“Fomos pegos de surpresa e ainda não conseguimos acreditar”, lamentam amigos de Fabiano Lunkes, policial morto durante cerco a criminosos em Campina das Missões

ff7f8da0-3d0d-4f52-91db-212f3feab551

A Rádio São Luiz conversou nesta manhã com amigos do policial militar Fabiano Heck Lunkes, morto durante ação em cerco na madrugada na zona rural de Campina das Missões. Baleado com um tiro no tórax, Fabiano veio a falecer e consternou a comunidade de Cerro Largo (seu município de origem) e cidades vizinhas.

Conforme Henrique Lunkes, “fomos pegos de surpresa. Ele era muito querido na comunidade, éramos vizinhos. Sempre comentávamos que a coragem era uma virtude dele, e essa virtude sempre ficará marcada na família dele”, ressaltou.

Segundo Lucas Welter, “a gente tinha uma amizade de longa a data, éramos como irmãos, e chamávamos um ao outro de ‘guerreiro’. Por coincidência, ontem ele me chamo no WhatsApp dizendo que estava preocupado, pelo fato de eu trabalhar no Banrisul de Campina das Missões e que os bandidos estavam lá, avisando que era para eu tomar cuidado. E eu disse ‘sim, pode deixar’. E foi a última vez que eu falei com ele. Acordei com a notícia que ele tinha falecido, e não conseguimos acreditar ainda”, lamentou Welter.

O velório de Fabiano Lunkes está sendo realizado em Cerro Largo, sua cidade natal.

Fonte: Rádio São Luiz