Eleições

Eleições Municipais de Bossoroca: Eloi Batista e Avelino Quevedo explicam planos para a comunidade

Foto: Rádio São Luiz

Os pré-candidatos da coligação PT e PDT para as eleições municipais deste ano em Bossoroca concederam entrevista na manhã desta quinta-feira, 18 de julho, à Rádio São Luiz FM 100.9. O pré-candidato a prefeito, Eloi Batista (PT) e o pré-candidato a vice-prefeito, tenente Avelino Tadeu Sá Quevedo (PDT), comentaram sobre os projetos e prioridades para a campanha.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Agricultor familiar e formado em técnico de enfermagem, Eloi destacou a busca por construir uma candidatura em diálogo com diferentes pessoas e buscando atender as demandas do município. “Estamos dialogando para o bem da comunidade”, ressaltou o pré-candidato. O atual vereador de Bossoroca comentou também sobre as tratativas que seguem com outros partidos.

Durante a conversa, Eloi abordou o trabalho desenvolvido em causas sociais e em diferentes entidades. Segundo ele, é necessário um planejamento estratégico para trabalhar temas como agricultura, educação e assistência social no município. “Eu vejo hoje a questão da saúde como um tema principal”, afirmou o pré-candidato sobre a busca por melhorar o atendimento para a população local.

Sobre essas questões, Avelino Quevedo acrescentou a preocupação com a valorização dos servidores públicos e das entidades sociais. De acordo com ele, um dos focos da campanha está em buscar construir um plano de governo de médio e longo prazo. Ambos falaram sobre a experiência adquirida com o trabalho na Câmara e o desejo de contribuir com o desenvolvimento do município em diferentes setores.

Nesta segunda-feira, 15, a chapa do Partido Progressistas anunciou  os nomes de Beto Nascimento e Rogério Camargo como pré-candidatos à prefeito e vice para concorrer nas eleições 2024 em Bossoroca. Ainda não há uma definição sobre a posição dos partidos MDB e PSDB.

Fonte: Rádio São Luiz

Eleições Municipais de Pirapó: Definições de candidatos se aproximam

Foto: Prefeitura de Pirapó

A movimentação política em Pirapó está se intensificando à medida que se aproximam as convenções partidárias que definirão os candidatos para as próximas eleições municipais. O MDB, que está no poder há oito anos consecutivos, deverá confirmar o nome do atual vice-prefeito, Carlos Gilmar Andres, mais conhecido como Magrão, como candidato a prefeito. A convenção está prevista para o dia 27 de julho. Até o momento, o partido mantém em sigilo o nome do pré-candidato a vice-prefeito.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Por outro lado, a oposição, formada pelos partidos PP e PT, deve homologar os nomes de Lauri Scherer (PP) como candidato a prefeito e Otávio Deves (PT) como candidato a vice-prefeito na convenção marcada para o dia 27 de julho. Uma curiosidade desta chapa é que ela já concorreu nas eleições de 2008, quando Lauri tentava a reeleição e perdeu por apenas três votos, tornando a disputa deste ano ainda mais emblemática.

O cenário político de Pirapó promete ser acirrado, com o MDB tentando prolongar seu domínio de oito anos e a oposição unida buscando recuperar o comando da prefeitura. A expectativa é grande entre os eleitores para as convenções que definirão os rumos das candidaturas e, consequentemente, da administração municipal nos próximos anos.

Fonte: Rádio São Luiz

Eleições 2024: Ana Barros e Francisco Lourenço expõem planos prioritários para São Luiz Gonzaga

Foto: Evelise Oliveira/Rádio São Luiz

Nesta quarta-feira, 17, teve continuidade a série de entrevistas com pré-candidatos e pré-candidatas ao Executivo de São Luiz Gonzaga, iniciativa promovida pela Rádio São Luiz que começou na última segunda-feira, 15. Os entrevistados de hoje foram a pré-candidata a prefeita Ana Barros, do Partido dos Trabalhadores (PT), e o pré-candidato a vice-prefeito Francisco Lourenço, do Partido Democrático Trabalhista (PDT). A entrevista foi dividida em três blocos, com duas participações de Ana e uma de Francisco.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Primeiro bloco:

Na primeira parte, Ana Barros falou sobre sua trajetória política. Ela destacou que sua experiência começou na Secretaria de Ação Social, em um período de grandes dificuldades de moradia, e depois na Secretaria de Saúde, onde foram criados os PSFs, o Centro de Atenção Psicossocial (Caps) e o Centro de Referência de Saúde da Mulher. Ana também mencionou sua candidatura a vice-prefeita ao lado de Afrânio Dorneles e seu afastamento de 12 anos das disputas eleitorais, retornando como a segunda vereadora mais votada no primeiro mandato e a mais votada no último pleito.

Ana disse que decidiu concorrer ao Executivo devido à frustração com as potencialidades não aproveitadas e com a falta de poder de execução no Legislativo. Ela afirmou ser a vereadora que mais trouxe recursos para São Luiz Gonzaga e defendeu uma gestão focada no desenvolvimento real, na melhoria da qualidade de vida e na geração de emprego e renda, transformando o município em um polo regional.

Uma das prioridades de Ana é a saúde. Ela propôs a reestruturação das unidades básicas de saúde e do hospital, incluindo a conclusão do quarto piso e a implementação de UTI, hemodiálise e outras especialidades. Ana mencionou parcerias com o Hospital de Ijuí e a possibilidade de trazer um oncologista para São Luiz Gonzaga. Ela destacou a importância de transformar o Hospital São Luiz em um polo regional para salvar vidas e gerar emprego.

Segundo bloco: Francisco Lourenço

No segundo bloco, Francisco Lourenço apresentou sua trajetória política, que começou em 1996, e seus seis mandatos consecutivos no Legislativo a partir de 2000. Ele foi presidente da Câmara três vezes, presidiu a Associação dos Legislativos das Missões e, na atual gestão, foi Secretário de Planejamento e Gestão.

Francisco aceitou o desafio de ser pré-candidato a vice-prefeito por acreditar na necessidade de mais atenção para todas as áreas do município. Ele destacou a importância de uma UPA para reduzir a aglomeração no Hospital, a criação de vagas na Educação Infantil e a melhoria das estradas do interior e do parque de máquinas. Ele também mencionou a necessidade de apoiar o produtor rural com assistência técnica e incentivos.

Sobre sua participação no atual governo, Francisco mencionou a retomada do projeto habitacional e a infraestrutura do Distrito Industrial II, lamentando a falta de continuidade após sua saída. Ele defendeu a valorização do servidor público e convidou a população a participar do projeto de governo “Diálogos Por São Luiz”.

Terceiro bloco:

No terceiro bloco, Ana Barros falou sobre a conquista do Instituto Federal Farroupilha e a necessidade de vagas na Educação Infantil. Ela também mencionou a necessidade de melhoria no fornecimento de água no interior e a habilitação de cascalheiras. Ana destacou a importância de pavimentação e sarjetas permeáveis para evitar alagamentos.

Ana abordou ainda a necessidade de combater a fome e a falta de moradia, defendendo a construção de casas populares. Ela propôs a criação da Casa do Empreendedor para apoiar investimentos e criticou notícias falsas sobre sua pré-candidatura, de que sua eventual gestão extrapolaria a carga horária de trabalhadores da educação infantil, pedindo eleições limpas e sem fake news.

A entrevista na íntegra pode ser conferida no Facebook da Rádio São Luiz.

Fonte: Rádio São Luiz

Eleições 2024: Pré-candidato Marcos da Rosa, do Republicanos, aborda desafios e propostas para São Luiz Gonzaga

Foto: Evelise Oliveira/Rádio São Luiz

Nesta terça-feira, 16, prosseguiu a série de entrevistas com os pré-candidatos ao Executivo de São Luiz Gonzaga, promovida pela Rádio São Luiz. O entrevistado foi o pré-candidato dos Republicanos, Marcos da Rosa.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Marcos, 44 anos, natural de Santa Rosa, está ligado a São Luiz Gonzaga desde 2002, quando veio para a cidade como oficial no 4º RCB, onde permaneceu até 2008. Depois, passou por Santa Rosa e Santiago, retornando há 10 anos para assumir a gerência de uma franquia de colchões na cidade.

Além da gestão empresarial, Marcos está envolvido com atividades na igreja e trabalho social, tendo sido presidente da Associação Comercial e Industrial e da Expo São Luiz. Ele destacou que essas experiências o ajudaram a entender a importância do empreendedorismo para a cidade. Um dos projetos que surgiram desse período foi o Jovens Empreendedores Primeiros Passos, implementado nas escolas municipais para ensinar empreendedorismo às crianças.

Marcos também mencionou ter concluído um Mestrado em Desenvolvimento Regional, o que lhe permitiu conhecer casos de sucesso de outros municípios em áreas aplicáveis a São Luiz Gonzaga. Ele ainda se posicionou contra o loteamento de cargos públicos e enfatizou a importância de adequar as pessoas aos cargos que ocupam para garantir o bom andamento das atividades.

Sobre a escolha do ou da vice, Marcos afirmou que em breve anunciará um nome preparado, destacando a coesão ideológica de seu partido e rejeitando o “carguismo”.

Marcos ainda abordou setores prioritários como saúde, criticando o modelo de agendamento de consultas nos ESFs e propondo um atendimento sem fichas e um Pronto Atendimento no Centro de Saúde para aliviar o Hospital São Luiz Gonzaga. Na educação, mencionou que São Luiz Gonzaga ocupa a 238ª posição no IDEB, defendendo iniciativas de civismo, integração e educação em tempo integral.

Sobre infraestrutura, criticou o estado defasado do Parque de Máquinas da cidade e propôs melhorias nas estradas municipais para maior previsibilidade aos produtores rurais. O pré-candidato do Republicanos concluiu convidando o público para acompanhar suas propostas em seus canais, dada a limitação de tempo para discutir todos os temas.

A entrevista na íntegra pode ser conferida no Facebook da Rádio São Luiz.

Amanhã, na terceira entrevista, será a vez da pré-candidata a prefeita Ana Barros, do PT, e seu pré-candidato a vice, Francisco Lourenço, do PDT.

Fonte: Rádio São Luiz

Eleições 2024: Piti Werle e Fraguinha destacam foco em continuidade do trabalho e ajuste fiscal

Foto: Rádio São Luiz

Os pré-candidatos a prefeito e vice de São Luiz Gonzaga, José Antonio Flach (Piti) Werle (MDB) e Paulo César da Trindade Garcia (Fraguinha) (PP), concederam entrevista à Rádio São Luiz FM 100.9 na manhã desta segunda-feira, 15 de julho, representando a coligação formada por MDB, PP, Cidadania e PL. A entrevista faz parte de série especial com os pré-candidatos à prefeitura de São Luiz Gonzaga nas eleições de 2024.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

No primeiro bloco, Piti Werle comentou sobre sua trajetória como empresário e sua entrada na vida pública, incluindo a atuação em diferentes setores, secretarias e entidades sociais e comunitárias. “Entendemos que a verdadeira política é a que transforma a sociedade. E esse trabalho nas entidades que me deu suporte”, destacou.

Segundo o pré-candidato, a atual participação nas eleições é reflexo de uma caminhada, o que inclui também a experiência como vereador e vice-prefeito. “Já estou há 8 anos em contato direto com a vida política”, disse Piti, que acrescentou comentário sobre as vezes que assumiu como prefeito em exercício. Ele ressaltou a importância de integrar a articulação política com o conhecimento técnico da máquina pública.

Segundo bloco: Fraguinha

No segundo bloco da entrevista, o pré-candidato a vice-prefeito Fraguinha descreveu seu trabalho como conselheiro tutelar e depois como vereador. De acordo com ele, foi o trabalho comunitário que o levou a cursar Serviço Social e atuar com a vida pública. Ele citou alguns dos projetos em que buscou dar foco, como a busca por recursos para a saúde, hospital, educação e assistência social.

Sobre a decisão de concorrer na chapa à prefeitura, Fraguinha mencionou o desejo de transmitir para a sociedade uma proposta possível de ser posta em prática. “Essa é a uma meta de transparência que nós temos, de respeito ao dinheiro público e dar continuidade ao que é bom”, salientou.

Terceiro bloco

Na terceira parte da entrevista, Piti destacou que a coligação formada por MDB, PP, PL e Cidadania representa a continuidade da atual administração. Segundo ele, foram conquistados diferentes avanços e conquistas para o municípios nos últimos anos. Entre estes, Piti citou o ajuste fiscal, o diálogo com a comunidade e o convívio pacífico entre as secretarias e poderes públicos.

O pré-candidato também mencionou as reposições salariais para os servidores públicos. “Temos muita coisa boa, agora humildemente reconhecemos que algumas coisas não foram como nós queríamos e esse vai ser nosso ponto de partida: continuar o que estamos fazendo e arrumar aquilo que ainda não conseguimos fazer”, finalizou Piti.

Confira o calendário de entrevistas e debates com os pré-candidatos à prefeitura de São Luiz Gonzaga

A entrevista na íntegra está disponível no Facebook da Rádio São Luiz

Fonte: Rádio São Luiz

 

PP lança pré-candidatos a prefeito e vice em Bossoroca

Foto: Luiz Oneide/Rádio São Luiz

Nesta segunda-feira, 15, o programa Olho Vivo entrevistou os pré-candidatos a prefeito e vice de Bossoroca pelo Partido Progressista (PP), Beto Nascimento e Rogério Camargo. Durante a entrevista, eles confirmaram suas pré-candidaturas e destacaram sua dedicação e crença no desenvolvimento do município. Beto Nascimento, atual vice-prefeito, e Rogério Camargo representam a continuidade da atual administração.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Beto, que mencionou esperar o apoio do MDB e do PSDB para fortalecer ainda mais sua candidatura, explicou que a definição dos Progressistas ocorreu no dia 11, tendo o seu nome sido aprovado por unanimidade. Ele ressaltou sua trajetória política, citando as passagens pela Câmara de Vereadores e as duas eleições como vice-prefeito de Juca Dutra. Beto também avaliou que Rogério Camargo, seu pré-candidato a vice, “traz renovação na política e possibilidade de desenvolvimento para o município”.

Rogério Camargo, que já presidiu o Sindicato Rural em 2016, comentou que está iniciando na vida política, que essa possibilidade de concorrer já havia sido planejada em outras oportunidades, mas que só agora se sente preparado para servir ao município. Rogério disse ainda que suas bandeiras estão voltadas ao empreendedorismo e fomento de oportunidades para os jovens da comunidade.

Do outro lado, a oposição, liderada pelo vereador Elói Batista (PT) e apoiada pelo PDT, também aguarda hoje uma posição de apoio do MDB e do PSDB. A definição do nome do pré-candidato a vice pela oposição deverá ocorrer na terça-feira, 16. Atualmente, há dois pretendentes ao cargo, cujos nomes ainda não foram revelados.

Fonte: Rádio São Luiz

Pré-candidata a vice-prefeita pelo Podemos, Nadine Dubal, recebe mensagem de desistência do pré-candidato a prefeito Vicente Diel

Foto: Arquivo/Rádio São Luiz

Em um movimento inesperado, a pré-candidata a vice-prefeita de São Luiz Gonzaga pelo Podemos, Nadine Dubal, recebeu uma mensagem de WhatsApp na noite de domingo, 14, às 23h13min, do pré-candidato a prefeito pelo União Brasil, Vicente Diel. Na mensagem, Diel, que também é presidente do Partido União Brasil de São Luiz Gonzaga, comunicou sua desistência das tratativas com o Podemos.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

A mensagem de Diel foi clara e direta: “Eu, Vicente Diel, presidente do Partido União Brasil de São Luiz Gonzaga-RS, venho por meio desta mensagem comunicar a minha desistência das tratativas com o Partido Podemos de São Luiz Gonzaga-RS. O motivo da minha desistência é devido ao meu estado de saúde, onde me encontro sem total condições de continuar no pleito eleitoral.”

Esta desistência marca uma reviravolta significativa no cenário político local, uma vez que as negociações entre os dois partidos estavam avançadas e eram vistas como uma aliança estratégica importante para as próximas eleições municipais.

A nossa reportagem enviou uma mensagem a Vicente Diel que confirmou o teor da mensagem. Ele ainda acrescentou que “tem uma coligação encaminhada com a atual administração”, firmando posição de apoio à pré-candidatura de Piti Werle. A reunião que definirá os encaminhamentos dessa nova aliança ocorrerá na noite desta segunda-feira, 15.

Fonte: Rádio São Luiz

Eleições Municipais de Bossoroca: Partidos definem pré-candidatos a vice-prefeito

Arquivo/Divulgação

Os preparativos para as eleições municipais em Bossoroca estão ganhando forma, com os partidos políticos acelerando a definição de suas chapas. Ontem, 11, o partido Progressistas deu um passo importante ao escolher Rogério Camargo como pré-candidato a vice-prefeito, compondo a chapa liderada por Beto Nascimento, o atual vice-prefeito que agora se lança como pré-candidato a prefeito.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Situação Definida

A escolha de Rogério Camargo pelos Progressistas reforça a chapa da situação, que já havia definido Beto Nascimento como pré-candidato a prefeito. A dupla Beto-Rogério representa a continuidade do atual projeto político, prometendo dar sequência aos trabalhos e iniciativas que vêm sendo desenvolvidos na administração municipal.

Movimentações da Oposição

Do outro lado, a oposição, liderada pela coligação entre PT, PDT e MDB, já havia indicado o vereador Eloi Andrade Batista como pré-candidato a prefeito. Eloi, com sua experiência legislativa, surge como uma alternativa de renovação para a gestão municipal. A definição do pré-candidato a vice-prefeito dessa coligação está prevista para ocorrer neste sábado, 13, quando o grupo finalizará a composição da chapa que disputará a prefeitura de Bossoroca.

Expectativa e Estratégia

A escolha dos pré-candidatos a vice-prefeito é uma etapa estratégica e crucial nas eleições, pois os nomes indicados devem complementar as candidaturas principais, fortalecendo-as com novas alianças e apoiadores. Tanto a situação quanto a oposição estão cientes da importância dessas decisões e se movem com cautela para garantir chapas competitivas.

O que Vem a Seguir

Com a definição dos pré-candidatos a vice-prefeito, os partidos estarão prontos para as convenções partidárias que serão entre 20 de julho a 05 de agosto.

Fonte: Rádio São Luiz

Definido calendário de entrevistas e debates com pré-candidatos a prefeito (a) de São Luiz Gonzaga

Foto: Arquivo/Rádio São Luiz

Ocorreu nesta quinta-feira, 11, o sorteio que definiu o calendário das entrevistas e debates dos pré-candidatos a prefeito (a) de São Luiz Gonzaga. Com foco nos assuntos municipais, o evento contou com a presença dos representantes dos pré-candidatos, estabelecendo um cronograma rigoroso para as atividades que ocorrerão em julho e agosto.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Estrutura das Entrevistas

As entrevistas serão organizadas em três blocos de 10 minutos cada:

  • Bloco 1: Candidato (a) a prefeito (a).
  • Bloco 2: Candidato (a) a vice-prefeito (a).
  • Bloco 3: Candidato (a) a prefeito (a).

Essa estrutura permitirá que os eleitores conheçam em profundidade as propostas e ideias de ambos os candidatos da chapa. Durante o mês de julho, ainda sob a denominação de pré-candidatos, o calendário das entrevistas ficou definido da seguinte forma:

DataHorárioPrefeito (a)Vice-prefeito (a)
15/0709:05A – Pitty Werle         Paulo Cesar T Garcia
16/0709:05B – Marcos da Rosa
17/0709:05C – Ana Barros         Francisco Lourenço
18/0709:05D – Vicente Diel         Nadine Dubal
23/0709:05B – Marcos da Rosa
25/0709:05C – Ana Barros         Francisco Lourenço
29/0709:05D – Vicente Diel         Nadine Dubal
31/0709:05A – Pitty Werle         Paulo Cesar T Garcia

Após as convenções, que ocorrerão entre 25 de julho e 5 de agosto, as entrevistas serão oficialmente conduzidas com os candidatos (as), incluindo a realização de dois debates. O cronograma dos debates e das entrevistas pós-convenção ficou assim:

DataHorárioPrefeito (a)Vice-prefeito (a)
08/0808:00       DEBATE
13/0809:05C – Ana Barros        Francisco Lourenço
15/0809:05D – Vicente Diel        Nadine Dubal
20/0809:05A – Pitty Werle        Paulo Cesar T Garcia
22/0809:05B – Marcos da Rosa
10/0909:05D – Vicente Diel       Nadine Dubal
12/0909:05A – Pitty Werle       Paulo Cesar T Garcia
17/0909:05B – Marcos da Rosa
19/0909:05C – Ana Barros       Francisco Lourenço
03/1008:00          DEBATE

Regras para os Debates

Os debates seguirão uma estrutura organizada para garantir uma discussão produtiva e respeitosa entre os candidatos (as):

  • Bloco 1: Apresentação Inicial (4 minutos para cada candidato (a)).
  • Bloco 2, 3 e 4: Perguntas entre os candidatos (as).
    • Cada candidato (a) terá 1 minuto para perguntar a um oponente.
    • O candidato (a) que responde terá 3 minutos.
    • Réplica do perguntador: 1 minuto.
    • Tréplica do respondente: 1 minuto.
    • Nota: O candidato (a) que perguntar também escolhe um candidato (a) para comentar a resposta do oponente
  • Bloco 5: Considerações Finais (2 minutos para cada candidato (a)).

Com esse calendário e regras estabelecidas, a população de São Luiz Gonzaga poderá acompanhar de perto os debates e entrevistas, conhecendo melhor as propostas dos candidatos (as) e se preparando para exercer seu voto de forma consciente.

Fonte: Rádio São Luiz

Cartório Eleitoral de São Luiz Gonzaga inicia convocação de mesários na segunda-feira

Foto: Roberto Jayme/Assessoria de Comunicação do TSE

O chefe do Cartório Eleitoral de São Luiz Gonzaga, Éderson Luiz de Oliveira Anger, foi entrevistado nesta quinta-feira, 11, para falar sobre os preparativos locais para o pleito de outubro.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Segundo ele, o foco deste mês de julho está na preparação das mesas receptoras, convocação dos mesários e convenções partidárias, que ocorrerão de 20 de julho a 5 de agosto. Na próxima segunda-feira, 15, será publicado o edital com a convocação dos mesários que atuarão nos oito municípios da abrangência da 52ª Zona Eleitoral. Neste ano, o Tribunal Regional Eleitoral inovará ao disparar mensagens pelo WhatsApp (2312-2015) para todos os mesários, utilizando o número de celular registrado no cadastro. Caso o número esteja desatualizado, o contato será feito presencialmente ou pelos Correios. Ao todo, cerca de 450 colaboradores estarão envolvidos no pleito.

Éderson informou que as urnas eletrônicas da região não sofreram nenhum prejuízo com os efeitos climáticos, pois estão armazenadas na sede do Cartório. Ele também mencionou que não houve registro de danos nos locais de votação, embora estejam previstas alterações de local por razões estratégicas da Justiça Eleitoral, que serão divulgadas mais adiante.

Em outubro, pouco mais de 27 mil eleitores de São Luiz Gonzaga estão aptos a votar para os cargos do executivo e legislativo. Cabe ressaltar que no município não há segundo turno, portanto, todo o desenrolar do pleito ocorrerá em 6 de outubro.

Fonte: Rádio São Luiz

Eleições 2024: restrições iniciam neste mês de julho

Foto: Abdias Pinheiro/SECOM/TSE

As principais restrições previstas na Lei das Eleições começam a valer a partir deste mês de julho. Em 6 de julho, nesta sexta-feira, os agentes públicos passam a ter restrições com relação à contratação e demissão de servidores. Já as convenções partidárias internas para definição dos candidatos iniciam a partir do dia 20. O primeiro turno do pleito de 2024 está marcado para 6 de outubro.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Além da contratação e demissão de servidores, a partir desta sexta-feira, 6, três meses antes das eleições, a nomeação por concursos só pode ser feita se o resultado do certame tiver sido homologado até o dia 6 de julho. Também fica proibida a transferência voluntária de recursos do governo federal para estados e municípios, ou seja, apenas verbas obrigatórias ou emergenciais podem ser repassadas.

A autorização para realização de publicidade institucional de programas de governo também está proibida. Pronunciamentos oficiais em cadeia de rádio e televisão e a divulgação de nomes de candidatos em sites oficiais também estão vedados e só podem ocorrer com autorização da Justiça Eleitoral. Por fim, candidatos não podem participar da inauguração de obras públicas.

No dia 20 de julho, além do início das convenções, passam a valer a possibilidade de candidatos e partidos pedirem direito de resposta contra reportagens, comentários e postagens que considerarem ofensivas na imprensa e nas redes sociais. Na mesma data, o TSE divulgará o limite de gastos de campanha para os cargos que estarão em disputa.

Matéria relacionada: MPRS divulga instruções e canais denúncia para o período eleitoral

Fonte: Rádio São Luiz com informações da Agência Brasil

MPRS divulga instruções e canais denúncia para o período eleitoral

Divulgação/MPRS

O Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) publicou uma lista de instruções e canais de denúncia para utilização pelo população durante o período eleitoral de 2024. Nesse tempo, existem uma série de determinações do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre o calendário e as regras do pleito, que devem ser observadas por candidatos e também pela população.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

O registro oficial das candidaturas está marcado para 15 de agosto, com início da propaganda eleitoral no dia 16. No entanto, desde o início deste mês pré-candidatos já não podem apresentar programas de rádio e televisão e, a partir de 6 de julho, existem algumas vedadas a agentes públicos, tais como: nomeações, exonerações e contratações, além da participação em inauguração de obras públicas.

As normas para as eleições de 2024 constam na Resolução nº 23.738/2024, publicada em fevereiro pelo TSE. Em caso de serem observados algum ato que descumpra a legislação, as denúncias podem ser encaminhadas para o e-mail exclusivo do MP Eleitoral: [email protected] ou diretamente nas Promotorias de Justiça.

Em nota, o promotor de Justiça Rodrigo López Zilio, coordenador do Gabinete de Assessoramento Eleitoral (GAEL) do MPRS, orienta que em caso de denúncia de uma infração eleitoral, “é importante que o cidadão informe o máximo de elementos de prova disponíveis, como, por exemplo, o nome do candidato e do partido beneficiados, o dia do fato e as circunstâncias que envolvem o ilícito. Quanto mais detalhes em relação ao caso, melhor para o MP identificar e punir os responsáveis”. É possível também fazer uma denúncia anônima. Todas as orientações estão disponíveis no site do MPRS (neste link).

Fonte: Rádio São Luiz

 

Eleições em São Luiz Gonzaga: apoios definidos e cenário político indicam pleito intenso

Arquivo/Divulgação

O cenário político para as eleições de 2024 em São Luiz Gonzaga se intensificou neste final de semana com importantes movimentações nas coligações e pré-candidaturas. À medida que as convenções partidárias se aproximam, marcadas para o período de 25 de julho a 05 de agosto, as alianças se consolidam e novos apoios são anunciados, moldando o rumo do pleito terá primeiro turno em 6 de outubro.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Com o contexto eleitoral tomando forma, as convenções partidárias serão o palco decisivo para formalizar as candidaturas e alinhar as estratégias de campanha. A diversidade de alianças e o suporte dos diferentes partidos refletem a dinâmica política da cidade, onde cada movimento pode ser determinante para o desfecho das eleições.

Com a chegada das convenções, a expectativa aumenta entre os eleitores e os próprios candidatos, todos atentos aos próximos passos que definirão o futuro político de São Luiz Gonzaga. As campanhas prometem ser intensas, com debates focados em temas cruciais para o desenvolvimento local e o bem-estar da população. Confira mais detalhes sobre o cenário das eleições até o momento:

Aliança MDB-PP-Cidadania recebe apoio do PL

A coligação MDB-PP-Cidadania, liderada pelos pré-candidatos Pitty Werle e Paulo Fraga, recebeu a adesão do Partido Liberal (PL). Este suporte adicional é visto como um passo importante para a disputa eleitoral. Werle e Fraga buscam capitalizar esse novo apoio para fortalecer suas bases e ampliar o alcance da campanha.

Aliança PT-PDT-PSD ganha apoio do PSB estadual

Por outro lado, a candidatura de Ana Barros e Chiquinho Lourenço, formada pela aliança PT-PDT-PSD, também registrou um avanço estratégico ao assegurar o apoio do Partido Socialista Brasileiro (PSB), anunciado por Carlos Orling, durante a sua visita em São Luiz Gonzaga. Os pré-candidatos Barros e Lourenço veem nesse apoio uma oportunidade para fortalecer sua plataforma de governo.

União Brasil e Podemos superam conflitos internos

A aliança União Brasil e Podemos, liderada por Vicente Diel e Nadine Dubal, conseguiu superar os conflitos internos que ameaçavam a coesão do grupo. Com a resolução das divergências, Diel e Dubal mantêm suas candidaturas firmes, apresentando uma frente unida para os eleitores. Este desfecho positivo é um alívio para a coalizão, que agora pode focar seus esforços em consolidar suas propostas e ampliar o engajamento com a população.

Republicanos preparam anúncio de vice-prefeito

Os Republicanos, representados por Marcos da Rosa, estão prestes a anunciar nos próximos dias o nome do pré-candidato a vice-prefeito que completará a chapa. Este anúncio é aguardado com expectativa, pois poderá definir os rumos da campanha e a estratégia do partido para as eleições. O pré-candidato Marcos da Rosa busca formar uma dupla que equilibre experiência e inovação.

Fonte: Rádio São Luiz

Presidente do PDT convida comunidade para construção de plano de governo da coligação com PT e PSD

Foto: Rádio São Luiz

O presidente do PDT de São Luiz Gonzaga, Emerson Marques de Mattos, concedeu entrevista na manhã desta quinta-feira, 27 de junho, à Rádio São Luiz FM 100.9. Na ocasião, Emerson convidou à comunidade para participar do “Diálogos por São Luiz”, série de assembleias organizadas com objetivo de montar um plano de governo da coligação PT, PDT e PSD.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

O lançamento das assembleias será nesta quinta-feira, 27, na sede da ACI, a partir das 18h30.  Segundo o presidente do PDT, existem alguns eixos temáticos definidos para serem discutidos, o que não impede que as pessoas façam sugestões e apresentem suas demandas. “É muito importante saber o que os bairros, cada região da cidade precisa”, explicou ele sobre a intenção de promover a prática de gestões participativas.

Emerson enfatizou o desejo de ouvir diferentes segmentos da população e comentou a necessidade de investimentos em infraestrutura para estimular o desenvolvimento local. Na sexta-feira e sábado, 28 e 29, também serão realizadas palestras sobre formação política. Na entrevista, o presidente do PDT comentou sobre a formação da chapa de vereadores para concorrer nas eleições deste ano. Segundo ele, a expectativa é manter o atual número de membros da bancada do partido no legislativo, com três vereadores.

Confira a entrevista na íntegra no Facebook da Rádio São Luiz

Fonte: Rádio São Luiz

Tribunal Regional Eleitoral não descarta o adiamento das eleições municipais no RS

Foto: Roberto Jayme/Assessoria de Comunicação do TSE

A presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (TRE-RS), Desa Vanderlei Kubiack, manifestou-se pela primeira vez sobre a real possibilidade de adiamento das eleições municipais.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Oficialmente, o Tribunal já registrou a perda de 500 urnas eletrônicas nas enchentes. Outras 15 mil urnas, armazenadas em um depósito em Porto Alegre, estão inacessíveis no momento e não se sabe quais as condições destes equipamentos.

Além disso, muitas seções eleitorais das 165 zonas existentes no estado podem ter sido destruídas, pois esses locais de votação muitas vezes ficam dispostos em escolas públicas.

A possibilidade de adiar as eleições, previstas para 6 de outubro, passa a ser, portanto, uma situação considerada.

Fonte: Rádio São Luiz com informações do TRE-RS

PDT deve buscar nova coligação para as eleições deste ano, afirma Francisco Lourenço

Vereador voltou a presidir a casa nesta semana – Foto: Reprodução / Câmara de Vereadores de São Luiz Gonzaga

O vereador e presidente da Câmara Municipal de São Luiz Gonzaga, Francisco (Chiquinho) Lourenço (PDT), concedeu entrevista ao programa Olho Vivo da Rádio São Luiz FM 100.9 para falar do seu retorno ao Legislativo e de reunião do partido para acertar detalhes para as eleições municipais deste ano. Chiquinho esteve afastado por conta de questões de saúde.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Durante a entrevista, o vereador expressou sua solidariedade com as pessoas afetadas pelas enchentes no Rio Grande do Sul. Ele comentou sobre os rumos que o partido deve tomar após sair da coligação da atual administração. Segundo Chiquinho, a intenção é discutir projetos e a possibilidade de entrada em outra coligação.

“Entendemos a necessidade da união de pensamentos, ideias e elaboração de projetos. Então acredito sim que vai haver coligação e, neste sentido que nós vamos ter nos próximos dias as tratativas”, afirmou o vereador, que atualmente é o pré-candidato do PDT para disputar as eleições para a prefeitura neste ano.

Fonte: Rádio São Luiz

Enchentes paralisam serviços e atendimentos no Rio Grande do Sul

Foto: Governo do Estado do RS

As fortes chuvas e enchentes que assolaram o Rio Grande do Sul deixaram um rastro de destruição e afetaram diversos serviços público. Tanto o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) quanto a Defensoria Pública do Estado (DPE/RS) enfrentam dificuldades operacionais em decorrência do grave cenário.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

O TRE-RS teve seu Datacenter desligado devido à falta de energia elétrica, ocasionando a indisponibilidade do sistema em todo o estado. Como resultado, o atendimento presencial nos Cartórios Eleitorais está suspenso até pelo menos quarta-feira, dia 8 de maio. Em atenção ao momento excepcional, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) prorrogou por 15 dias o prazo do cadastramento eleitoral, que encerraria na quarta-feira. Eleitores que já possuem biometria coletada podem efetuar transferência ou revisão diretamente pelo autoatendimento do eleitor no site do TSE.

Já a Defensoria Pública do Estado (DPE/RS), por meio da Comissão de Enfrentamento aos Eventos Climáticos Extremos, informa que os atendimentos presenciais estão suspensos em razão do grave cenário que atinge o Rio Grande do Sul. A instituição está atendendo apenas casos de urgência das 12h às 19h pelo telefone 129. Os assistidos também podem acessar o site www.defensoria.rs.def.br para verificar os telefones das unidades do interior do Estado, mas muitas delas estão impossibilitadas de realizar atendimentos devido aos danos causados pelas chuvas.

Fonte: Rádio São Luiz com informações do Cartório Eleitoral e da Defensoria Pública

Chefe do Cartório da 52ª Zona Eleitoral divulga horários e datas do atendimento de plantão

Arquivo/Rádio São Luiz

O Chefe do Cartório da 52ª Zona Eleitoral, Éderson Luiz de Oliveira Anger, informou nesta sexta-feira, 26, que haverá plantão para atendimento ao eleitor no dia 1º de maio. O plantão ocorrerá das 12h às 17h e atenderá até o limite de 60 pessoas.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Além disso, ele informou que nos dias 6, 7 e 8 de maio, o atendimento terá início pela manhã, às 8h, e se estenderá até as 19h. Esta medida visa ampliar o acesso dos eleitores aos serviços eleitorais, garantindo que mais pessoas possam realizar suas demandas dentro do prazo estabelecido.

É importante destacar que o prazo final para diversos serviços eleitorais, como cadastramento de dados biométricos, emissão da primeira via do título de eleitor, mudança de domicílio eleitoral, transferência de local de votação e regularização cadastral, encerra-se em 8 de maio.

Fonte: Rádio São Luiz

Vicente Diel afirma que candidatura será mantida

Ex-prefeito disse que mantém sua pré-candidatura – Foto: Arquivo/Rádio São Luiz

O pré-candidato a prefeito de São Luiz Gonzaga, Vicente Diel (União Brasil) afirmou que vai participar das eleições deste ano. Em entrevista à Rádio São Luiz FM 100.9, Vicente atribuiu ao seu então advogado, Claudio Cavalheiro, a intenção de tentar desestabilizar a sua pré-candidatura. Ele disse ter contratado um novo advogado que deve recorrer junto ao Ministério Público para reverter a decisão.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Segundo Vicente, a ideia é entrar com um pedido de indulto para reverter todos os efeitos condenatórios da pena. “A minha candidatura está de pé. Nada me atrapalha e não tenho nada a temer”, disse. Conforme decisão do juiz Régis Souza Ramalho, a condenação de Vicente em um processo envolvendo licitações do transporte escolar prescreveu.

Vicente contestou essa interpretação e afirmou que o seu novo advogado garantiu que vai poder concorrer. Ele também disse não ter nenhum problema com a Justiça ou a Lei de Ficha Limpa, uma vez que é presidente do União Brasil em São Luiz Gonzaga. Além disso, Vicente apresentou um documento (link aqui) emitido junto ao Poder Judiciário e que atesta não existirem condenações contra si.

Ainda de acordo com ele, as informações divulgadas por Claudio Cavalheiro se devem a um desentendimento entre eles, o que levou a abertura de processo para expulsar o advogado do partido.

Leia também: Decisão da Justiça leva a inelegibilidade de Vicente Diel por 8 anos

Fonte: Rádio São Luiz

Decisão da Justiça leva a inelegibilidade de Vicente Diel por 8 anos

Foto: Freepik

Uma decisão da Justiça levou a inelegibilidade do então pré-candidato a prefeito de São Luiz Gonzaga, Vicente Diel (União Brasil) pelo período de 8 anos. Uma condenação de Vicente em 2012 foi declarada prescrita pelo juiz Reges Souza Ramalho. Com isso, apesar de ter sido extinta a pena, de acordo com a súmula 59 da Lei de Ficha Limpa, o efeito da inelegibilidade continua vigente.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Vicente Diel havia sido condenado em um processo que envolvia uma licitação de compras para o transporte escolar. Na ocasião, ele chegou a cumprir parte da pena de 2 anos e 3 meses em regime aberto, no entanto, um recurso aguardava julgamento no Superior Tribunal Federal. Por conta desse recurso, a inelegibilidade ainda não havia passado a valer.

Em decisão no STF, o ministro André Mendonça indeferiu o recurso extraordinária da defesa de Vicente e a decisão retornou em caráter definitivo para a comarca de São Luiz Gonzaga. Em sua decisão, o juiz Reges declarou extinta a punibilidade do caso. No entanto, pela determinação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Vicente está inelegível pelo período de 8 anos a contar do final do processo na comarca local.

Por conta do processo ter sido encerrado e a pena prescrito, não existe possibilidade de recorrer da inelegibilidade. A situação deve afetar o cenário eleitoral para o ano de 2024 em São Luiz Gonzaga.

Assim que as informações foram recebidas pela Rádio São Luiz FM 100.9, a redação consultou o então advogado de Vicente Diel no caso, Claudio Cavalheiro, que confirmou.

Leia também: Vicente Diel afirma que candidatura será mantida e pretende reverter inelegibilidade

Fonte: Rádio São Luiz