Política

AMM em audiências em Brasília nesta terça e quarta-feira

Uma comitiva da Associação dos Municípios das Missões está em Brasília participando de audiências nos Ministérios elencando pautas locais. Em entrevista à Rádio São Luiz, o prefeito de São Nicolau e diretor do Departamento de Turismo da AMM, Ricardo Klein, destacou os pleitos defendidos na capital federal.

Segundo Klein, nesta terça-feira a comitiva foi recebida pelo vice-presidente da República, general Hamilton Mourão. Em pauta, o pleito da obra de construção da ponte binacional em Porto Xavier. Segundo o diretor do DETUR “estamos preocupados com o prazo do projeto, uma vez que já contamos com recurso de R$ 20 milhões destinados à obra. Mas de positivo recebemos a confirmação de Mourão de que ele iria encaminhar o projeto junto ao Ministério de Infraestrutura, o que fortalece o nosso pleito”, destacou.

A comitiva também esteve reunida com a presidente do IPHAN, Kátia Bogéa, que esteve recentemente em visita à região missioneira. Presente na reunião representando a AMM, o secretário da associação, prefeito de Salvador das Missões Daniel Gorski, destacou a discussão dos projetos voltados ao turismo na região missioneira que encontram-se no IPHAN. A presidente do Instituto informou aos prefeitos da AMM de que provavelmente em agosto tenham início as obras no entorno do sítio de São Nicolau. Nesse mesmo viés, a comitiva estará participando na tarde de hoje de audiência com o ministro do Desenvolvimento Social Osmar Terra para solicitar recurso na ordem de R$ 1 milhão para ser destinado a obras na parte interna dos sítios arqueológicos de São Lourenço, São Nicolau e São João Batista.

Fonte: Rádio São Luiz

Foto: Prefeitura de Salvador das Missões

 

 

Mototáxis: Projeto de Lei será retirado da Câmara de Vereadores nesta quarta-feira

Mototaxistas se fizeram presentes na Sessão da Câmara para acompanhar a tramitação do PL, que acabou não indo a plenário e foi baixado em Comissão Especial. Foto: Alcides Figueiredo/Rádio São Luiz

Após ter protocolado na Câmara de Vereadores na semana passada, o prefeito Sidney Brondani estará encaminhado ofício nesta quarta-feira, 26, solicitando a devolução do Projeto de Lei nº 062/2019. O teor do referido projeto havia mobilizado a categoria dos profissionais dos serviços de mototáxis no município, que em grande número, se fizeram presentes na Sessão Ordinária da última segunda-feira para acompanhar a votação; no entanto, o PL não foi a plenário, permanecendo com uma Comissão Especial formada para analisar seu teor.

Em entrevista à Rádio São Luiz, a secretária da Administração, Cátia Py Budel, destacou que o teor do PL visava a alteração de alguns artigos na legislação que trata sobre a prestação dos serviços de mototáxis no município, mas que, ao constatar de que já existia uma forma de regulamentar o serviço na lei em vigor, a Administração Municipal decidiu por solicitar a retirada do PL: “O prefeito decidiu, em um ato discricionário, pedir a devolução do projeto. Da mesma forma, decidimos por convocar uma reunião com os mototaxistas para ouvir a categoria, coletando sugestões e propondo medidas para melhorar a qualidade e segurança dos serviços prestados”.

Segundo a Secretária, o Projeto de Lei previa a suspensão ou a cassação da licença do ponto de mototáxi que não estivesse funcionando de forma regular: “Assim como nas demais categorias, como taxistas, existem regras para a prestação do serviço. No caso dos mototaxistas, a lei impõe uma série de requisitos, como obrigatoriedade do uso de colete com identificação, placa vermelha na motocicleta, dentre outros. Esse PL previa uma alteração na legislação vigente como forma de fazer com que fossem cumpridos os requisitos sob pena de suspensão ou cassação do ponto, mas isso já estava previsto na lei em vigência. Assim, estaremos solicitando o PL de volta do Legislativo e estaremos em breve conversando com a categoria e com a Brigada Militar visando uma melhora no serviço prestado, pois nossa intenção não é prejudicar os profissionais, mas, sim, fazer com que todos cumpram a lei trabalhando de forma regular”, destacou Cátia.

Fonte: Emerson Scheis/Rádio São Luiz

 

Partidos de oposição alinham coligação em Pirapó

Em nota encaminhada pela presidência do partido Progressistas à imprensa, foi divulgada a formação de uma coligação de oposição para a disputa da eleição majoritária em Pirapó no ano que vem, quando ocorrem as eleições municipais.

Após rodadas de reuniões, os partidos de oposição ao atual governo municipal em Pirapó – Progressistas, PT e PDT – alinharam a formação de uma coligação à chapa majoritária. Da mesma forma, os encontros marcaram a vontade de prosseguimento do bloco que se encontra unido no Poder Legislativo desde o início da atual legislatura. Conforme a nota, a partir de agora, as agremiações partidárias começarão a discutir nomes para encabeçar a chapa de Prefeito e Vice-Prefeito para o pleito municipal.

Fonte: Presidência do Progressistas de Pirapó

Deputado Loureiro comenta sobre anúncio de recursos para rodovias estaduais: “Pelo menos foi apresentado um cronograma básico que vai servir para amenizar a situação”

Após o anúncio de R$ 301,4 milhões feito pelo Governo do RS na última segunda-feira para obras em rodovias estaduais, o deputado estadual Eduardo Loureiro (PDT) falou sobre o assunto.

Conforme Loureiro, “eu acompanhei esse anúncio de um tema que tem sido o principal objeto de debate na Assembleia Legislativa por conta de muitas estradas em condições precárias, como a RS-168. Esse anúncio feito pelo governo, que contemplará o trecho entre Bossoroca e Santiago com R$ 3 milhões, evidentemente não é não é suficiente para recuperar todo o trecho, mas provavelmente será utilizado para recuperar partes em situação ruim. Eu sempre disse ao secretário dos Transportes que teria de ser feita uma recuperação como foi feita no trecho da RS-168 entre São Luiz e Bossoroca e entre São Luiz e Roque Gonzales. Vai amenizar, mas não resolver o problema”, salientou o pedetista.

Para o deputado, “o anúncio dá um certo alento para o governo que em cinco meses não tinha anunciado praticamente nada. Eu já tinha realizado uma audiência pública sobre o assunto e até agora não tínhamos nenhuma resposta, mas pelo menos foi anunciado um cronograma básico que vai servir para amenizar a situação das rodovias”, explicou. Segundo Loureiro, “para uma região se desenvolver é fundamental contar com estradas em condições, e percebemos que o governo está acenando com para anunciar uma outra etapa de obras assim que conseguir recursos ou financiamentos para isso”, destacou.

Fonte: Emerson Scheis/Rádio São Luiz

Foto: Divulgação

Vereadora Ana Barros é contra o ponto facultativo nos serviços prioritários, como escolas infantis e postos de saúde

ACESSIBILIDADE – Em entrevista à Rádio São Luiz nesta terça-feira, a vereadora Ana Barros (PT) levantou novamente a questão da acessibilidade no município. Segundo a edil, que realizou um levantamento de idosos, pessoas com mobilidade reduzida e cadeirantes, o número dessa população foi de 3.290 pessoas. Conforme Ana, “a cidade não é acessível para esse público, tirando o direito de ir e vir dessas pessoas que recebem e contribuem para o comércio local”, destacou a vereadora, citando ainda a recente luta contra a Reforma da Previdência, a qual, segundo ela, prevê a redução da aposentadoria em R$ 400,00 para essas pessoas: “Teve um colega que ficou indignado com minha intervenção no protesto de sexta-feira, mas eu penso que não precisa baixar o nível, pois cada um  defende a sua posição”.

Ainda segundo a edil, “eu acredito que a Câmara é pluripartidária e somos representantes do povo, quer queira ou não, e estou tranquila na minha posição na defesa para que as pessoas tenham direito à sua aposentadoria, muito embora tenha colegas que se indignam com isso, que não defendem publicamente sua posição e ficam nos agredindo com palavras. Mas isso não vai diminuir minha vontade de lutar e minha história na defesa dos trabalhadores”, enfatizou.

CONTRA O PONTO FACULTATIVO – Na mesma entrevista, Ana Barros apresentou sua contrariedade ao decreto que estipula o ponto facultativo na sexta-feira, após o feriado de quinta: “Defendo os trabalhadores e uma carga horária justa para eles conviverem com suas famílias. Agora, eu quero os trabalhadores se coloquem no lugar do outro e compreendam a minha posição: nós temos escolinhas que as mães que trabalham deixam seus filhos, e, com o ponto facultativo, as mesmas estarão fechadas, e tão logo se cria um caos social. Eu entrei com uma solicitação para que o prefeito ajuste os horários das escolinhas com o horário do comércio mas com turnos diferenciados para não prejudicar os trabalhadores”. A vereadora citou também a situação dos postos de saúde perante o ponto facultativo, que estarão fechados a partir de quinta e só retornam na segunda-feira, vindo a superlotar o atendimento do hospital. “Ao invés de dar um reforço no atendimento, o prefeito dá um ponto facultativo. A minha defesa é que eles (servidores) recebam a insalubridade e um salário justo, mas que trabalhem nesses dias, pois a população precisa desses serviços prioritários”, salientou Ana.

Fonte: Emerson Scheis/Rádio São Luiz

Prefeito e presidente da Câmara anunciam obras de pavimentação na ordem de R$ 3 milhões em São Luiz Gonzaga

O Prefeito Sidney Brondani e o presidente da Câmara, vereador Piti Werle, participaram do programa Olho Vivo desta terça-feira (18) para realizar um importante anúncio à comunidade: a confirmação de obras de pavimentação de vias urbanas e recuperação do calçamento da cidade; dentre as obras, a tão aguardada pavimentação da Rua Silva Jardim, fazendo a ligação entre o Centro e a Vila Trinta.

Conforme o Chefe do Executivo, “assumimos a prefeitura há dois anos e meio, e, nesse período, passamos por inúmeras dificuldades, mas graças ao esforço da equipe da Administração Municipal conseguimos economizar e destinar recursos para investimentos em infraestrutura. Assim, estamos anunciando que até o final deste mês estará concluído o projeto para a pavimentação asfáltica da Rua Silva Jardim, entre as ruas João Goulart e a Silva Jardim, representando nove quadras pavimentadas e que proporcionará uma ligação direta entre a Vila Trinta e o Centro, tornando a rua como uma rota opcional no tráfego de veículos”, informou Brondani.

Além disso, o prefeito também destacou a pavimentação de duas quadras da Rua Salvador Pinheiro (rua que dá acesso ao quartel), assim como o acesso ao 4° RCB pela Benjamin Constant, e mais duas quadras na Rua Gen. Portinho, entre a AABB e a UBS do Bairro Duque de Caxias (em frente à sede da Associação de Moradores do bairro). “Serão 14 quadras de asfalto, e teremos também mais seis quadras de extensão do concreto na Rua Hipólito Ribeiro, dando acesso à EMEI Cecília Petry”.

RECUPERAÇÃO DE CALÇAMENTOS – O prefeito e o presidente da Câmara também anunciaram a realização de projeto para licitar a recuperação do calçamento de ruas da cidade, em um serviço que compreenderá a retirada das pedras, a colocação do pó-de-brita e a compactação do calçamento. Será uma licitação de R$ 400 mil por registro de preço para o serviço ser feito ao longo do ano. “Salientamos que todas essas obras serão realizadas apenas por recursos próprios, economizados ao longo dos últimos dois anos que proporcionará obras significativas na comunidade”, destacou Brondani.

Para o presidente da Câmara, vereador Piti Werle, “é importante que as prioridades foram elencadas no decorrer desse debate junto com a Câmara, pois já vínhamos analisando o projeto e ainda podemos ser contemplados com o financiamento do Badesul. Mas o anúncio feito hoje tem um caráter inédito, pois são mais de R$ 3 milhões em recursos próprios a serem investidos na cidade”, salientou o Chefe do Legislativo.

Fonte: Emerson Scheis/Rádio São Luiz

Presidente da AMM destaca audiência com o Governador do RS

Em entrevista à Rádio São Luiz, o prefeito de Santo Antônio das Missões e presidente da AMM, Puranci Barcelos, abordou a pauta de reivindicações entregue ao governador Eduardo Leite na última segunda-feira, na capital do Estado.

Conforme Puranci, “a audiência já havia sido solicitada pela diretoria anterior da Associação e, por isso, nada mais justo do que cumprirmos com esse compromisso. Estivemos em 12 prefeitos da AMM levando demandas regionais em busca de uma atenção especial do Governador, dentre elas, pedidos e manifestos de apoio à Ponte Internacional, aos acessos asfálticos e pelas estradas da região”, informou.

De acordo com o presidente da AMM, o governador Leite foi convidado a vir para a região no lançamento do projeto de sinalização turística visando o fortalecimento do Turismo da região missioneira: “Ele acenou positivamente, e será muito bom ele estar presente para conhecer os anseios dos municípios da região”, enfatizou Puranci.

Fonte: Emerson Scheis/Rádio São Luiz

Foto: Associação dos Municípios das Missões – AMM

RS-165: Obras no trecho São Luiz/Rolador deverão reiniciar nos próximos dias

Em entrevista à Rádio São Luiz, o prefeito do Rolador, Paulo Peixoto, comentou sobre resultados de audiência com o governador Eduardo Leite ocorrida nesta semana e a reabertura do escritório da EMATER no município.

EMATER – Conforme o prefeito, “estamos trazendo novamente a EMATER para o Rolador, cujo escritório contará com um agrônomo, um extensionista e um estagiário. A reabertura irá auxiliar em questões de projetos e assistência aos pequenos produtores roladorenses, onde estamos focando bastante para manter o agricultor na sua propriedade. Da mesma forma, estaremos entregando amanhã um novo trator para a comunidade da Figueira, visando fortalecer as nossas patrulhas agrícolas”, informou.

RECUPERAÇÃO DE ESTRADA E REINÍCIO DE OBRAS – Paulo também destacou audiências na capital do Estado, onde esteve acompanhado dos prefeitos da AMM e receberam boas notícias: “Recebemos informações do governador Eduardo Leite e do secretário dos Transportes Juvir Costella de que o trecho da RS-165 entre São Luiz e Rolador terá reinício das obras em breve. Da mesma forma, nos foi informado que o trecho da RS-168, entre Bossoroca e Santiago, será totalmente refeito nos próximos dias, pois há mais de dois anos que encontra-se em condições precárias. E, quanto ao trecho entre Rolador e Cerro Largo, da RS-165, que é outro recurso, a obra irá continuar, e temos a expectativa de que a CONTERRA retorne a trabalhar nesse trecho já na semana que vem”, finalizou o Chefe do Executivo roladorense.

Fonte: Emerson Scheis/Rádio São Luiz

Foto: Arquivo/Rádio São Luiz

Vereador Fraguinha comenta sobre a nova lei que amplia o período de licença maternidade e paternidade no município

Em entrevista ao programa Olho Vivo desta quinta-feira, 13, o vereador Líder do Governo na Câmara, o progressista Paulo César da Trindade Garcia (Fraguinha) falou sobre os trabalhos realizados junto ao Legislativo.

LICENÇA-MATERNIDADE – O edil discorreu sobre seu Projeto de Lei, sancionado nesta semana pelo prefeito, que altera a legislação municipal ampliando os períodos de licença-maternidade e paternidade para os servidores públicos municipais. Segundo o vereador, a partir de agora, o período de licença-maternidade para as mães passa de 120 para 180 dias; para os pais, de 5 para 15 dias. E, da mesma forma, a nova legislação também incentiva a adoção, ampliando o período de licença para os pais adotantes.

OBRAS – Fraguinha também destacou as ações da Administração Municipal, principalmente, no tocante a obras e melhorias nas vias urbanas: “Temos dificuldades, mas a comunidade está vendo que o prefeito busca fazer investimentos. As pessoas esperam por melhorias nas ruas, e recebemos uma boa notícia do prefeito de que já foi autorizada a realização de um projeto para restauração do calçamento na cidade. Da mesma forma, com as novas máquinas da Secretaria de Obras, o trabalho será intensificado na cidade e no interior”, informou o vereador.

Fraguinha também comentou a respeito das críticas, que acabam por motivar as ações do Poder Público: “Recebemos muitas críticas que resultam em obras. Um exemplo é a esquina da Borges de Medeiros com a Miguel Fernandes, em que o trecho era tão danificado que até o caminhão do lixo evitava passar pelo local. A obra foi feita com pavimentação e as pessoas ainda criticam dizendo que só fizeram porque o vereador mora por ali. Isso é natural, pois todos querem ver melhorias nas suas ruas. Mas as coisas vão acontecer, pois tem muito recurso para ser investido em pavimentação, assim como emendas já empenhadas e outros recursos que estamos buscando para melhorias da nossa cidade”, destacou o vereador.

Fonte: Emerson Scheis/Rádio São Luiz

 

Vereador Francisco Lourenço destaca a previsão de retomada das obras do passeio público na Rua Jayme C. Braun

Em entrevista ao programa Olho Vivo desta quarta-feira, 12, o vereador Francisco Lourenço (PDT), destacou a previsão de retomada do serviço de construção do passeio público na Rua Jayme Caetano Braun, Vila Trinta, nas proximidades do trevo de acesso à RS-168.

Conforme o vereador, “a obra havia sido interrompida por conta de um problema no escoamento da água, pois havia uma solicitação de moradores para averiguar a questão de uma nascente próxima. Agora, segundo informação do prefeito, o problema já foi sanado e estamos aguardando o retorno da empresa responsável pela obra, que compreende a construção da calçada da rua com intertravados”, explicou Lourenço, que enfatizou que a contemplação do passeio público na referida rua foi um pleito de anos levantado pelo seu gabinete: “Em 2010 já havíamos deixado um recurso para essa obra, mas o dinheiro teve de ser utilizado para a compra de telhas para mais de 180 casas danificadas por um vendaval. Agora, em 2017, deixamos novamente o valor para a obra e o prefeito deu prosseguimento ao projeto. É uma importante obra, pois o local recebe muitos pedestres em suas caminhadas e dará segurança ao transitar na calçada”, destacou.

PDT – Sobre o seu partido, o PDT, que escolheu recentemente sua nova Executiva, Lourenço enalteceu o presidente eleito Atanásio Santiago, que veio de outro partido, assim como o próprio Lourenço: “Em meu primeiro mandato, me elegi pelo PSB, e depois aderi ao PDT onde estou até hoje. O Atanásio veio do PT e entendeu que poderia desempenhar melhor a sua atuação no PDT. Convidamos ele e enaltecemos algumas qualidades suas, e foram essas qualidades que o levaram a presidir o PDT”, explicou Lourenço, que também fez um agradecimento a todos os ex-presidentes que colaboraram com o fortalecimento do partido: “Hoje temos a maior bancada da Câmara com quatro vereadores e estamos com um olhar muito atento ao próximo pleito eleitoral no município. E esse fortalecimento do PDT se deve ao trabalho de todos que passaram e contribuíram com o partido”, finalizou Lourenço.

Fonte: Emerson Scheis/Rádio São Luiz

Foto: Kelvin Morais/Rádio São Luiz