Inaugurada Casa de Acolhimento para mulheres vítimas de violência doméstica em Santo Antônio das Missões

Divulgação/Assessoria de Imprensa

Uma nova era de apoio e solidariedade começou em Santo Antônio das Missões com a emocionante inauguração da Casa de Acolhimento Bem Me Quer para mulheres vítimas de violência doméstica. O projeto, uma iniciativa da Secretaria Municipal de Assistência Social, visa oferecer um refúgio seguro e acolhedor para mulheres que enfrentam situações de violência em seus lares.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Desde 2018, o município buscava a realização deste sonho, para garantir o bem-estar físico e emocional das mulheres e de seus dependentes. De degrau a degrau foi se buscando os parceiros para a concretização que hoje, dia 19 de dezembro, se efetivou devido ao apoio não só da Prefeitura e Câmara Municipal de Vereadores, mas também de outras organizações locais.

A cerimônia de inauguração contou com a presença da prefeita em exercício Glasfira Amarante, membros da Administração Municipal, representantes do Poder Judiciário, vereadores, defensores dos direitos das mulheres e demais apoiadores dessa causa fundamental.

A prefeita em exercício Glasfira Amarante, enfatizou a importância da casa como um símbolo de esperança e proteção. “Esta casa representa nosso compromisso em criar uma rede de apoio forte e capacitada para ajudarmos diminuir esse ciclo de violência contra as mulheres. Aqui, elas encontrarão apoio, recursos e uma equipe de profissionais qualificada”.

Essa iniciativa reforça o compromisso da cidade em combater a violência doméstica, proporcionando um espaço onde a esperança pode florescer e as vítimas podem recomeçar suas vidas com dignidade e segurança.

Suporte

O ambiente é monitorado 24h, sempre que estivermos com uma mulher na casa a equipe do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) dará o suporte. As mulheres não deixarão de trabalhar, serão inseridas aos programas e projetos assistenciais, e farão os afazeres domésticos diários.

Estrutura

Casa de Acolhimento Bem Me Quer contará com um quarto com beliches, uma sala de acolhida, um banheiro, e o espaço do Centro de Múltiplo Uso será compartilhado a cozinha e a lavanderia.

Por Tardelli Portela, Assessor de Imprensa da Prefeitura de S.A Missões