Pró-reitor de Desenvolvimento Institucional do IFFar projeta início das aulas para o segundo semestre de 2025

Arquivo/Divulgação

O Pró-reitor de Desenvolvimento Institucional e Reitor Substituto do Instituto Federal Farroupilha (IFFar), professor Carlos Lehn, comentou nesta quarta-feira, 10, sobre as etapas em andamento para a efetivação do campus em São Luiz Gonzaga. Segundo o gestor, os prazos estão sendo cumpridos dentro do planejado e a previsão é que as aulas iniciem no segundo semestre do ano que vem.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Lehn destacou que as definições da sede provisória e do local para a construção do campus já foram encaminhadas para a Secretaria de Educação, Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação (Setec). Ele reforçou que até a construção do espaço definitivo, a instituição vai utilizar como sede provisória o prédio que era da CNEC, e que a área destinada para a construção do campus fica na região do Parque Centenário.

O Pró-reitor também falou sobre os encaminhamentos dos eixos tecnológicos. Lehn citou que as quatro possibilidades apresentadas para a comunidade na audiência pública do dia 5 de junho levaram em conta a analise dos arranjos produtivos locais e aqueles que poderiam ser potencializados. Dessa votação, a comunidade escolheu os eixos de informação e comunicação e ambiente e saúde. Isso não significa, segundo o professor, que o campus não possa ser contemplado com outros cursos futuramente.

Quanto ao quadro de docentes e técnicos administrativos, Lehn explicou que a primeira etapa para a formação da equipe que vai atuar em São Luiz Gonzaga está ocorrendo de forma interna, com o processo de remoção, no qual os servidores que já atuam no IFFar podem manifestar interesse em trabalhar na nova unidade. Depois, a partir da conclusão dessa etapa, será realizado concurso público para completar os quadros. Como a previsão é de que as aulas iniciem no segundo semestre, os profissionais que vão atuar no campus deverão iniciar o trabalho na sede provisória ainda no primeiro semestre de 2025.

Fonte: Rádio São Luiz