Vereador apresenta requerimento para que café e chimarrão da Câmara não sejam mais pagos com dinheiro público

O vereador Vanderlan na primeira sessão de 2019. Foto: Reprodução/Facebook

O vereador Vanderlan Souza dos Santos (PDT), que assumiu os trabalhos no Legislativo no início deste ano no lugar do vereador licenciado Enderson Rocha de Moraes, falou sobre os trabalhos realizados na Câmara e os assuntos elencados na primeira Sessão Ordinária de 2019 ocorrida nesta segunda-feira. Conforme Vanderlan salientou, “ainda não fiz proposições porque entendo que é preciso conversar com o prefeito primeiro. Desta forma, estive conversando com o Sidney Brondani e fiz algumas reivindicações, como o pedido de abertura da Rua Silva Jardim que liga o Bairro Agrícola ao Centro da cidade”, salientou.

O vereador Vanderlan na primeira sessão de 2019. Foto: Reprodução/Facebook

CONCESSÃO DA ÁGUA – O vereador pedetista também falou sobre a situação do abastecimento de água em São Luiz. Conforme Vanderlan, a concessão não está apresentando os resultados que se espera: “A CORSAN, nestes sete anos de contrato assinado, ainda não efetuou a substituição de todos os canos de amianto da rede. Além disso, descobri que existe um plano de saneamento pronto, mas que ainda não se tem um local definido para a construção da estação de tratamento. Aí eu pergunto: ‘Se não se tem um local ainda, como que vai ter um plano?’ Sou a favor da água pública, mas desde que se tenha eficiência no serviço”, destacou.

CAFÉ E CHIMARRÃO DA CÂMARA – Nesta semana, o vereador apresentou um requerimento ao presidente da Câmara solicitando que a Casa não forneça mais o café e o chimarrão pagos com dinheiro público. Segundo Vanderlan, “não concordo com isso. Quando fui secretário municipal e atuei em outros órgãos, sempre pagávamos nosso mate e cafezinho. Entendo que não é papel do agente usar dinheiro público para pagar por essa despesa. Parece que não é nada, mas se verificarmos o valor no final de um ano, ele se torna bem alto. É um assunto da Mesa, mas tenho certeza de que os vereadores vão concordar com isso e o presidente deverá se manifestar num momento oportuno”, explicou.

ATENDIMENTO NO RINCÃO DOS PINTOS – O pedetista ainda destacou que estará apresentando nesta semana proposição sobre o atendimento médico no Rincão dos Pintos. Segundo Vanderlan, “ouvi dizer que há mais de dois anos que a Secretaria de Saúde não atende aquela comunidade, que possui um posto e um gabinete odontológico. Vou checar a situação e, se confirmar isso, vou providenciar a proposição ao prefeito”, finalizou.

Emerson Scheis/Rádio São Luiz