Sem dinheiro de emendas, Prefeitura de Mato Queimado faz investimentos com recursos próprios

DSC_0043

Os recursos de emendas parlamentares, tidos como única alternativa de investimento em uma realidade onde o poder público mal consegue pagar sua folha de funcionários, não faz parte da rotina de Mato Queimado. Mesmo assim, o pequeno município missioneiro adentra o ano de 2019 com vários investimentos planejados, com seus próprios recursos.

Em entrevista no programa Expressão Livre desta quarta-feira (30) o prefeito de Mato Queimado, Orlando Thomas, falou sobre os principais investimentos a serem realizados no Município nos primeiros quatro meses do ano. Agricultura, transportes, educação, entre outros setores devem ser beneficiados.

Transporte e agricultura

Priorizando o transporte, Thomas destacou investimentos em calçamento rumo ao interior, acesso à cidade e compra de um caminhão caçamba. Na área da agricultura, diversos programas estão sendo promovidos. Um deles disponibiliza 4mil sacos de adubo para serem distribuídos entre os agricultores. Cada proprietário tem direito a um montante, para fazer seu investimento e depois dar uma espécie de retorno ao poder público. Também há programas de fomento à produção leiteira, com palestras de capacitação destinadas a membros de associação de produtores local.

Educação

Preparando-se para o início do ano letivo, a Prefeitura já toma medidas para se agilizar com o transporte escolar e manejo do quadro de professores. A abertura do ano letivo deverá ser feita em parceria com o o município vizinho Caibaté, evitando gastos maiores. Nas comunidades do interior, a Educação e Lazer também terão acréscimos em investimentos, com uma nova quadra de esportes na comunidade de Rondinha e uma academia ao ar livre para a comunidade de Pontão do Ijuí.

Administração

Uma vez que o trabalho é realizado de forma plena e competente, o Prefeito também não deixou de questionar a respeito da ausência de recursos de emendas para municípios como o dele. Segundo Orlando, isso vem ocorrendo nesses dois últimos anos, mas a administração segue investindo aquilo que arrecada, pois a população mercê ter esse retorno.

Rádio São Luiz

Foto: Prefeitura de Mato Queimado. Crédito: divulgação