Presidente da FETAG destaca os objetivos do 9° Grito de Alerta

066228ca-73a8-41aa-9672-26b56a9fa6e8
Compartilhe essa notícia...
Share on Facebook
Facebook
Email this to someone
email
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Diretamente de Santa Crus do Sul, onde ocorre nesta quarta-feira o 9º Grito de Alerta, a Rádio São Luiz entrevistou o presidente da Federação dos Trabalhadores da Agricultura do RS, FETAG/RS, Carlos Joel da Silva.

Segundo o presidente, “o Grito, na verdade, já teve início ontem com diversas atividades: tivemos audiência com o Ministério Público Federal onde pedimos aos procuradores para intervir na questão das aposentadorias e olhar para a questão da dívida, onde o governo gasta 40% de tudo que arrecada no pagamento dessa dívida. E o furo está aí, não na previdência. Por isso é preciso auditar, e pedimos aos procuradores gerais da República, promotores federais que estão em Santa Cruz do Sul. Também estivemos no INSS, nas secretarias estaduais de Educação e Saúde, no Banco do Brasil, na Caixa Econômica Federal, na Receita Federal, no Sindicato da Indústria do Tabaco, e hoje temos uma equipe em Brasília, onde uma comitiva terá reunião com o presidente e com o relator da comissão especial que está tratando da reforma da previdência”.

Conforme Carlos, “concordamos que tem de haver reforma, mas que seja para cortar privilégios de quem ganha mais de R$ 30 mil, R$ 50 mil, R$ 100 mil, e não dos trabalhadores que ganham apenas um salário. Por isso, estamos aqui para alertar a sociedade que precisam olhar pelos trabalhadores rurais. Quem estará produzindo alimentos daqui a 10 anos? Precisamos conscientizar e garantir políticas que façam os jovens permanecer no meio rural. Por isso, a força dos agricultores nessa mobilização tem uma validade enorme, e o povo tem de estar aí, cobrando de seus representantes. O grito é para alertar e fazer a pressão em cima dos nossos políticos”, destacou o presidente da FETAG.

Fonte: Rádio São Luiz

Fotos: Kelvin Morais/Rádio São Luiz

Compartilhe essa notícia...
Share on Facebook
Facebook
Email this to someone
email
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin