Bossoroca

Paciente de Bossoroca segue hospitalizada em Cruz Alta, mas teve suspeita de Covid-19 descartada

Foto: Blog Bossoroca RS

Bossoroca registrou, até o momento, dois casos positivos para Covid-19. Trata-se de um casal, que se recupera bem

A paciente de Bossoroca, que na sexta-feira passada, dia 12, deu entrada no Hospital São Luiz Gonzaga com quadro respiratório grave e, por isso, realizou coleta para testar um possível caso de Covid-19, teve resultado negativo para a doença. A informação é do coordenador de vigilância em saúde de Bossoroca, Rodrigo Comasseto de Farias.

A paciente possui uma síndrome rara que causa um comprometimento pulmonar. Contudo, apesar do histórico, como havia recebido visita de familiares de outras localidades, surgiu a suspeita de coronavírus.

Atualmente ela segue hospitalizada em Cruz Alta para onde foi transferida devido a gravidade do quadro. Nos últimos dias, no entanto, a paciente tem evoluído positivamente.

Fonte: Rádio São Luiz com informações da Coordenadoria de Vigilância em Saúde de Bossoroca

Coleta de amostra para exame da Covid-19 é feita em paciente de Bossoroca

(Foto: divulgação)

Uma mulher de Bossoroca, que deu entrada no Hospital de São Luiz Gonzaga por volta da 1h desta sexta-feira (12), teve amostra coletada para ser enviada ao Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen RS). Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de São Luiz Gonzaga, ela apresentava um quadro respiratório grave e precisou ser transferida para Cruz Alta. Não há confirmação se foi realizado teste rápido.

A Secretaria Municipal de Saúde de Bossoroca e um médico que seguidamente atende a paciente, falou para nossa reportagem que a mulher tem histórico de problemas respiratórios. Frequentemente ela busca atendimento na ESF da Gaúcha e no Posto de Atendimento, ou seja, os sintomas apresentados podem estar relacionados com esse quadro.

Bossoroca registrou, até o momento, dois casos positivos para Covid-19. Confirmações foram por teste rápido no dia 2 de junho. Trata-se de um homem de 53 anos e de uma mulher de 52 anos. O casal se recupera bem e está em isolamento domiciliar.

Fonte: Rádio São Luiz

Daer conclui recuperação da ERS-168 entre Santiago e Bossoroca

Reconstrução completa do trecho pertencente a Bossoroca foi concluída em abril – (Foto: Divulgação Daer)

Obras em 44 quilômetros melhoram condições de tráfego entre a Região Central e as Missões

O Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) – vinculado à Secretaria de Logística e Transportes – concluiu mais uma das metas do Plano de Obras do Governo do Estado: a recuperação da rodovia ERS-168. As atividades aconteceram em 44 quilômetros entre os municípios de Santiago e Bossoroca – trecho considerado uma das principais rotas entre as regiões Central e das Missões.

Além da recuperação completa dos sete quilômetros mais críticos na chegada a Bossoroca, as frentes de obras também executaram a manutenção da pista nos 37 quilômetros restantes até Santiago. O primeiro serviço foi concluído no final de abril. Já a recuperação da maior parte da rodovia ficou pronta no fim de maio. O investimento é de aproximadamente R$ 6 milhões, com recursos do Tesouro do Estado.

“Mesmo durante a pandemia do coronavírus, mantivemos entre nossas prioridades a entrega dessa obra importantíssima ao Estado”, afirma o secretário Juvir Costella. “Com isso, melhoramos consideravelmente as condições de trafegabilidade para a circulação de pessoas e o escoamento da produção agropecuária.”

Outras estradas da região também estão recebendo atenção especial do Daer. É o caso das obras que iniciaram este mês na RSC-377, entre Capão do Cipó e o distrito de Santa Tecla, em Tupanciretã. Aproximadamente R$ 2 milhões – provenientes do Tesouro do Estado – serão investidos na melhoria do pavimento do trecho de 40 quilômetros.

Durante o segundo semestre será concluída a pavimentação de quatro quilômetros da ERS-566, em Alegrete. Ao todo, serão investidos cerca de R$ 3 milhões, provenientes da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (CIDE).

“Estamos com diversas frentes de trabalho que, ao longo deste ano, vão proporcionar uma melhora significativa na malha rodoviária da região”, salienta o diretor-geral do Daer, Luciano Faustino. “A expectativa é encerrar 2020 com a conclusão de estradas que melhorem o acesso da comunidade e alavanquem o desenvolvimento regional.”

Serviços de manutenção ocorreram em 37 quilômetros da ERS-168 – (Foto: Divulgação Daer)

Texto: Liana Ramos Carvalho

Fonte: Assessoria de Comunicação Social – Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem

Bossoroca confirma os dois primeiros casos de coronavírus

A Secretaria Municipal de Saúde de Bossoroca emitiu comunicado na tarde desta terça-feira (2), informando que hoje pela manhã a equipe de vigilância em saúde realizou investigação epidemiológica, baseada em informações da população, a respeito de possíveis casos que tiveram contato com pacientes que testaram positivo para Covid-19 em municípios vizinhos.
Na investigação, foi realizado um roteiro epidemiológico, mostrando os contatos destas pessoas nos últimos dias, como também realizado consulta médica para estas pessoas e realizado a testagem rápida para Covid-19.

Nessa testagem, um casal, a mulher com 52 anos e o homem com 53 anos, testaram positivo para a doença. A partir disso, foi realizada uma série de testes rápidos nos demais contados deste casal, sendo todos negativos. O casal seguirá monitorado pela equipe de saúde responsável e manterá isolamento de 14 dias.

Em nota, a pasta enfatizou a necessidade do distanciamento social, bem como o uso de máscaras e a observação da etiqueta respiratória.

Fonte: Assessoria de Comunicação

Prefeito de Bossoroca comenta aproximação dos prazos das eleições 2020 e defende adiamento do pleito

(Foto: arquivo/Rádio São Luiz)

O prefeito de Bossoroca, José Moacir Fabrício Dutra, falou nesta segunda-feira (1º) sobre o calendário eleitoral 2020, que vê seus prazos cada vez mais próximos de expirar. O próprio gestor, que pretende se candidatar mais uma vez, precisou se licenciar da diretoria da Associação dos Municípios das Missões (AMM) e da presidência do Consórcio Intermunicipal de Saúde, o qual, segundo ele, foi entregue ao prefeito Puranci Barcelos, com bom andamento. O Consórcio em questão trata da gestão de recursos destinados ao Hospital São Luiz Gonzaga.

Juca defende a posição de entidades como a Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs) e da Confederação Nacional de Municípios (CNM), que pedem o adiamento das eleições 2020. Ele citou, por exemplo, o aperto no prazo para o início das convenções previstas para o fim deste mês e início de julho; e depois a própria campanha.

“Em uma situação de normalidade ela não pode ser adiada, mas no momento são questões que não dependem do homem. É até uma falta de respeito dizer que não vão fazer isso, quando estamos em uma pandemia onde todos os órgãos públicos e privados estão envolvidos há pelo menos seis meses”, comenta. O prefeito disse que tudo dependerá do comportamento da pandemia até lá, mas que não vê a possibilidade de se manter como está.

Na ocasião, Juca também falou sobre o andamento das obras, que não estão na mesma intensidade em função da queda na arrecadação, mas ressaltou que projetos que não dependem deste recurso, como o asfaltamento de ruas da cidade, seguem. Ele ainda lembrou que existe um acordo com a câmara para que a casa legislativa destine recurso para completar a pavimentação em mais algumas ruas, mas que no momento é preciso observar os compromissos fixos como a folha de pagamento, que são custos permanentes.

Apesar disso, o objetivo segue sendo melhorar a infraestrutura nos próximos meses, com atenção especial para estradas do interior, pois a característica do município exige que produtores e estudantes tenham uma condição mínima de trânsito nas áreas rurais.

Fonte: Rádio São Luiz

Homem é morto no interior de Bossoroca

Neste sábado, por volta das 16h, no Rincão Santa Maria, interior de Bossoroca, ocorreu o homicídio consumado de Rafael Brum Gomes, 32 anos, por disparo de arma de fogo.

A vítima foi socorrida por morador próximo de onde ocorreu o fato e conduzido ao Hospital de São Luiz Gonzaga onde deu entrada por volta das 18h, já sem vida. As investigações estão a cargo da Delegacia de Polícia de Bossoroca.

Fonte: Polícia Civil

Homem furta caminhonete em Bossoroca, capota o veículo durante a fuga e é preso

(Imagem: divulgação/Rádio São Luiz)

Por volta das 5h da manhã desta sexta-feira (29), em Bossoroca, um homem furtou umacaminhonete e fugiu. No trajeto entre Bossoroca e São Luiz Gonzaga ele acabou capotando o veículo.

Apesar do acidente, ele conseguiu fugir, mas foi capturado cerca de duas horas depois em um posto de combustível pela Brigada Militar. Ele foi apresentado na Delegacia de Polícia, onde foi arbitrada fiança de R$ 5 mil, a qual não foi paga.

Ele foi preso e encaminhado à Penitenciária Estadual de São Luiz Gonzaga.

Fonte: Rádio São Luiz

Prefeito Juca Dutra comenta entraves no repasse dos recursos federais

(Foto: arquivo/Rádio São Luiz)

O prefeito de Bossoroca, José Moacir Fabrício Dutra, comentou hoje (19) sobre as ações das esferas estadual e federal no enfrentamento da pandemia. Juca lembrou que nesta quinta-feira (21), governadores e o presidente da República devem se reunir para discutir a reabertura econômica, o auxílio financeiro aos estados e, consequentemente, aos municípios.

É este último tópico que mais tem preocupado os gestores municipais, pois, conforme o prefeito, há uma “confusão” muito grande e o dinheiro acaba não chegando. Ele criticou os muitos anúncios de recursos feitos pelo congresso, mas que acabaram “trancando”, pois, segundo Juca, é sabido que a União não tem todo o valor.

Ele também destacou que será preciso um controle maior do dinheiro, pois como a situação pandêmica flexibilizou muitos processos de contratação de serviços e compras de materiais, passou a haver um gasto sem controle no Brasil.

Por fim, Juca comentou sobre os mutirões que vêm sendo realizados visando prevenir o surgimento de casos de dengue que, somados ao problema do coronavírus, trariam problemas ainda maiores para a população. Outra dificuldade destacada pelo prefeito foi a estiagem, que gera preocupação e prejuízos aos produtores, que no momento aguardam os bancos prorrogarem os prazos dos contratos já realizados.

Fonte: Rádio São Luiz

Com transmissão pela internet, 13ª Feira Oficial de Terneiros, Terneiras e Vaquilhonas de Bossoroca ocorre neste sábado (9)

(Foto: divulgação)

Neste sábado (9), a partir das 15h, no Parque de Exposições Marcos da Silva Fabrício, ocorre a 13ª Edição da Feira Oficial de Terneiros, Terneiras e Vaquilhonas. Aproximadamente 600 animais estarão disponíveis para remate.

Em virtude da pandemia do coronavírus (Covid-19), o evento, que é organizado pelo Sindicato Rural de Bossoroca e pela BC Remates, terá leilão on-line, com transmissão pelas páginas dos organizadores no Facebook. Segundo Ardi Jaeger, presidente do Sindicato, todos aqueles que estiverem no parque terão à disposição álcool em gel e máscaras, que obrigatoriamente devem ser usadas. “Não teremos nosso tradicional almoço e vamos respeitar todas as normas e exigências de prevenção. Não é uma festa, é uma feira de negócios”, destaca o presidente.

O patrocinador master da 13ª Edição da Feira Oficial de Terneiros, Terneiras e Vaquilhonas é o Banrisul. O evento também conta com apoio da Barraca Missões; Sicredi; Banco do Brasil e Inspetoria Veterinária. Dúvidas entre em contato pelo 9 9626-3687.

Para assistir clique em um dos links (link 1 – Sindicato Rural); (link 2 – BC Remates).

Fonte: Rádio São Luiz

Sindicato Rural de Bossoroca e BC Remates promovem 13ª Edição da Feira Oficial de Terneiros, Terneiras e Vaquilhonas no dia 9 de maio

(Imagem: divulgação)

Transmissão e lances serão on-line

O Sindicato Rural de Bossoroca e a BC Remates, promovem, no próximo dia 9 de maio, a 13ª Edição da Feira Oficial de Terneiros, Terneiras e Vaquilhonas. O evento será a partir das 15h, no Parque de Exposições Marcos da Silva Fabrício.

A transmissão será on-line pelas fanpages no Facebook do Sindicato Rural de Bossoroca e da BC Remates. A participação do público e os lances serão virtuais.

A participação presencial dos pecuaristas deve ser comunicada com antecipação pelos fones

3356-1105 e 9-9626-3687. A 13ª Edição da Feira Oficial de Terneiros, Terneiras e Vaquilhonas tem o patrocínio de Banrisul – O Banco dos Gaúchos.

Fonte: Assessoria de Imprensa