Saúde

Hospital São Luiz Gonzaga ainda precisa de cinco doadores de sangue

(Divulgação)

Voluntários devem fazer agendamento pelo (55) 3352-4000; coleta ocorre nesta sexta-feira

O Hospital São Luiz Gonzaga atingiu a meta de agendar 50 doadores de sangue para a coleta desta sexta-feira, 23. Contudo, conforme a bioquímica Ângela Lunkes, uma das responsáveis pela organização, a casa de saúde precisa de mais cinco doadores por medida de segurança.

O objetivo é se antecipar caso um dos voluntários não passe na triagem.

Por causa da pandemia, os estoques dos hemocentros estão baixos. Voluntários que tiveram covid-19 precisam aguardar um mês após a alta médica para doar; vacinados contra a covid-19 devem aguardar uma semana. Os detalhes sobre a coleta podem ser obtidos pelo contato (55) 3352-4000.

Fonte: Rádio São Luiz

“Enquanto região e estado apresentam queda no número de contágio, Porto Xavier vive um dos piores momentos da pandemia”, diz médico

(Reprodução/Prefeitura de Porto Xavier)

Médico Cassius Schetko publicou vídeo alertando para gravidade da situação

A evolução do coronavírus preocupa as autoridades políticas e médicas de Porto Xavier. Na contramão do que vive o restante do estado, o município da fronteira vê a covid-19 avançar com força.

A prefeitura, que vem intensificando campanhas de conscientização nas redes sociais, afirma que “o momento é dramático”. Um vídeo publicado nos canais oficiais do município traz o alerta do médico Cassius Schetko, responsável pelo atendimento de pacientes com suspeita de estarem com o vírus na unidade de referência, afirmando que o número de contágios aumentou muito nos últimos dias.

O profissional da saúde alerta que as causas desse avanço podem estar relacionadas com festas que estariam ocorrendo com frequência nos finais de semana. “Estamos sabendo de muitas aglomerações […] É um número incrível de pessoas nos procurando diariamente com covid e com familiares com covid. O hospital está quase na superlotação e pessoas estão morrendo”, alertou.

Conforme o boletim mais recente, o município registra 25 óbitos; destes, 12 foram registrados nos últimos 53 dias. Além de 9 hospitalizados no município, Porto Xavier tem ainda outros seis pacientes em leitos de UTI da região. Os dados são de terça-feira.

“Parar isso é responsabilidade de cada um. Por isso, a Administração Pública Municipal e a Secretaria de Saúde reforçam a campanha de conscientização para que todos os munícipes sigam as medidas de isolamento e os protocolos sanitários necessários. COVID Mata, COVID faz sofrer, cabe a cada um de nós adotar as medidas necessárias”, diz nota divulgada pela prefeitura.

Fonte: Rádio São Luiz

Atendimento no Centro de Saúde ocorre em dois turnos nesta quinta-feira

(Divulgação)

Horário diferenciado prioriza a aplicação da 2ª dose da vacina contra a COVID-19 e a imunização contra a influenza 

Nesta quinta-feira (22), o Centro de Saúde Lourivaldino Furtado (ao lado da Escolar Senador Pinheiro Machado) realizará atendimento em dois turnos, das 7 horas ao meio-dia e das 13 horas até às 16 horas. Além dos atendimentos de rotina, a unidade de saúde irá priorizar a aplicação da 2ª dose da vacina contra a COVID-19 e a 1ª etapa da imunização contra a influenza para crianças (de seis meses a menos de seis anos), gestantes, puérperas e trabalhadores da saúde.

Nesta semana, com as doses ainda disponíveis para a 1ª aplicação, o município ampliou a faixa etária de vacinação contra a COVID-19 para 61 anos. A Secretaria de Saúde solicita as pessoas que entrem em contato com as ESFs e o Centro de Saúde para mais informações sobre a disponibilidade das doses. Com o recebimento de mais remessas da vacina, a imunização seguirá em todas as unidades de saúde. Confira os números para contato:

– Duque de Caxias: 3352-9081;

– Bairro Trinta: 3352-9082;

– Bairro Floresta: 3352-9083;

– Bairro Paz: 3352-9084;

– Bairro Presidente Vargas: 3352-9085;

– Bairro Mário: 3352-9086;

– Dr. Chico: 3352-9087;

– Ramona Gonçalves Ferreira: 3352-9088;

– Centro de Saúde: 3352-9080;

– Bairro Agrícola: 3352-9021.

Para a imunização contra a COVID-19 (tanto na 1ª como na 2ª dose), é necessário apresentar um documento de identificação, cartão SUS e caderneta de vacinação. Os pacientes oncológicos, transplantados e imunossuprimidos só poderão realizar a vacina mediante apresentação de atestado médico. Os idosos que já receberam a 1ª dose também devem apresentar o comprovante da vacinação. A 2ª dose da vacina deverá ser realizada, preferencialmente, na mesma unidade de saúde em que foi aplicada a 1ª dose.

Fonte: AI da Prefeitura de São Luiz Gonzaga com informações da SEMSA 

São Luiz Gonzaga registra mais um óbito em decorrência da covid-19

Paciente de 42 anos estava internado em leito de UTI no Hospital Santo Ângelo  

Nesta quarta-feira, 21, o município registrou 56ª morte em decorrência da covid-19 desde o início da pandemia. O paciente – de 42 anos – deu entrada no Hospital São Luiz Gonzaga (HSLG) em 4 de abril. Ele foi transferido para leito de UTI no Hospital Santo Ângelo no dia 9 de abril, falecendo na manhã de quarta-feira. O paciente possuía comorbidades.     

A Secretaria de Saúde reforça o pedido para que as pessoas fiquem em casa, saindo o mínimo possível; usem máscaras de proteção facial ao circularem pelas ruas e estabelecimentos; evitem aglomerações (incluindo eventos familiares); realizem a higienização das mãos com água e sabão ou álcool em gel; entre outras ações a fim de evitar a disseminação do vírus. 

Fonte: AI da Prefeitura de São Luiz Gonzaga com informações da SEMSA 

Projeto de Lei do vereador João Iuri prevê “ampliação na transparência da vacinação” em São Luiz Gonzaga

João Iuri (Foto: Emerson Scheis/Assessor de Comunicação da Câmara de Vereadores)

Parlamentar sugere que Secretaria Municipal de Saúde divulgue boletim semanal com dados da vacinação contra a covid-19 no município

Foi aprovado na Câmara de Vereadores de São Luiz Gonzaga o Projeto de Lei do vereador João Iuri (PSD), cujo texto prevê a “ampliação na transparência da vacinação” no município. Segundo o parlamentar, a ideia é que a secretaria, por meio das redes sociais, tal como faz com o boletim de internações e diagnósticos de novos casos, elabore um boletim semanal com os dados da vacinação.

A sugestão é que conste a totalidade de doses aplicadas, tanto a 1ª como a 2ª dose; quantos imunizantes o município recebeu; percentual da população já vacinada na primeira e segunda dose, com disponibilização de gráficos evolutivos, em função da população e tendência.

João Iuri justifica que o objetivo é ampliar a transparência, “um dos lemas de sua campanha”, e oportunizar que a população possa ter uma previsão de quando será imunizada diante das tendências. “Assim como já faz o Ministério da Saúde e o Governo do Estado, queremos que a Secretaria de Saúde faça em nível municipal”, disse.

Projeto de Lei sobre atividade física assistida por profissional de Educação Física

O vereador comentou, também, o parecer contrário da assessoria jurídica do município ao seu Projeto de Lei, o qual incluía a atividade física assistida por profissional de Educação Física como serviço essencial. Ele contestou alegando que existem aprovações em outros 30 municípios e que o PL encontra respaldo em decisões do próprio governo do estado.

O parecer contrário de Junaro Rambo Figueiredo, que é o assessor jurídico do município, surpreendeu o vereador, que reclamou na tribuna na sessão de segunda-feira. A situação gerou desconforto entre João Iuri e o vereador Fraguinha (PP), que defendeu a posição do ex-prefeito e atual assessor, mas a situação “foi superada”, garante João.

Segundo o parlamentar, o seu projeto deve voltar para a Casa e o veto deve ser derrubado. Ele precisa de nove votos e está confiante, pois tem parecer jurídico favorável da assessoria da Câmara.

Fonte: Rádio São Luiz

Pirapó registrou mais duas mortes em decorrência da covid-19 nesta segunda-feira

(Divulgação)

Conforme o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde de Pirapó no fim da tarde desta segunda-feira, 19, o município registrou mais dois óbitos em decorrência da covid-19. Uma das vítimas é uma senhora de 64 anos que estava hospitalizada na UTI de Cruz Alta; o outro é um senhor de 88 anos, que estava internado em São Luiz Gonzaga.

Com os registros, Pirapó viu o número de óbitos em decorrência da covid-19 subir para 12. São 194 casos confirmados desde o início da pandemia, com 153 recuperados; 19 são casos ativos.

Durante a tarde, boletim epidemiológico do Hospital São Luiz Gonzaga informava que dos 22 internados, 11 eram de Pirapó. Como relatado anteriormente, um deles faleceu.

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde de Pirapó

Covid-19: São Luiz Gonzaga amplia faixa etária e inicia a imunização de pessoas com 61 anos nesta terça-feira

(Ilustrativa/Divulgação)

Vacinação será realizada de acordo com as doses disponíveis  

São Luiz Gonzaga inicia nesta terça-feira, 20, a imunização de pessoas com 61 anos contra a COVID-19. A Secretaria de Saúde informa que a vacinação ocorrerá de acordo com as doses disponíveis do imunizante.  

As vacinas são aplicadas nas ESFs nos bairros do município e no Centro de Saúde (o qual atende ao público da ESF Centro – atual ambulatório COVID-19 – e residentes do interior do município). Além da 1ª dose para as pessoas com 61 anos ou mais, as unidades de saúde também realizam a aplicação da 2ª dose da vacina contra a COVID-19. Quem já recebeu uma dose do imunobiológico deve ficar atento a data da segunda aplicação, a qual consta na caderneta de vacinação ou no comprovante da vacina.  

Para a imunização (tanto na 1ª como na 2ª dose), é necessário apresentar um documento de identificação, cartão SUS e caderneta de vacinação. Os pacientes oncológicos, transplantados e imunossuprimidos só poderão realizar a vacina mediante apresentação de atestado médico. Os idosos que já receberam a 1ª dose também devem apresentar o comprovante da vacinação. A 2ª dose da vacina deverá ser realizada, preferencialmente, na mesma unidade de saúde em que foi aplicada a 1ª dose.    

O atendimento nas ESFs ocorre das 7 horas ao meio-dia e das 13 horas até às 16 horas. O Centro de Saúde realiza turno único, das 7 horas até às 13 horas, sem fechar ao meio-dia. Mais informações sobre o cronograma de imunização nas unidades de saúde por meio dos números: 

– Duque de Caxias: 3352-9081;  

– Bairro Trinta: 3352-9082;  

– Bairro Floresta: 3352-9083; 

– Bairro Paz: 3352-9084;  

– Bairro Presidente Vargas: 3352-9085; 

– Bairro Mário: 3352-9086; 

– Dr. Chico: 3352-9087; 

– Ramona Gonçalves Ferreira: 3352-9088;  

– Centro de Saúde: 3352-9080;  

– Bairro Agrícola: 3352-9021.   

Fonte: AI da Prefeitura de São Luiz Gonzaga com informações da SEMSA  

Pirapó é responsável pela metade dos pacientes internados na Ala Covid-19 do Hospital São Luiz Gonzaga nesta segunda-feira

(Divulgação)

Casa de saúde são-luizense também tem pacientes de Santo Antônio das Missões (3), Roque Gonzales (2), Bossoroca (1). São Luiz Gonzaga tem cinco internados. Boletim também informa óbito de paciente de 57 anos de São Nicolau nesta segunda-feira

O boletim do Hospital São Luiz Gonzaga desta segunda-feira, 19, mostra que subiu o número de internados na Ala Covid-19; são 22 pacientes, sendo que 11, ou seja, metade são do município de Pirapó. O município vive um momento difícil de enfrentamento à covid-19 e já registrou 10 mortes em decorrência da doença, número alto comparado à taxa populacional.

São Luiz Gonzaga, por sua vez, está com cinco pacientes na Ala Covid e outros quatro em leitos de UTI da região. Hoje foram confirmados 21 novos casos da doença. Abaixo os detalhes do Boletim Epidemiológico:

Testar RS  

Feminino – 9 meses, 23, 18, 54 e 17 anos

Masculino – 15, 36, 27, 31, 46 e 42 anos

Laboratório / Farmácia  

Feminino – 19, 5, 38 e 54 anos

Masculino – 41, 66, 31, 63, 62 e 41 anos

Dados Gerais:

Nº total de casos confirmados de Covid-19: 2.312

Nº de pacientes recuperados: 2.216

Nº de casos ativos: 41

Nº de óbitos: 55

Nº de pessoas em monitoramento domiciliar: 114

Nº de coletas para Covid-19 aguardando resultado do LACEN/RS: 15                               

Nº total de casos descartados para Covid-19: 5.677

Nº de pacientes internados no Hospital São Luiz Gonzaga (HSLG) em decorrência da COVID-19: 22

– São Luiz Gonzaga: 5

– Bossoroca: 1

– Pirapó: 11

– Roque Gonzales: 2

–  Santo Antônio das Missões: 3

Nº de pacientes de São Luiz Gonzaga internados em outros municípios: 4 (em leitos de UTI)

Boletim do Hospital São Luiz Gonzaga:

Atualmente temos 22 pacientes internados. (até às 14 horas)

Paciente masculino, 64 anos, procedente de Bossoroca, com necessidade de suporte de oxigênio. Antígeno Positivo.

Paciente masculino, 57 anos, procedente de São Luiz Gonzaga, com necessidade de suporte de oxigênio. Antígeno Positivo.

Paciente masculino, 51 anos, procedente de São Luiz Gonzaga, sem necessidade de suporte de oxigênio. Antígeno Positivo.

Paciente feminina, 72 anos, procedente de Roque Gonzales, com necessidade de suporte de oxigênio. Antígeno Positivo.

Paciente masculino, 56 anos, procedente de Pirapó, com necessidade de suporte de oxigênio. Antígeno Positivo.

Paciente masculino, 68 anos, procedente de Pirapó, com necessidade de suporte de oxigênio. Antígeno Positivo.

Paciente masculino, 33 anos, procedente de São Luiz Gonzaga, sem necessidade de suporte de oxigênio. Aguardando informações sobre resultado de exame.

Paciente feminina, 66 anos, procedente de Pirapó, sem necessidade de suporte de oxigênio. Antígeno Positivo.

Paciente feminina, 57 anos, procedente de Santo Antônio das Missões, com necessidade de suporte de oxigênio. Aguardando informações sobre resultado de exame.

Paciente masculino de, 32 anos, procedente de Pirapó, sem necessidade de suporte de oxigênio. Antígeno positivo.

Paciente feminina, 53 anos, procedente de Roque Gonzales, com necessidade de suporte de oxigênio. Antígeno positivo.

Paciente feminina, 70 anos, procedente de Pirapó, com necessidade de suporte de oxigênio. Aguardando informações sobre resultado de exame.

Paciente masculino, 69 anos procedente de Santo Antonio das Missões, com necessidade de suporte de oxigênio. Aguardando informações sobre resultado de exame.

Paciente feminina, 50anos, procedente de Pirapó, com necessidade de suporte de oxigênio. Aguardando informações sobre resultado de exame.

Paciente masculino, 62 anos, procedente de São Luiz Gonzaga, sem necessidade de oxigênio. Antígeno positivo.

Paciente masculino, 51 anos, procedente de Pirapó, sem necessidade de oxigênio. Antígeno positivo.

Paciente feminina, 50 anos, procedente de São Luiz Gonzaga, sem necessidade de oxigênio. Antígeno positivo.

Paciente feminina, 60 anos, procedente de Pirapó, com necessidade de oxigênio. Antígeno positivo.

Paciente masculino, 41 anos, procedente de São Luiz Gonzaga, sem necessidade de oxigênio. Antígeno positivo.

Paciente masculino, 80 anos, procedente de Pirapó, com necessidade de oxigênio. Aguardando informações sobre resultado de exame.

Paciente masculino, 88 anos, procedente de Pirapó, com necessidade de oxigênio. Antígeno positivo.

Paciente masculino, 52 anos, procedente de Pirapó, sem necessidade de oxigênio. Antígeno positivo.

Transferência

Paciente masculino, 67 anos, procedente de São Luiz Gonzaga, transferido para leito clinico em 17/04/2021.

Alta

Paciente masculino, 58 anos, procedente de Pirapó, recebeu alta hospitalar em 16/04/2021.

Óbito

Paciente feminina, 57 anos, procedente de São Nicolau, óbito em 19/04/2021 na Ala Covid do HSLG.

Avisos:       

Reforçamos o pedido para que as pessoas fiquem em casa, saindo apenas em casos de extrema necessidade; usem máscaras de proteção facial ao circularem pelas ruas e estabelecimentos; evitem aglomerações (incluindo eventos familiares); mantenham a distância mínima de dois metros entre pessoas; realizem a higienização das mãos com água e sabão ou álcool em gel; ao espirrar ou tossir, usem lenços descartáveis ou cubram a boca e o nariz com o antebraço, entre outras ações a fim de evitar a disseminação do vírus.

A ESF Centro realiza atendimento exclusivo aos pacientes com sintomas gripais. A unidade de saúde atende em três turnos, das 7 horas ao meio-dia, das 13 horas até às 16 horas e das 18 horas até às 22 horas, de segunda a sexta-feira (exceção nos feriados e pontos facultativos). O ambulatório também realiza atendimento aos sábados, das 7 horas ao meio-dia e das 13 horas até às 17 horas. Dúvidas sobre o novo coronavírus (COVID-19)? Entre em contato com a Secretaria de Saúde por meio do número (55) 98439-9690.

Gráficos:

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde e Hospital São Luiz Gonzaga

Município de São Luiz Gonzaga registra a 55ª morte em decorrência da covid-19

(Divulgação)

Paciente de 75 anos estava internado no Hospital São Luiz Gonzaga  

São Luiz Gonzaga registrou no domingo (18), mais um óbito devido a complicações da COVID-19, a 55ª morte desde o início da pandemia. O paciente – de 75 anos – deu entrada no Hospital São Luiz Gonzaga (HSLG) no dia 28 de março, sendo transferido para a ala clínica do HSLG no dia 8 de abril, falecendo no último domingo. 

A Administração Municipal reforça o pedido para que as pessoas fiquem em casa, saindo o mínimo possível; usem máscaras de proteção facial ao circularem pelas ruas e estabelecimentos; evitem aglomerações (incluindo eventos familiares); realizem a higienização das mãos com água e sabão ou álcool em gel; entre outras ações a fim de evitar a disseminação do vírus. 

Fonte: AI da Prefeitura de São Luiz Gonzaga com informações da SEMSA 

Aparelho de auto fluxo recebido pelo HSLG permite tratamento semelhante à ventilação mecânica sem necessidade de intubar

Cláudia, José Renato e Iria Diedrich. (Fotos: Alcides Figueiredo/Rádio São Luiz)

Aquisição foi feita por meio de doações de empresários em campanha das Amigas do Bem

As Amigas do Bem entregaram na sexta-feira passada, 16, um aparelho de alto fluxo de oxigênio para o Hospital São Luiz Gonzaga. Conforme a presidente da associação, Cláudia Parcianello, o equipamento, avaliado em quase R$ 40 mil, foi adquirido por meio da ajuda da comunidade, em especial empresários locais ligados ao agronegócio.

Este é o segundo equipamento recebido pela casa de saúde. Antes, a Coopatrigo já havia feito uma destinação.

Segundo o diretor técnico do hospital, doutor José Renato Grisolia, o aparelho permite fazer tratamento semelhante à ventilação mecânica sem a necessidade de intubar. “Para exemplificar, num cateter de nariz conseguimos colocar de 5 a 8 litros de oxigênio, numa máscara cerca de 15 litros, nesse aparelho são 60 litros por minuto. Com essa concentração, mesmo os pulmões afetados conseguem manter a oxigenação”, explicou o médico.

Cláudia destacou o apoio do Grupo Filhos da Terra e insistiu que toda colaboração é bem-vinda, independente de valor. Para contribuir é possível fazer depósito na conta da associação:

Agência Sicredi: 0307

Conta Corrente: 137061

Pix: 30.903.695/0001-82

Fonte: Rádio São Luiz