Destaques Principais

Conheça o “Papo de Responsa”, projeto que visa a interação entre a comunidade escolar e a Polícia Civil


Temas como bullying e drogas são debatidos com os alunos das escolas da região

Em entrevista à Rádio São Luiz, a delegada Tânea Regina Bratz, titular da 27ª Delegacia Regional de Polícia, falou sobre o “Papo de Responsa”, programa desenvolvido pela Polícia Civil de São Luiz Gonzaga que leva às escolas assuntos como bullying, drogas, violência e muita interação entre os policiais e os alunos da região.

“PAPO DE RESPONSA” JÁ INTERAGIU COM MAIS DE MIL ALUNOS DA REGIÃO – Conforme a delegada, o “Papo de Responsa” foi preparado a partir da participação em curso especial, ministrado em Santo Ângelo para policiais civis. Assim, os policiais participantes, juntamente com a autoridade policial, organizaram o “Papo de Responsa”, que teve suas primeiras palestras ministradas em maio deste ano, e que, até agora, já abrangeu 1.170 alunos das escolas de São Luiz Gonzaga, Rolador, Roque Gonzales e São Nicolau.

Temas como bullying e drogas são debatidos com os alunos das escolas da região

Sobre as visitas às escolas, a autoridade policial destaca que “está sendo muito importante para os alunos e também para nós, policiais, pois são momentos engrandecedores para refletirmos, trocar ideias e analisar a situação dos adolescentes, assim como ver o brilho no olhar deles com a esperança de que seus sonhos podem se realizar a partir de suas próprias escolhas e atitudes”, destacou Tânea.

INTERAÇÃO – O “Papo de Responsa” tem o objetivo de interagir diretamente com os alunos. Conforme a delegada, “têm escolas em que conseguimos desenvolver de forma bem descontraída. Sempre saímos com algo novo e com esperança de um futuro melhor de nossos jovens. Além disso, a aproximação nos permite mostrar o papel da Polícia Civil, pois, muitas vezes, as pessoas não têm uma noção clara da nossa atividade”.

A delegada Tânea Bratz

O projeto “Papo de Responsa” foi concebido incialmente para interagir com jovens de turmas a partir do 7º ano. Porém, a equipe concluiu que as palestras poderiam ser realizadas com estudantes a partir do 4º ano, uma vez que as crianças acabam interagindo muito mais com os policiais. Assim, o “Papo de Responsa” adequa os assuntos de acordo com a faixa etária.

CONTATO – Segundo a delegada, “o público-alvo é a escola, mas outros grupos também podem solicitar o ‘Papo de Responsa’, bastando entrar em contato com a Delegacia de Polícia pelo e-mail saoluizgonzaga-drp@pc.rs.gov.br ou pelo telefone 3352-3858. As palestras são ministradas todas as terças, sendo que o roteiro de visitas da equipe já está agendado até o final do mês de outubro, devido ao grande sucesso da iniciativa”, destacou.

Compartilhe: