Kelvin de Morais

São-luizense Beto Barreto participa de seleção nacional do Musifama

(Foto: Divulgação)

O são-luizense Beto Barreto, filho da professora Verinha Bervanger e do músico João Máximo, está concorrendo na seleção nacional de novos talentos da música do Musifama. Beto tem mais de 350 composições e canta desde os 6 anos de idade. A participação no reality é para arrecadar fundos para a finalização de seu primeiro CD.

Você pode colaborar votando no artista neste link (AQUI)

Sobre o Musifama

A 1ª Seleção Nacional de Novos Talentos da Música consiste de uma grande seleção nacional de crianças, adolescentes e adultos para integrarem um elenco de artistas a serem lançados no cenário nacional da música. Em três faixas etárias: Crianças (06 a 10 anos), Adolescentes (11 a 17 anos) e Adultos (18 anos de idade em diante). Os participantes terão a chance de mostrar o seu talento para empresários e grandes produtores musicais, de gravar músicas para lançamento de suas carreiras e de assinarem um contrato de um ano com a Talentos Music, empresa especializada na formatação, posicionamento, lançamento e divulgação de novos artistas. Coordenada por Lucimara Parisi uma das maiores, diretoras de produção musical do país, MUSIFAMA foi criado para revelar e impulsionar a carreira de novos talentos em nível nacional.

Fonte: Musifama

Homem mantinha mulher e filhos em cárcere privado no município de Porto Xavier

Criminoso monitorava as vítimas por câmeras. (Fotos: Divulgação/PC)

Polícia Civil prendeu o agressor

A Polícia Civil prendeu, em Porto Xavier, um homem que mantinha a companheira em cárcere privado há pelo menos dois meses. Ele racionava a comida para a companheira e os filhos. Conforme o relato policial, quando saía de casa, monitorava a companheira por meio de câmeras de monitoramento interno. Clonou o WhatsApp da mulher e não deixava sair de casa. Ele também agredia física e verbalmente. A vítima e os filhos confirmaram o cárcere e as agressões. O agressor foi preso e será encaminhado ao Presídio de Santo Cristo.

Fonte: Polícia Civil

Família Ortaça fará live em prol do Hospital São Luiz Gonzaga

(Imagem: Divulgação)

Neste sábado (8/8), a partir das 16 horas, a Família Ortaça vai realizar uma live em prol do Hospital São Luiz Gonzaga. A transmissão ocorrerá pelas páginas de Gabriel Ortaça no Facebook (aqui) e YouTube (aqui).

Conforme a administração do hospital, as doações poderão ser realizadas durante a transmissão. Os dados bancários da casa de saúde estarão disponíveis na tela.

A inciativa faz parte do Festival Gaúcho Coração, do deputado federal Jerônimo Goergen.

Fonte: Hospital São Luiz Gonzaga

2º Pelotão de Bombeiro Militar divulga as ocorrências atendidas na semana

(Imagem: Divulgação)

Ocorrências até 07 de agosto de 2020

Dia 31/07/2020.

Salvamento de animal – Felino em telhado. A guarnição de serviço deslocou até a rua Julio de Castilhos, na COHAB, para efetuar salvamento de um gato que estava no telhado de uma empresa de retífica de motores.

Princípio de incêndio – rede elétrica. A guarnição deslocou até a Rua General Câmara, no centro de São Luiz Gonzaga, para prestar atendimento em ocorrência de curto-circuito devido a um fio rompido na rede elétrica. Após a extinção das chamas e isolamento do local, foi orientado ao responsável pela edificação a efetuar contato com a concessionária de energia para realizar o reparo no cabo elétrico danificado.

Dia 02/08/2020.

Acidente de trânsito – Colisão veicular. A guarnição de serviço deslocou até a ERS 168, altura aproximada do km 85, proximidades do trevo da saída da Vila Trinta, em São Luiz Gonzaga, para prestar atendimento pré-hospitalar a duas vítimas de acidente de trânsito envolvendo colisão veicular lateral. O condutor e a passageira de um dos veículos resultaram com diversas escoriações de natureza leve pelo corpo, além de fortes dores em diversas partes do corpo, sendo então atendidos e conduzidos ao Hospital de São Luiz Gonzaga onde ficaram aos cuidados da equipe plantonista.

Mal súbito. A guarnição deslocou até a Rua Rui Ramos, centro de São Luiz Gonzaga, para atender um senhor de 69 anos. Chegando ao local, a guarnição deparou-se com a vítima caída na sala do apartamento, não apresentando respiração cardiopulmonar, batimentos cardíacos e temperatura corpórea, indicativos de possível óbito.

Acidente de trânsito – Capotamento.  A guarnição deslocou até a ERS 165, sentido Rolador, para atender acidente de veículo (capotamento), sendo que uma passageira de 20 anos foi atendida e conduzida ao Hospital São Luiz Gonzaga. Também se fez presente no local a equipe da SAMU que prestou atendimento aos demais ocupantes do veículo.

Acidente de trânsito – Queda de motocicleta. A guarnição deslocou até a antiga estrada de São Nicolau, nas proximidades da entrada de acesso ao Aeroporto Municipal, para prestar atendimento pré-hospitalar a um senhor de 54 anos de idade, que sofreu uma queda de sua motocicleta e encontrava-se consciente, sendo então imobilizado e conduzido ao Hospital São Luiz Gonzaga.

Dia 03/08/2020.

Salvamento de pessoa – Mal súbito. A guarnição deslocou até a Rua Padre Miguel Fernandes, centro de São Luiz Gonzaga, para prestar atendimento a uma senhora de 71 anos que sofrera um mal súbito decorrente de outras complicações de saúde. Após realizar o primeiro atendimento, a vítima foi conduzida ao Hospital São Luiz Gonzaga para atendimento médico.

Acidente de trânsito – Queda de motocicleta. A guarnição de serviço deslocou para a ERS 168, localidade de Dona Otília, interior do município de Roque Gonzales, atendendo chamado de acidente envolvendo queda de motocicleta. Quando a guarnição encontrava-se em deslocamento, fora repassado que uma guarnição da Brigada Militar de Roque Gonzales estava encaminhando a vítima, uma vez que apresentava lesões sem gravidades.

Dia 04/08/2020.

Salvamento de pessoa – Acidente doméstico. A guarnição deslocou até a Rua Salvador Pinheiro Machado, Vila Trevo, em São Luiz Gonzaga para prestar socorro a uma criança de 3 anos de idade que havia colocado a perna em uma centrífuga de roupas, onde ficou presa na máquina. Para efetuar a retirada do membro inferior da vítima foi utilizada ferramenta de corte, não sendo constatada nenhuma lesão.

Salvamento de pessoa – Mal súbito. A guarnição deslocou até a Rua General Câmara, centro de São Luiz Gonzaga, para efetuar atendimento a vítima de um mal súbito envolvendo tontura e forte dor de cabeça. De pronto a vítima foi conduzida ao Hospital São Luiz Gonzaga para atendimento médico especializado.

Dia 05/08/2020.

Salvamento de pessoa – Acidente veicular. A guarnição deslocou até a localidade de Rincão de São Pedro, interior do município de São Luiz Gonzaga, para efetuar o salvamento de vítima de 25 anos de idade que se encontrava presa nas ferragens do caminhão que conduzia e acabou tombando em uma curva. No resgate foram utilizados os equipamentos serra sabre e aparelho desencarcerador para efetuar a retirada da vítima que estava presa nas ferragens. A vítima sofreu um ferimento corte contuso na testa, e foi retirada sem apresentar mais lesões aparentes, sendo entregue aos cuidados da equipe da SAMU de São Luiz Gonzaga. Também se fez presente na ocorrência uma guarnição da Brigada Militar.

Salvamento de pessoa – Acidente veicular. Foi realizado atendimento pré-hospitalar de jovem de 22 anos vítima de acidente com motocicleta o qual, quando do atendimento, encontrava-se deitado em decúbito dorsal, apresentando escoriações na perna esquerda.

Salvamento de pessoa – Acidente veicular. Foi realizado atendimento pré-hospitalar a um senhor de 43 anos vítima de acidente veicular ocorrido na esquina da Avenida Senador Pinheiro Machado com a Rua Salvador Pinheiro Machado, centro de São Luiz Gonzaga.

Dia 06/08/2020.

Salvamento de pessoa – Acidente veicular. A guarnição de serviço deslocou até a Avenida Senador Pinheiro Machado, no centro de São Luiz Gonzaga, para prestar atendimento em ocorrência envolvendo atropelamento de pessoa. O acidente de trânsito ocorreu quando a vítima de 27 anos estava efetuando a travessia da via pública resultando em escoriações de natureza leve no crânio, face, membros superiores e inferiores, além de dores pelo corpo devido a força e o impacto contra o veículo, bem como a queda sofrida pós atropelamento. Após receber os primeiros atendimentos, a vítima foi conduzida ao Hospital de São Luiz Gonzaga.

Salvamento de pessoa – Mal súbito. A guarnição deslocou até a Rua Venâncio Aires, centro de São Luiz Gonzaga, para prestar socorro a uma senhora de 64 anos de idade que sofreu mal súbito em uma parada de ônibus. Após ser atendida e colocada em maca retrátil foi conduzida ao HSLG para atendimento médico.

Dia 07/08/2020.

Salvamento de pessoa – Acidente veicular. A guarnição de serviço deslocou até a Rua Venâncio Aires, centro de São Luiz Gonzaga, para atender homem de 30 anos de idade condutor que perdeu o controle do veículo e veio a atingir uma árvore. No local fora realizado o primeiro atendimento e posteriormente conduzido ao Hospital São Luiz Gonzaga.

Fonte: Assessoria de Comunicação do 2º Pelotão de Bombeiro Militar   

Coopatrigo recebe visita de membros da Polícia Civil

Sadi Scaramussa, Paulo Durão, Ivo Batista, Afonso Strangherlin, Heleno dos Santos e Luiz Flávio Oliveira. (Foto: Divulgação/Coopatrigo)

Foi apresentado à Coopatrigo o projeto da Polícia Civil que visa a adesão de empresas locais no Fundo Comunitário Pro-Segurança, alocando recursos que possibilitem a aquisição de uma viatura nova e equipada para a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (DRACO)

O delegado da Delegacia Regional de Polícia, Afonso Strangherlin, juntamente como o delegado Heleno dos Santos, da DRACO, o inspetor chefe da investigação da DRACO, Edison Lisboa e o escrivão Paulo Rogério Ribeiro Durão realizaram uma visita ao presidente da Coopatrigo, Ivo Batista, na semana que passou.

No encontro, que teve também a participação do vice-presidente Luiz Flávio Oliveira e o gerente administrativo Sadi Scaramussa, foi apresentado à Coopatrigo o projeto da Polícia Civil que visa a adesão de empresas locais no Fundo Comunitário Pro-Segurança, alocando recursos que possibilitem a aquisição de uma viatura nova e equipada para a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (DRACO).

Através deste Fundo, o Estado do Rio Grande do Sul está permitindo que as empresas – ao aderirem – possam destinar parte do ICMS que pagam ao estado, diretamente para a área de Segurança Pública permitindo a aquisição de viaturas e equipamentos que facilitem o trabalho nas áreas de prevenção à violência, investigação, inteligência e preservação da ordem pública.

O presidente da Coopatrigo disse que a cooperativa sempre apoia as iniciativas dos Órgãos de Segurança Pública e certamente estará também participando deste projeto e determinou que o setor contábil faça os estudos necessários que permitam a participação da Coopatrigo.

Na mesma oportunidade, os membros da DRACO atualizaram o presidente Ivo Batista sobre o trabalho que resultou no desmantelamento de uma quadrilha que atuava no roubo de cargas em todo o Rio Grande do Sul, a qual tinha a sua base de operações em Cruz Alta. Inclusive esta quadrilha efetuou o desvio de uma carga de arroz e duas de soja que tinham origem a Coopatrigo, mas já não eram mais produtos de responsabilidade da cooperativa, pois haviam sido manifestados para as transportadoras, fatos estes ocorridos em 2016 e 2018.

O presidente Ivo Batista parabenizou o delegado Heleno dos Santos e toda a sua equipe pelo excelente trabalho. “Ações como esta inibem a atuação das quadrilhas e isto dá mais tranquilidade para todos, felizmente neste caso a Coopatrigo não havia tido nenhum prejuízo, pois todos os nossos carregamentos de grãos ocorrem com o manifesto de transportadoras idôneas e que possuem seguro”, afirmou Ivo Batista dizendo que na época a Coopatrigo contribuiu com todas as informações para tentar localizar os autores destes furtos.

Por Roberto Marques – Assessor de Comunicação Coopatrigo

Uergs divulga resultados da pesquisa sobre comportamento social e alimentar da população são-luizense durante a Pandemia Global da Covid-19

This gallery contains 1 photo.

(Foto: Divulgação)

Foram percebidos alguns pontos negativos e que podem comprometer a saúde dos indivíduos, como: a baixa adesão da população entrevistada quanto a higienização de embalagens e alimentos adquiridos

A Uergs, unidade em São Luiz Gonzaga, vem a público divulgar os resultados da pesquisa “Comportamento em tempos de Pandemia Global: Covid-19 e os impactos na vida social e alimentar da população”, a qual foi realizada com 196 pessoas residentes no município de São Luiz Gonzaga, no período de oito de junho a trinta de junho de 2020 por meio de formulário online.

Dentre os resultados obtidos, as pesquisadoras, professora Fernanda Leal Leães e Flávia Dornelles Gomes consideram que, de maneira geral, a população são-luizense está seguindo, minimamente, as recomendações oficiais a respeito dos cuidados a serem tomados com relação ao contato social e segurança dos alimentos durante o período de pandemia.

Destacam como positivo o grande número de pessoas que declararam estar em isolamento social, saindo de casa apenas para trabalhar e/ou quando necessário; a adoção de hábitos de higiene como a higienização das mãos e a utilização de álcool gel 70% ao retornarem para casa e, principalmente,  antes de consumir alimentos; a tentativa de reservar apenas uma pessoa da família para realizar as compras e a periodicidade maior na realização destas, com o objetivo de diminuir as aglomeração nos estabelecimentos comerciais, dentre outros.

No entanto, também foram percebidos alguns pontos negativos e que podem comprometer a saúde dos indivíduos, como: a baixa adesão da população entrevistada quanto a higienização de embalagens e alimentos adquiridos aliada a inobservância das recomendações de uso e diluição dos produtos utilizados na higienização de embalagens, alimentos e superfícies; a falta de preocupação e atenção com os cuidados tomados pelos entregadores durante o serviço de tele entrega de produtos/alimentos, etc.

A tomada de todos os cuidados de higiene e limpeza é essencial, não apenas no que se refere a higiene pessoal, mas também e principalmente dos alimentos consumidos e das embalagens e superfícies que entraram em contato com esses alimentos/produtos. As pesquisadoras ressaltam que, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o vírus é sensível às temperaturas utilizadas para cozimento dos alimentos (em torno de 70ºC), no entanto, devemos ter todo o cuidado com o transporte e as embalagens destes alimentos, uma vez que o vírus pode persistir por horas ou vários dias, dependendo do tipo de superfície, temperatura e umidade do ambiente. Entretanto, são eliminados pela higienização ou desinfecção das superfícies pela ação de detergentes, sabões e desinfetantes, bem como pela lavagem das mãos.

Todos esses cuidados são de extrema importância, visto que, conforme a pesquisa apontou, a composição do núcleo familiar dos respondentes, em 46% das residências existem membros familiares que apresentam doenças crônicas, e em 22% pessoas acima de 60 anos de idade, os quais pertencem ao grupo de risco.

As pesquisadoras ponderaram que os pontos negativos levantados pela pesquisa serão trabalhados em futuras ações de extensão a serem desenvolvidas pela Uergs e que a integra dos resultados pode ser acessada através das redes sociais da Unidade da Uergs em São Luiz Gonzaga, via Facebook e Instagram, e que está sendo preparado relatório final com a análise mais detalhada dos resultados obtidos.

Quaisquer dúvidas ou informações adicionais podem ser obtidas através dos e-mails das pesquisadoras, professoras Fernanda Leal Leães: [email protected], e Flávia Dornelles Gomes: [email protected].

Fonte: Assessoria de Comunicação

Lideranças locais vão a Brasília reivindicar recursos e retomada do turismo na Região das Missões

(Foto: Divulgação)

Comitiva foi liderada pelo prefeito de Entre-Ijuís, Brasil Antônio Sartori

Na quarta-feira (5/8), uma comitiva Missioneira liderada pelo ex-presidente da Associação dos Municípios das Missões e prefeito de Entre-Ijuís, Brasil Antônio Sartori, e com a participação do deputado federal Ubiratan Sanderson, do coordenador do Grande Projeto Missões, Álvaro Theisen, do presidente da Organização Brasileira das Cidades Patrimônio Mundial e ex-prefeito de São Miguel das Missões, Mário Ribas do Nascimento, da assessora parlamentar do deputado Osmar Terra, Nara Damião, e do assessor parlamentar do senador Luis Carlos Heinze, Renato Gemelli Bonadiman, realizou importante reunião no Ministério do Turismo, com o ministro Marcelo Álvaro Antônio e a presidente do IPHAN Larissa Peixoto.

Os assuntos pautados no encontro foram a inclusão do asfaltamento dos acessos aos sítios arqueológicos de São João Batista e São Lourenço das Missões no orçamento do Ministério do Turismo para o exercício de 2021 (São dois trechos de 6,5 km cada com recursos totais estimado de R$ 20 milhões e os dois sítios integram o Parque Histórico Nacional das Missões). Auxilio do Ministério do Turismo no desenvolvimento e Institucionalização do Plano Regional de Turismo para as Missões no âmbito do Ministério. Retomada das negociações com o BID referente ao Programa Global de Crédito para a Integração dos Países da Bacia do Prata (RG-L1115) – Cooperação Técnica: “Corredores de Fronteira de Integração Turística – Ruta Internacional Jesuítica”. Apoio a nova administração do IPHAN, Prioridades da Região: Abertura do Sítio Histórico São Miguel Arcanjo para visitação, retomada do Conselho Gestor do Parque Histórico Nacional das Missões que permitirá maior participação da comunidade missioneira nas decisões, definição de Plano de Ação para os próximos 5 anos, requalificação dos sítios arqueológicos integrantes do PHNM e continuidade dos trabalhos do PAC das Cidades Históricas.

No Ministério do Turismo, inicialmente foi apresentado o valor necessário para os dois projetos de acessos asfálticos aos Sítios Históricos de São João Batista (na área dos municípios de Entre-Ijuís e Vitória das Missões) e São Lourenço (área do município de São Luiz Gonzaga), a fim de que seja disponibilizado valores através de dotação orçamentária deste ministério, após a apresentação dos projetos, imediatamente o Ministro Marcelo Álvaro determinou que sua assessoria abra imediatamente na Plataforma Mais Brasil, um link para cadastramento de projetos, possibilitando assim que os municípios de Entre-Ijuís, Vitória das Missões e São Luiz Gonzaga cadastrem o pedido dos valores, observando os trechos dos acessos que compreende a área de cada um dos entes federativos, com curto prazo de cadastramento, já que trata-se de uma exceção.

“Estamos bem satisfeitos com o resultado desta audiência, retornando ao nosso município, estaremos em contato com os colegas prefeitos de Vitória das Missões, Aldi Minetto e de São Luiz Gonzaga Sidney Brondani e suas equipes técnicas, para que façamos estes encaminhamentos imediatamente”, reiterou o Prefeito Sartori.

A próxima etapa será através de audiência do Ministro do Turismo, com a Secretaria Geral do Governo, acompanhado dos deputados Ubiratan Sanderson, Osmar Terra e o senador Luis Carlos Heinze e os prefeitos dos municípios de Entre-Ijuís, Vitória das Missões e São Luiz Gonzaga, tratando que seja disponibilizado o recurso financeiro para empenho dos valores dos projetos, então já cadastrados, ainda este ano.

Para Mário Nascimento, presidente da OCBPM, “essas audiências em Brasília marcam um avanço importante para liberação destes recursos que são importantíssimos para a região, já que o ministro Marcelo Álvaro Antônio nos deu um caminho para a viabilização destes projetos que a região está buscando, ele nos mostrou a estratégia para alcançarmos nosso objetivo, agora estamos com um direcionamento, tanto para o projeto dos acessos asfálticos, programa do BID e aproximação com o IPHAN”.

O senador Luis Carlos Heinze e o deputado federal Osmar Terra entraram na reunião via chamada de vídeo e firmaram seu apoio aos pleitos da região das Missões.

Nara Damião, assessora parlamentar de Osmar Terra, que acompanhou a comitiva missioneira, retorna desta viagem muito otimista “achei muito boa as audiências, o resultado será importante para o desenvolvimento turístico da região, demonstra que cada vez mais precisamos trabalhar e crescer como região, integrando ideias e projetos que promovam o desenvolvimento dos 26 municípios, a nossa região tem uma história que encanta, é um produto turístico que precisamos mostrar para o mundo, e é trabalhando coletivamente que isto se fortalecerá em todos os municípios”. 

No IPHAN, a reunião iniciou com a solicitação para abertura do Sítio Histórico de São Miguel para visitação, e conforme a presidente do instituto, Larissa Peixoto, que concordou com o pedido, a reabertura está sendo tratada mediante a elaboração de um protocolo que será apresentado no próximo dia 15 e a partir de acordo com o prefeito de São Miguel das Missões, o parque deverá estar aberto para receber turistas na segunda quinzena de agosto, após publicação dos protocolos no diário oficial.

“Como depoimento posso dizer que estamos vivendo um momento histórico com o apoio unânime das lideranças regionais e que esta sinergia aliada com um planejamento consistente e muito trabalho de todos, teremos condições de conquistar os pleitos tão desejados pela comunidade missioneira”, afirmou Álvaro Theisen

Fonte: Assessoria de Imprensa da AMM

Jovem caibateense morre em acidente de trânsito na ERS 536

(Foto: Divulgação)

Trecho fica a 3 km da entrada da cidade

Um acidente de trânsito no início da noite desta sexta-feira (7/8) vitimou o jovem Gabriel Correia de Castro. Ele conduzia sua motocicleta, uma Yamaha 300, pela ERS 536, que dá acesso ao município de Caibaté, quando saiu da pista na altura do Km 3.

Conforme a Brigada Militar, que atendeu a ocorrência, ele chegou ser socorrido pela equipe da Samu, mas morreu ao chegar no hospital. As causas do acidente não foram divulgadas.

Fonte: Rádio São Luiz

Agentes fiscais sanitaristas falam sobre a rotina de trabalho durante a pandemia

Ações de combate ao COVID-19 foram somadas a rotina dos agentes

Com o apoio da Brigada Militar, servidores também atuam na prevenção da COVID-19 

O ano de 2020 tem sido desafiador. A pandemia de COVID-19 transformou a realidade da população e tem exigido cuidados de todos. Em meio à luta contra o novo coronavírus, a atuação dos agentes fiscais sanitaristas do município se tornou ainda mais essencial e também pauta frequente de debates.   

As ações de combate ao COVID-19 foram somadas a rotina dos agentes, os quais seguem desenvolvendo atividades que são atribuições do cargo e não podem parar. Agente fiscal sanitarista da Prefeitura de São Luiz Gonzaga desde 2002, Marcelo Coimbra, comenta a rotina de trabalho nos tempos de pandemia. “Somos conscientes da gravidade da situação e das consequências, por isso estamos nos doando. Estamos trabalhando praticamente sete dias por semana, verificando as denúncias sempre que possível, cumprindo muito mais que às 8 horas diárias e participando de operações de fiscalização junto com a Brigada Militar, realizadas aos finais de semana”.  

Para o desenvolvimento das funções, os fiscais sanitaristas devem ser servidores estatutários. A designação de servidores municipais que ocupam outros cargos para atuar como fiscais também é inviável.  

FISCALIZAÇÃO  

Quando verificadas as infrações, a Vigilância Sanitária (VISA) emite uma advertência. Para infrações reincidentes e graves, são aplicadas multas; nova reincidência, multa em dobro; além de possível interdição do local e comunicação ao Ministério Público. Os autos de infração lavrados respeitam prazos administrativos para serem aplicados, como período para a apresentação de recursos, por exemplo.  

A divulgação de informações sobre a COVID-19 na imprensa tem sido aliada no trabalho desenvolvido pela fiscalização. Os agentes também realizaram um trabalho de orientação junto aos estabelecimentos e locais, com a entrega de ofícios com os protocolos sanitários. “Quando se trata de uma infração pequena, ainda realizamos a orientação. Entendemos que as alterações nos decretos e protocolos podem acabar confundindo. Nosso desejo não é autuar, mas tem coisas que são amplamente divulgadas e não podemos relevar,” afirma Marcelo.               

A fiscal sanitarista Juliana Borba – que atua na função desde 2016 – ressalta a importância da participação da Brigada Militar junto com a fiscalização. “Sem o apoio policial, a fiscalização em algumas situações seria muito mais difícil. É normal os ânimos se exaltarem no início, mas tudo tem se resolvido com o diálogo. Tivemos uma interdição há alguns dias e mesmo sendo um fechamento de local, foi um processo tranquilo”.  

INFRAÇÕES FREQUENTES  

Segundo os fiscais, as infrações mais frequentes as normas estabelecidas para a prevenção da COVID-19 são as aglomerações; o descumprimento do horário limite para o atendimento de clientes no local (até às 22 horas) e a atividade de bar (o funcionamento de locais que vendem apenas bebidas está proibido). “Muitos locais que foram autuados devido aglomerações, com mesas próximas e cheias de clientes, não repetiram mais as infrações. Isso é algo muito positivo, mostra que as pessoas estão se esforçando, fazendo a sua parte”, informa Marcelo.   

O indicado é que as mesas estejam a pelo menos dois metros de distância umas das outras. Já as cadeiras devem ficar no mínimo a um metro uma da outra. Com a finalidade de prevenção, o indicado é que as mesas sejam ocupadas por pessoas coabitantes, como pais e filhos, casais. Mesas grandes – com oito, seis pessoas – também são definidas como aglomerações.  

UNIÃO  

O não cumprimento dos protocolos, mesmo que por uma minoria, acaba dificultando para todos e obriga o Poder Público a estabelecer medidas mais severas. O departamento lembra que a atual situação é passageira e que se a comunidade se unir, a situação poderá ser controlada. A saúde de cada um depende do compromisso de todos. Como fiscais ou cidadãos, cada um precisa fazer a sua parte.  

O prefeito de São Luiz Gonzaga, Sidney Brondani e a secretária de Saúde, Clari Ramborger, agradecem e parabenizam os fiscais sanitaristas do município pela atuação, os quais além de eficientes têm trabalhado de forma incansável em prol da saúde da população. A Administração Municipal também agradece o apoio da Brigada Militar, a qual também é parceria do município na luta contra o vírus.  

Por Larissa Dorneles / AI da Prefeitura de São Luiz Gonzaga  

São-luizense João Inácio Bieger morre em Santo Ângelo

(Foto: arquivo pessoal/divulgação)

O são-luizense João Inácio Bieger morreu nesta quinta-feira (6/8). Importante liderança na comunidade regional, Bieger era fortemente envolvido com a Trilha dos Santos Mártires. Atualmente ele era vice-presidente da entidade.

Conforme comunicado de um dos filhos, ele estava hospitalizado em Santo Ângelo e lutava contra o coronavírus. O filho também informou que não ocorrerá velório e que Bieger será sepultado no cemitério Pinheiro Machado, em São Paulo das Missões.

Os atos serão acompanhados apenas por familiares.

Fonte: Rádio São Luiz