Programa Juro Zero, do governo do estado, deveria ser estendido ao pequeno agricultor, defende deputado

(Ilustrativa/Divulgação)

Porto Alegre – A linha de crédito com juros subsidiados pelo governo do estado deveria atender também o pequeno agricultor. Quem defende a proposta é o deputado Clair Kuhn, do MDB, que afirma já estar trabalhando com o governo para atender a demanda. Ele também quer que seja ampliado o recurso para os já contemplados.

Receba nossas notícias pelo WhatsApp

Ao todo, o governo destinou R$ 600 milhões para microempreendedores (linha de R$ 10 mil), pequeno empreendedor (linha de R$ 30 mil) e pequenas empresas (linha de R$ 100 mil). Por conta da adesão, já há casos de esgotamento, nestes grupos,  do limite em algumas linhas. O parlamentar disse que está articulando para que o valor destinado seja ampliado e que sejam incluídos os produtores de hortifrutigranjeiros, pequenas agroindústrias e criadores de gado leiteiro e de corte.

O Programa Juro Zero consiste na oferta de uma linha de crédito, nos valores já citados, com carência de três meses para o pagamento da primeira parcela, juro subsidiado e parcelas que vão de 12 a 33 vezes.

Fonte: Rádio São Luiz