

A Escola de Educação Básica da URI-SLG agradece a todos e todas que colaboraram para o sucesso da campanha.

Fonte: Assessoria de Comunicação da URI-SLG

Escola Básica da URI obtém o 1º lugar, no Enem 2019, em São Luiz Gonzaga

(Imagem: Divulgação)

A Escola de Educação Básica da URI obteve o 1º lugar Geral no Enem 2019, em São Luiz Gonzaga, pelo 9º ano consecutivo, consolidando-se entre as 115 melhores instituições de ensino do Estado, conforme a tabulação dos dados divulgados, pelo Ministério da Educação, na semana que passou.

O excelente resultado evidencia o trabalho desenvolvido com competência pelo nosso quadro de professores, composto por especialistas, mestres e doutores. Somos uma Escola conveniada ao Sistema Positivo de Ensino, desde 2007, que além do livro físico, os alunos, desde o 1º Ano do Ensino Fundamental, têm acesso ao livro digital, aplicativos de Realidade Ampliada, plataforma de aprendizagem e Positivo On. E mais, em 2019, iniciamos a Robótica, em parceria com a ZOOM, para os alunos dos Anos Iniciais.

É uma Escola com infraestrutura física e tecnológica de Universidade. Recentemente, efetivamos a contratação de Laboratórios Virtuais que são fortes tendências quando nos referimos a educational tools. Qualidade, promoção da ciência, inovação, desenvolvimento comunitário e humano, de ensino, pesquisa e extensão, fazem da URI referência em educação na histórica Região Missioneira.

Em 2020, mesmo diante do isolamento social imposto pela pandemia, a Escola Básica da URI  migrou automaticamente as suas aulas presenciais para aulas remotas, utilizando o Google Classroom – Meet e o Positivo On, garantindo a continuidade do ensino e aprendizagem de maneira síncrona e/ou assíncrona a todos os alunos.

Cabe destacar que a preparação para o ENEM, na nossa Escola, é um processo contínuo e para que os alunos possam participar também dos Vestibulares, com tranquilidade, o calendário de antecipação das aulas, para o Terceirão, está em franca atividade.

Parabéns, a nossa comunidade escolar pelo excelente trabalho que realiza e pelo resultado alcançado!

Fonte: Assessoria de Comunicação URI-SLG

Uergs completou 19 anos no dia 10 de julho

(Imagem: Divulgação)

A Uergs está presente em 24 municípios gaúchos, ministrando cursos de graduação e pós-graduação nas três áreas do conhecimento: Ciências Humanas, Ciências Exatas e Engenharias, Ciências da Vida e Meio Ambiente.

Em comemoração aos 19 anos da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (Uergs), a instituição promoveu uma programação com eventos virtuais, com a participação de convidados, e lançamento de diversas ações envolvendo a comunidade universitária. Na Região IV, da qual São Luiz Gonzaga faz parte, foi realizada a live de aula inaugural “Uergs: Juntos no enfrentamento da COVID-19” com a participação do Médico e Diretor Técnico do Hospital de São Luiz Gonzaga José Renato Guimarães Grisólia e da Enfermeira e Secretária Municipal da Saúde de Três Passos Cássia Maya Charneski.

Na sexta-feira passada, 10 de julho, foi realizada live transmitido pelas redes sociais com a participação do Governador do Estado, Eduardo Leite, o secretário de Inovação, Ciência e Tecnologia, Luís Lamb, e o reitor da Uergs, Leonardo Beroldt, e a Coordenadora da Uergs no Programa INOVA RS, Daniela Mueller de Lara

Em sua fala, o Governador Eduardo Leite declarou:  “A Uergs tem tido um papel importante na nossa agenda de desenvolvimento do Estado, e sempre tem se proposto a colaborar com nossos programas de inovação, e também está alinhada a um conceito muito atual, o da sustentabilidade ambiental. A universidade é uma impulsionadora das regiões onde está inserida, onde está presente com cursos de graduação. Dito isso, ressalto que o aniversário da instituição é o aniversário, também, de todos que a fazem. Nossa Uergs está à altura dos desafios do presente para construir um belo futuro”, celebrou.

O objetivo da iniciativa, além de marcar o início das comemorações de 20 anos da instituição, foi dar visibilidade à trajetória e ao potencial da Universidade por meio da valorização das pessoas que fazem ou fizeram parte da história da Uergs desde sua criação.

A Unidade local neste ano também celebra a construção da sede própria da UERGS – São Luiz Gonzaga, sendo a coroação do sonho da casa própria. Embora compartilhar os espaços com a Escola Técnica Cruzeiro do Sul seja maravilhoso, assim como a continuidade da colaboração com este educandário como um verdadeiro complexo educacional, ter seu próprio espaço possibilita ampliação da Universidade em nossa região.

O terreno onde a sede da UERGS está sendo construída, foi repassado por meio de doação do poder executivo e legislativo do município, e existe a expectativa que a obra seja concluída ainda neste ano, assim como a Unidade anseia que novos repasses poderão acontecer através de emendas parlamentares para as próximas fases da obra, que tem previsão de construção de mais dois módulos.

Fonte: Assessoria de Comunicação da UERGS

MEC anuncia que Enem será em 17 e 24 de janeiro de 2021

(Imagem/Divulgação)

Provas digitais vão ocorrer em 31 de janeiro e 17 de fevereiro

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que teve a aplicação adiada por causa da pandemia do novo coronavírus, foi remarcado para os dias 17 e 24 de janeiro, na sua versão impressa. A nova data para aplicação das provas foi divulgada ontem (8), durante coletiva de imprensa transmitida pela internet, que contou com a presença do secretário executivo da pasta, Antonio Paulo Vogel, que é o ministro interino, e o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Alexandre Lopes.

A versão digital do exame será aplicada nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro. Já a reaplicação das provas está marcada agora para os dias 24 e 25 de fevereiro do ano que vem. Os resultados serão divulgados no dia 29 de março.

“Entendemos que essa decisão não é uma decisão perfeita e maravilhosa para todos. Sabemos que não é. Então, buscamos uma solução técnica, tentando ver a data que melhor se adequa a todos”, afirmou Vogel, ao divulgar o novo calendário. Segundo ele, a definição das datas foi construída após diálogo com as secretarias estaduais de Educação e entidades que representam as instituições de ensino superior, tanto privadas quanto públicas.

Segundo o presidente do Inep, serão adotadas medidas sanitárias durante a aplicação das provas, como uso de álcool gel e distanciamento adequado entre os estudantes. Os protocolos sanitários para aplicação das provas vão gerar um custo adicional de cerca de R$ 70 milhões para o governo federal, informou Alexandre Lopes.

“Estamos prontos para fazer essa execução em janeiro. Já estamos adotando as medidas necessárias, junto ao consórcio aplicador, para garantir a segurança sanitária durante a aplicação da prova, medidas relativas ao uso de álcool gel, uso de máscara, distanciamento e quantidade a alunos nas salas de aplicação do exame”, afirmou Lopes.

Consulta pública

Em junho, o Inep chegou a realizar uma enquete virtual para saber em quais datas os estudantes gostariam de realizar a prova. Pelo levantamento, 49,7% dos estudantes preferiam que o Enem impresso fosse aplicado em 2 e 9 de maio de 2021 e o Enem digital em 16 e 23 de maio. Ao comentar a decisão de aplicar as provas entre janeiro e fevereiro, Lopes disse que levou em conta, além da própria enquete, as opiniões das instituições de ensino e das secretarias de educação.

“A enquete não seria o único parâmetro para definição da data, era mais um parâmetro. Entendemos que seria muito importante ouvir os secretários estaduais de educação, representados aqui pelo Consed, como também as instituições de ensino superior, tanto públicas quanto privadas. Todas as informações foram levadas em consideração. Com relação à enquete, mais da metade dos alunos optaram por dezembro e janeiro; maio foi menos de 50% dos alunos, então, mais da metade dos alunos preferiu dezembro e janeiro e a gente também está atendendo esse público”, argumentou.

Fonte: Agência Brasil

Uergs São Luiz realiza aula inaugural on-line de boas-vindas à comunidade acadêmica no retorno das atividades letivas

(Imagem: divulgação)

Evento será transmitido pela página da unidade no Facebook

Para marcar a volta às aulas na universidade, a Uergs Campus Regional IV irá realizar aula inaugural online de acolhida aos seus estudantes, que ocorrerá nesta quarta-feira, 01 de julho, às 19h. Além da mensagem de boas-vindas, a Diretora Regional Arisa Araujo da Luz irá mediar a aula inaugural “Uergs: Juntos no enfrentamento da Covid-19” com a participação do médico e Diretor Técnico do Hospital de São Luiz Gonzaga José Renato Guimarães Grisólia e da enfermeira e Secretária Municipal da Saúde de Três Passos Cássia Maya Charneski.

A transmissão será feita pelo Facebook da Unidade https://www.facebook.com/UergsSaoLuizGonzaga. O evento está sendo organizado conjuntamente entre as Unidade de São Luiz Gonzaga e Três Passos que fazem parte do Campus Regional IV e vêm trabalhando conjuntamente nestes meses de teletrabalho com reuniões semanais para atender todas as demandas da comunidade acadêmica e universidade.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Uergs

Último dia das inscrições para o Vestibular de Inverno da URI São Luiz Gonzaga

(Imagem: divulgação/URI-SLG)

Hoje é o último dia das inscrições para o Vestibular de Inverno da URI – SLG. Esta edição é histórica e marca o início de novos tempos para a Universidade. Pela primeira vez em 28 anos, a URI fará uma processo seletivo para cursos presenciais, com a possibilidade de prova on-line.

As adequações foram necessárias devido à pandemia e refletem a nossa prioridade no momento que é a saúde dos candidatos. A prova é uma redação e o inscrito deverá seguir as orientações do Edital.

Os candidatos também podem optar pelo Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM. Serão consideradas as avaliações realizadas a partir de 2009. Para comprovação das notas do ENEM, a URI utilizará o sistema informativo do SISU. A consulta será realizada utilizando o CPF do candidato inscrito. Será considerado o ano de realização do ENEM em que o candidato tenha obtido a maior pontuação.

As inscrições podem ser feitas AQUI.

Nesta edição, serão ofertadas vagas nos cursos de Administração (10)Educação Física (15)Engenharia Elétrica (10) e Fisioterapia (15).

RESUMO

Data da prova: 27 de junho (on-line)

Inscrições: até 24 de junho no site vestibular.uri.br

Vagas no Câmpus de São Luiz Gonzaga: Administração (10), Educação Física (15), Engenharia Elétrica (10) e Fisioterapia (15).

Dúvidas ligue (55) 3352-8150 | WhatsApp (55) 9 9979-5001 | redes sociais @urisaoluiz

Fonte: URI São Luiz Gonzaga